Batalhas de Lula, Dilma e Déda

0

Após diversos exames, o governador Marcelo Déda foi diagnosticado com um câncer no sistema digestivo e iniciará o tratamento por quimioterapia por um tempo ainda não definido. Há aproximadamente três anos ele passou por uma  cirurgia complexa quando foi diagnosticado um nódulo no pancreas.  O exame mostrou a ausência de lesão cancerígena e depois foi reoperado por conta de uma aderência instetinal pós-cirúrgica.

Déda enfrentará agora uma nova batalha em sua vida. Não política, mas uma batalha onde qualquer ser humano necessita não só da solidariedade, mas de incentivo e apoio para conquistar a vitória.

Dilma – Nos últimos anos, Dilma e Lula travaram essas batalhas e saíram vitoriosos. Dilma teve linfoma, um tipo de câncer que se origina com a transformação dos linfócitos (células responsáveis pela defesa do organismo, importantes para o combate a infecções).Com o tratamento perdeu os cabelos, usou peruca e sua candidatura a presidente quase foi descartada.

Lula – Já o ex-presidente Lula, há cerca de um ano teve diagnosticado um  câncer na laringe. O tratamento teve uma série de sessões de quimioterapia e radioterapia. Até hoje ele se recupera do tratamento, perdeu todo o cabelo, mas não foi necessária uma cirurgia e não interferiu em seus futuros planos políticos.

Déda – O câncer diagnosticado no governador Marcelo Déda é numa região delicada, mas o tratamento vem dando certo em diversos casos. É preciso repouso e o tratamento inicial é sempre doloroso.

Lamentavelmente sempre tem os que espalham boatos de todos os tipos. Alguns poucos que esquecem que antes da política-partidária em cada luta contra qualquer tipo de doença existe um ser humano que merece, antes de tudo, respeito seja qual for o cargo que desempenha.

Aqueles que neste momento delicado preferem a boataria do que a solidariedade a um pai de família, a um governante que queira ou não marca a história política de Sergipe com quatro vitórias seguidas no 1º turno eleitoral (PMA e governo estadual), são os mesmos que colocam os interesses individuais acima dos interesses coletivos.

Esquecem estes boquirrotos, que todos estão sujeitos as doenças. Que neste momento é preciso  respeito ao ser humano Marcelo Déda e toda sua família.

O verdadeiro cristão torce neste momento que Marcelo Déda enfrente este novo obstáculo com a vitória o mais rápido possível para que possa retornar a comandar o governo do Estado.

Afinal o homem nasceu para lutar e a sua vida é uma eterna batalha.

Déda faz gravação
Ontem, 01, no hospital onde se encontra em São Paulo, o governador licenciado Marcelo Déda fez uma gravação para o horário eleitoral do candidato Valadares Filho na TV e outras gravações para o horário eleitoral do rádio para candidatos no interior. Mostrou disposição e recebeu alguns telefonemas, inclusive da presidente Dilma.

Ato essencialmente político
As lideranças políticas que apoiam o candidato a prefeito de Aracaju, Valadares Filho, transformaram os discursos ontem, 01, na plenária dos militantes do PT, realizada no Iate Clube, num ato essencialmente político mostrando a diferença dos dois projetos que estão em disputa na capital sergipana.

Eleição emblemática

Os discursos foram fortes mostrando que a eleição é emblemática para Aracaju e todo o grupo. O discurso do presidente estadual do PT, Rogério Carvalho conclamou a militância para reforçar a campanha nesta reta final e com entusiasmo lembrou da virada que pode acontecer e uma possível vitória ainda no 1º turno se o crescimento de Valadares Filho continuar da forma atual e a descida do adversário João Alves.

Oração
O governador em exercício, Jackson Barreto fez um discurso enfático e levou muitos militantes as lagrimas quando pediu que todos fizessem uma corrente de oração naquele momento para o governador Marcelo Déda.  O candidato a prefeito Valadares Filho ao agradecer o empenho da militância de todos os partidos, principalmente do PT, reforçou que se eleito, será o prefeito de todos e que sua eleição não é um projeto individual ou de um partido, mas de um grupo político.

João vista feiras livres I
Nem a forte chuva que caiu em Aracaju, no final de semana, impediu o candidato João Alves Filho (Democratas) de fazer campanha de rua e pedir voto na feira livre do bairro Santo Antônio, na Avenida Maracaju. O democrata ouviu atentamente as reclamações dos feirantes e disse que, “sendo eleito prefeito da capital, vamos ter uma feira livre com melhores condições, melhores acomodações e, principalmente, mais higiene. Será bom para o feirante e para o consumidor”.

João visita feiras livres II
Durante a caminhada a chuva se intensificou, mas ele continuou percorrendo a feira ao lado de candidatos a vereador pela coligação que o apoia. O ex-governador falou com os feirantes e consumidores afirmando que se sentia em casa, andando de banca em banca, na feira livre do bairro onde nasceu.

João visita feiras livres III
“Eu tenho um profundo amor por Aracaju e o Santo Antônio é o meu berço, é o local onde nasci, cresci e vivi momentos inesquecíveis da minha vida”, revelou. No domingo João Alves percorreu ainda a feirinha do bairro Santa Maria, onde se comprometeu com os eleitores com que conversava a atender as principais reivindicações da comunidade assim que for eleito prefeito de Aracaju.

Segurança sim, exagero não!
Alguém da PM pode explicar a necessidade de cinco (5) viaturas do Gati escoltarem ontem, 01, a entrada do senador Eduardo Amorim em Capela? Não foi um exagero não? Todos defendem segurança, mas desta forma pareceu pirotecnia. E para completar o senador ainda tinha ao seu lado o capitão Samuel, deputado estadual. Parecia que ele comandava o Gati.

Professores do IFS continuam esperando resposta de Machado
Nesta semana uma novidade na denúncia dos professores do Instituto Federal de Sergipe que ingressaram com uma representação no MPF, denunciando o pagamento indevido ao professor e ex-deputado federal José Carlos Machado e a desincompatibilização para disputar a eleição com portaria retroativa. Na representação os professores acusam o reitor, Ailton Ribeiro, de designar José Carlos Machado, professor da instituição para exercer suas atividades no gabinete da reitoria para desempenhar assessoria parlamentar.

Portaria
Na representação, os professores denunciam que Machado não está ministrando aulas no IFS e que a portaria foi assinada em 01 de junho de 2011 retroativa a 01 de fevereiro, ou seja, cinco meses depois que ele deveria se apresentar ao Instituto para reassumir suas funções, quando terminou seu mandato parlamentar. Os professores denunciaram também ao MPF, que o reitor cometeu outro ato de improbidade administrativa ao emitir a portaria de 17 de Agosto de 2012 retroativa a 3 de Julho de 2012 e divulgada somente agora em setembro, para beneficiar novamente o professor José Carlos Machado, por conta do esquecimento para se desincompatibilizar  para candidatar-se ao cargo de vice-prefeito em Aracaju.

Ato de protesto
O silêncio do candidato Machado, que preferiu não responder a acusação, demonstra que professores do IFS tem razão. Alguns dos professores pretendem realizar um ato em frente ao Instituto nos próximos dias contando com o apoio dos alunos e cobrando celeridade do MPF na apuração da denúncia.

Debate terá questionamento sobre terrenos e cargo de professor no ITS
O debate da TV Sergipe promete. Assessorias de alguns candidatos tem como principais perguntas a João Alves questionamentos sobre dois temas importantes envolvendo o candidato a vice, Machado. Vão perguntar pelos terrenos não declarados a Justiça Eleitoral, tendo como provas certidões registradas recentemente em cartórios e o cargo  de professor do Instituto Federal de Sergipe cuja funções ele não exerce  porque está à disposição do gabinete do reitor a título de “assessoria parlamentar”. Será que João defenderá o vice em pleno debate?

Almeida assediado pelo DEM
Embora tenha confirmado presença no debate da TV Sergipe não é tranquila a situação do candidato do DEM. Há informações de que partidários dele vem assediando o candidato Almeida Lima para que ele não compareça ao debate numa forma de deixar o candidato João Alves mais tranquilo, mas quem conhece o candidato do PPS sabe que ele não perderá a oportunidade nem que seja para fazer sua despedida da campanha.

Diretoria Jurídica da AL esclarece polêmica sobre indicação para o TCE I
A Diretoria Jurídica da Assembleia Legislativa de Sergipe esclarece, quanto à decisão liminar prolatada no Mandado de Segurança impetrado pelo ex-deputado Belivaldo Chagas Silva (Processo nº 2012120720), que o Ofício n. 002/2012 expedido pelo presidente da Comissão Especial que analisará o Projeto de Decreto Legislativo n. 001/2012 (referente à indicação de Belivaldo para o cargo de Conselheiro do Tribunal de Contas), deputado Venâncio Fonseca (PP), não tem caráter de convocação ou sequer de convite para que o indicado comparecesse para fins de arguição pública.

Diretoria Jurídica da AL esclarece polêmica sobre indicação para o TCE II
Como o próprio ofício destaca, em seu segundo parágrafo, tal providência está a cargo da Primeira Secretaria na forma regimental, servindo o citado expediente somente para cientificar o interessado da tramitação processual. Desse modo, a Diretoria Jurídica da Assembleia Legislativa reafirma o pleno cumprimento das normas regimentais, principalmente no compromisso de salvaguardar as competências de todas as autoridades ou órgãos da Casa, inclusive no que se refere as atribuições da Primeira Secretaria. Quanto à citada decisão liminar, a Diretoria Jurídica da Assembleia Legislativa informa que já adotou as providências legais junto ao Poder Judiciário no sentido de resguardar a sua autonomia, que é constitucionalmente assegurada, dentro das normas do Estado Democrático de Direito.

Simpósio de Farmácia e Enfermagem em Oncologia
A equipe da Clínica Onco Hematos já está finalizando os últimos detalhes para arealização do 5º Simpósio de Farmácia e Enfermagem em Oncologia. O evento, que este ano terá como tema principal “Política de segurança em oncologia”, acontecerá dia 20 deste mês no auditório do Radisson Hotel, a partir das 8h. O simpósio é dirigido aos profissionais e estudantes das áreas de enfermagem e farmácia. Também podem ser inscritos trabalhos científicos, lembrando que os participantes receberão certificados. Mais informações sobre o evento e inscrições podem ser feitas através do site: www.oncohematos.com.br ou através dos telefones 2105-9900 e 8119-1467.

Léo & Thiago convidam Edson & Vinícius
"Vou te levar prá Jurerê"…Dia 20 de outubro a partir das 21h a maior Festa Sertaneja Country Universitária de Sergipe com a dupla revelação do gênero EDSON & VINÍCIUS e o sucesso nacional "JURERÊ" no Clube da Caixa Econômica, convidados da dupla de maior sucesso do gênero em  Sergipe, LÉO & THIAGO, um oferecimento Postos Presidente:  www.edsonevinicius.com.br  Promoção da Vitrine Brasil Show Contatos: (79) 9977-3304 / (79) 9988-9111 e (79) 3243-3279.

PELO TWITTER

www.twitter.com/Adalberto_Prof  ''Amigos falsos são como sombras. Vivem perto de você nos momentos brilhantes, mas na hora da escuridão, todos somem!''

www.twitter.com/marciorocha1  Eu só queria entender como o mundo comporta tanta gente burra…

www.twitter.com/Edson_Bomfim  E o sorriso farto de quem já se achava sentado na cadeira do Ignácio Barbosa está de meia boca. O fantasma das últimas eleições está solto.

www.twitter.com/aidabrandao22  Essa situação dos candidatos acharem que estão eleitos, é pura vaidade!!! Quem decide mesmo,é o POVO na hora de votar!!!O resto é ILUSÃO!!!

www.twitter.com/sergioalves1  Quando a prepotência é substituída pela violência significa que as coisas mudaram e já não são tão supostamente fáceis!

DO LEITOR
Desafio para João Alves Filho “que fez tudo em Aracaju”

Do leitor Messias Gonçalves Messias Gonçalves (mameangon@bol.com.br): “Quem estiver visitando a nossa capital, Aracaju, pela primeira vez e, ter paciência para ouvir ou assistir a um programa  eleitoral na  televisão, certamente achará que o candidato João Alves filho, seria a solução não para Aracaju, mas para o mundo. A equipe de marketing dele,consegue vender a imagem de que ele resolverá tudo que está faltando em Aracaju.O problema é que ao mesmo em que diz que vão resolver, eles dizem que eles já fizeram tudo.  Se fez então não precisa mais de nada. Está tudo bem. Mesmo assim, continuam a mentir para os eleitores.Sendo assim, diante de tantas dúvidas do que realmente João Alves Filho fará, caso seja eleito, eu sugiro um desafio ao candidato João Alves. Que faça o que o professor Wanderlê fez em São Cristóvão. Registre em cartório, todas as suas propostas, todos os seus projetos e, ainda registre caso vença a eleição, cumprirá todo os quatros anos para que foi eleito e, não renuncie e coloque em seu lugar, justamente o seu candidato a vice e que prefere pagar os seus impostos em São Cristóvão.Talvez o professor Wanderlê seja no Brasil o único candidato a ter a coragem e demonstrar aos seus eleitores o compromisso expressado em cartório, o que pretende fazer. Todos os candidatos tem por prática, prometer o céu, a terra e o mar. Além de por pura falta de responsabilidade e de respeito aos seus eleitores, sair atirando falsas esperanças.Espero que o candidato que já fez tudo e, mesmo assim encontrará mais o que fazer, faça o que o professor Wanderlê fez em São Cristóvão e leve ao cartório de Aracaju, registrando tudo que ele vem prometendo. Se não fizer, será mais uma prova da sua estratégia de mentir, por mentir.O professor Wanderlê, sai todas as tarde nas comunidades, entregando pessoalmente aos moradores das comunidades, o que registrou em cartório, visando os benefícios que ele está propenso a realizar a partir do dia 01 de janeiro de 2013, quando assumirá a prefeitura de São Cristóvão”.

ARTIGO

Eu e o Ibope II  –    Sydnei Ulisses*

Pesquisa realizada em meado de agosto apontava João com larga diferença para os demais candidatos. Valadares aparecia com apenas 12 pontos e a torcida do Demista cantava  vitória em verso e prosa.

As caminhadas nas ruas da cidade demonstravam outro quadro, o que me motivou a divulgar o texto intitulado "Eu e o Ibope", não para questionar os resultados, mas para demonstrar a possibilidade real de severa inversão dos números que poderiam levar o pleito de Aracaju para o segundo turno. Fato salutar e importante para que a sociedade possa escolher seu prefeito sem os ruídos normais de um pleito com cinco candidatos.

Nesta segunda-feira (01), os números divulgados em nova pesquisa, apontam o crescimento do candidato Valadares Filho para 31,7% com uma queda do candidato João Alves para 44,6% em pesquisa estimulada.  Sinalizando a possibilidade real de um segundo turno em Aracaju.

Os resultados apenas confirmam a evolução da campanha de Valadares observada pelas ruas de Aracaju. Ontem (30) na Orla de Atalaia, era notória a diferença da presença de militantes de Valadares se comparado aos demistas que acompanharam João numa passagem inoportuna pelo local de chegada da carreata de Valadares.

Entre paus e pedras, instrumento do desespero de alguns, houve até encaminhados a pronto atendimento, na minha opinião por irresponsabilidade dos demistas vez que a carreata de Valadares era conhecida de todos, inclusive da Justiça, e amplamente divulgada no programa eleitoral.

            A ultima semana de campanha promete muito nervosismo, mas é importante que João acalme os ânimos dos mais afoitos para que as pessoas sejam respeitadas na sua integridade física e moral. Mesma sugestão faço ao candidato Valadares.

            Agressões lembrando o tempo em que os prefeitos eram indicados pela ditadura, não podem e não devem mais ser instrumentos de convencimento e coação. O povo deve ter o direito e a liberdade de se manifestar sem ser atingido por paus e pedras.

            Enfim, a cidade terá a possibilidade de escolher os seus representantes no legislativo já no próximo domingo, e o prefeito que dará impulso as ações políticas que a cidade precisa para continuar crescendo, este só será escolhido definitivamente no final de outubro.

            E seja qual for o resultado, espero uma gestão moderna que seja capaz de perceber as inovações já existentes em outras cidades, capazes de garantir bom fluxo no trânsito, mobilidade efetiva e mais qualidade de vida para os Aracajuanos.

*é instrutor de trânsito  E-mail: sydneiulisses@gmail.com

ARTIGO

Mobilidade Urbana ou trampolim político? Magner Clark*

É comum ouvir dos dirigentes públicos, principalmente, do alto escalão da SMTT/ARACAJU, proferir por diversas vezes as palavras MOBILIDADE URBANA, palavras da moda. É mobilidade urbana pra lá, mobilidade urbana pra cá, e infelizmente, a questão fica no blábláblá.

Na prática, não temos muito realizado, a SMTT/ARACAJU virou um trampolim para ex superintendentes candidatarem-se aos cargos políticos, enganando, ou melhor, achando que engana a população diariamente, com palavras bonitas, frases de impacto e projetos que nunca saíram do papel, tal como, a reforma dos terminais de integração. Lemos recentemente, no blog do jornalista Claudio Nunes, uma matéria intitulada “ALTERAÇÃO INÓCUA”, referindo-se às mudanças no trânsito de Aracaju, principalmente, no centro da cidade. A matéria destacava “a inutilidade da mudança implantada pela SMTT na rua Itabaianinha. Ocorre que os condutores de veículos, com raríssimas exceções, não trafegam pela terceira faixa (à esquerda). Assim sendo, o fluxo não aumenta. E, portanto, manda o bom senso que volte a ser permitido o estacionamento no lado esquerdo da rua”. (grifo nosso)

É humanamente impossível os condutores trafegarem pela terceira via, também, a mesma não existe, a SMTT não fez o dever de casa, não delimitando a terceira faixa. Motoristas mais experientes, que conhecem a possibilidade de viabilizar uma terceira via, promovem-na e o trânsito flui, porque enxergamos as antigas e contamos com a faixa de estacionamento.

O ex-superintendente da SMTT, dava entrevistas quase todos os dias na mídia escrita, falada e televisada, tentando explicar o inexplicável ou melhor, autopromovendo-se. Está explicado o que ele pretendia com seus pronunciamentos quase que diários. Outro exemplo bastante crítico em nome da mobilidade urbana, é a Avenida São João Batista, a avenida do cemitério São João Batista, nos fundos do Conjunto Costa e Silva, caus instalado é quando ônibus e automóveis precisam estacionar para um último adeus aos seus entes queridos. Além do congestionamento diário, estacionar por ali causa transtornos e engarrafamentos monstruosos, irritando motoristas, transeuntes que por ali trafegam e presenciamos risco constante de acidentes.

Então, surge um questionamento, porque a SMTT/ARACAJU, não proibe o estacionamento de veículos, principalmente, ônibus e caminhões dos dois lados da avenida São João Batista na altura do Cemitério e do Hiper Sales?

Por que não padronizam somente estacionar na Rua Frei Luiz Canôlo de Noronha, lateral do cemitério?, a que da acesso a Prefeitura, diga-se de passagem uma rua larga para os padrões de Aracaju. Não queremos entrar na questão da rotatória ao lado do cemitério, ali é um 'salve-se' quem puder.

Tratando dos semáforos, estes irritam bastante os motoristas pelo tempo reduzido do sinal verde, a exemplo o da Rua Rafael de Aguiar c/ Av. Gonçalo Rollemberg Leite, sentido Centro, e o da Rua Acre c/ Av. Desembargador Maynard, sentido Siqueira Campos. Qual a explicação para tão pouco tempo? Sem falar na falta de tempo para a travessia dos pedestres nas grandes avenidas, em que o sinal ao fechar num sentido, abre imediatamente, no outro, não dando tempo ao pedestre concluir sua travessia com segurança. Será que a SMTT/ARACAJU, não toma partido desses casos?

E o que dizer das ruas e avenidas que na sua maioria não tem placas indicando a velocidade permitida naquela via? Lembramos das Avenidas Heráclito Rollemberg, Rodovia dos Naufragos, Avenida Barão de Maruim e tantas outras.

Por fim, não podemos esquecer as FAIXAS DE PEDESTRES, a Prefeitura de Aracaju, através da SMTT, não dá a mínima para que o pedestre tenha seu direito assegurado na hora de atravessar uma rua ou avenida com segurança, as faixas na sua maioria estão com as pinturas desgastadas, não vemos placas indicativas e raramente encontramos um agente de trânsito ou um educador orientando motoristas e pedestres, sim porque o pedestre não pode ir chegando na via e atravessando, é preciso o sinal de vida solicitando a travessia com um sinal de legal…

Por falar em educador, onde estão os mais de cem (100) estagiários contratados pela SMTT, para orientar a travessia de pedestres com o mínimo de segurança? Coloquem os cintos, os educadores do trânsito sumiram!!!!!!!!!!!

*funcionário público e motorista habilitado desde 13/02/1986. E-mail: magnerclark@ig.com.br

Blog no twitter: www.twitter.com/BlogClaudioNun   

Frases do Dia
"Se queremos progredir, não devemos repetir a história, mas fazer uma história nova."
Mahatma Gandhi, nasceu em 02 de Outubro de 1869, um dos idealizadores e fundadores do moderno estado indiano, morreu em 1948.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários