Festas e blocos carnavalescos estão proibidos em Sergipe

0
Governador Belivaldo Chagas pede consciência da população durante o carnaval (Foto: ASN)

Ficou definido na reunião do Comitê Técnico-Científico e de Atividades Especiais (Ctcae) realizada nesta quinta-feira, 4, no Palácio dos Despachos, o cancelamento do ponto facultativo em Sergipe entre os dias 15 e 17 de fevereiro, data do carnaval. Também foram definidas medidas que serão adotadas durante o mês para coibir aglomerações e festas de rua.

Além do cancelamento do ponto facultativo, já que o carnaval não é feriado nacional, fica proibida, entre os dias 11 a 21 de fevereiro de 2021, a realização de comemorações e festividades relacionadas ao carnaval, incluídas confraternizações, eventos festivos, blocos, prévias carnavalescas, apresentações musicais, shows e similares com ou sem comercialização de ingressos, em ambientes públicos ou privados de uso comum.

A maioria dos estados já cancelou o ponto facultativo no carnaval e em Sergipe não poderia ser diferente. Todas as festas que remetam à comemoração de carnaval estão proibidas até o dia 21. Também reduzimos a quantidade de pessoas em outros tipos de eventos para 50%. Os eventos fechados, que podiam ter até 100 pessoas, agora terão 50. E as festas em ambiente aberto tem redução de público de 150 para 75 pessoas até o dia 21”, explica Belivaldo Chagas.

De acordo com o Governador, a medida foi adotada para conter o avanço da Covid-19 e o número de mortes no estado provocadas por complicações da doença. Belivaldo conta que uma força tarefa estará nas ruas para fiscalizar e reprimir aglomeração. O gestor pede ajuda e consciência da população.

“Com a vacina, poderemos evitar mortes, mas por enquanto, estamos recebendo as doses a passos lentos. Então, a população precisa ter consciência, se cuidar e denunciar. Temos novas cepas do vírus circulando, o vírus está em mutação e enquanto isso acontece, mais pessoas são contaminadas. As pessoas estão morrendo. Foram 294 óbitos só em janeiro. Então, só com consciência vamos vencer essa luta”, enfatiza.

Cada munícipio tem liberdade de decretar ou não os pontos facultativos durante o carnaval. De acordo com o Governador, o prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira, que participou da reunião do comitê, já declarou que não irá decretar ponto facultativo. “O presidente da Federação dos Municípios (Fames), Cristiano Cavalcanti, também participou da reunião e disse que muitos prefeitos já sinalizaram que irão seguir as medidas estaduais”, diz.

Por Karla Pinheiro

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais