Médicos continuam realizando atos e não descartam greve

0

SES diz que até segunda proposta será apresentada à categoria (Foto: arquivo Portal Infonet)

Médicos de dez especialidades de Sergipe continuam o movimento paredista realizando uma sequência de paralisações. O objetivo é conseguir diálogo com o Governo do Estado para atender reivindicações como isonomia salarial. Greve não está descartada.

De acordo com o Sindicato dos Médicos de Sergipe (Sindimed), a diferença salarial entre algumas categorias chega a 100%. O Sindimed também informou que está tentando marcar uma audiência com o governador Belivado Chagas.

Com a paralisação, somente os casos de urgência e emergência são atendidos. A próxima está marcada para o dia 24 em frente ao Palacio dos Despachos do Governo de Sergipe.

O Portal Infonet entrou em contato com a Secretaria de Estado da Saúde (SES), que admitiu um atraso de três semanas do que havia sido combinado com os médicos para apresentação de uma proposta em decorrência de problemas como o da nefrologia. A SES garante que até a próxima segunda-feira, 23, a categoria será chamada para uma reunião e apresentação do estudo.

por Jéssica França

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais