Sergipe registra oitava morte por dengue grave

0
Com a confirmação da causa deste óbito, o Estado de Sergipe já registra oito mortes em decorrência da doença (Foto: arquivo/ Portal Infonet)

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) confirmou nesta segunda-feira, 22, mais um caso de morte por dengue grave. A vítima foi uma mulher de 32 anos que morreu no Hospital de Urgência de Sergipe (Huse), no final do mês passado. Com a confirmação da causa deste óbito, o Estado de Sergipe já registra oito mortes em decorrência da doença. Sendo cinco mortes de crianças e mais três de adultos.

“O óbito [desta mulher] já estava em investigação”, afirma a Coordenadora de Vigilância Sanitária da SES, Mércia Feitosa. Segundo ela, a partir do momento em que a vítima morreu com os indícios da doença, a SES começou um processo de análise a fim de descobrir se realmente a causa da morte foi em decorrência de complicações por dengue. “Hoje foi apenas a conclusão [ou seja, a confirmação de dengue grave como causa da morte] desta investigação”, relatou Mércia.

Outros casos confirmados

Entre os casos confirmados, está a morte que ocorreu em fevereiro deste ano, quando a SES confirmou que uma criança de seis anos, que deu entrada no Hospital de Urgência de Sergipe (Huse) no último dia 15 de fevereiro, morreu vítima de dengue hemorrágica. Este foi o primeiro caso. Em seguida, mais uma morte foi confirmada no dia 02 de maio. Um menino de sete anos morreu no Hospital Regional de Nossa Senhora da Glória em decorrência de uma dengue grave. A terceira morte foi confirmada no dia 13 de maio, que vitimou uma criança de 05 anos. E ainda segundo a SES, um adulto também morreu em razão de dengue grave, também no início de maio deste ano. No mês passado, uma menina de 10 anos também morreu em decorrência da doença no município de Propriá. O sexto óbito foi confirmado no dia 1º de julho.

por João Paulo Schneider  e Verlane Estácio

Comentários