Funcionários do Hospital Amparo de Maria continuam em greve

0
Servidores continuam em greve (Foto: Sintasa)

Os funcionários do Hospital Amparo de Maria, localizado em Estância, continuam em greve. Por causa da paralisação, os atendimentos na unidade são realizados com somente 30% do efetivo. A gestão quitou parte dos salários atrasados, mas ainda busca medidas para quitar a folha de pagamento e viabilizar a retomada das atividades.

A greve foi iniciada no dia 28 de fevereiro em virtude do atraso no pagamento de salários e do 13º. Nesta quinta-feira, 7, o diretor do Sintasa, Adailton Santos,informou que apesar da realização de parte dos pagamentos a algumas categorias, os técnicos de enfermagem ainda estão em greve, pois estão pendentes os salários de janeiro e fevereiro, além do 13º salário. O Sintase também revelou que assunto foi discutido com o secretário de saúde Valberto Lima e que solicitou à SES, maior rigor na fiscalização da gestão da unidade hospitalar.

A assessoria de comunicação do Hospital Amparo de Maria confirmou que, por orientação judicial, pagou os salários daqueles que recebem até um salário mínimo, dos anestesistas, e também os impostos. A assessoria disse também que a gestão irá retomar, junto a SES, as tratativas para que sejam encontradas soluções para o pagamento de toda a folha salarial no menor prazo possível.

por Verlane Estácio

Comentários