brinquedo novo do Google

0

Depois de vários meses de ausência por motivos diversos (principalmente aulas e trabalho) estamos de volta. A princípio com todo o gás. Só espero que não tenha nenhum vazamento e acabe tendo que me ausentar outra vez.

De qualquer forma vamos ao que interessa. Desde o mês passado venho testando o novo brinquedo do Google – o Wave – que veio com a promessa de revolucionar a forma como interagimos atualmente no mundo virtual. Se hoje temos email, mensagens instantâneas, twitter e redes sociais para a gente se comunicar, o Wave tem a missão de tentar unir tudo isso numa única plataforma de colaboração. Tarefa difícil, mas o pessoal do Google não está poupando esforços para que isso realmente seja possível.

Leva algum tempo para tomar o jeito do Wave, mas para quem está acostumado a usar as ferramentas de comunicação de hoje, não deve ter tanta dificuldade. Funciona como email, mas também podemos interagir em tempo real com nossos contatos, inclusive com vários ao mesmo tempo. Dá para fazer  upload de imagens e arquivos, compartilhando-os imediatamente com todos. Mas o que vai diferenciar MESMO a plataforma Wave serão os robôs e os gadgets. Estive tendo algumas idéias, só gostaria de ter tempo para colocá-las em prática. Bem, falaremos disso na outra semana.

O Wave por enquanto ainda é por convite já que ainda está em fase de testes, mas se alguém quiser testar me manda um email que ainda tenho 12 convites comigo. E olhe que nem vou cobrar.

 

Urnas eletrônicas

O TSE iniciará hoje (10/11) testes com 38 hackers para testar a vulnerabilidade das urnas eletrônicas.  Os testes serão feitos até a próxima sexta-feira. Não conheço os profissionais que tentarão violar a urna, mas o fato é que o prêmio (R$ 5.000,00) não vai atrair os hackers de profissão (se é que podemos chamá-los assim). O político que desejar  violar uma urna vai pagar BEM MAIS que o valor do prêmio. Para completar, até onde eu fiquei sabendo, os resultados dos testes não serão divulgados, ou seja, se a urna for violada num desses testes ninguém ficará sabendo. Fala sério!

 

Videos na internet

Acredito que os vídeos na internet, especialmente depois do YouTube, as coisas se complicaram para um bocado de gente. É só lembrar o caso de Daniela Ciccarelli e mais recentemente o problema ocorrido no aeroporto Santa Maria e a aluna da Uniban. Coisas do mundo moderno!

 

Perfil falso

Nosso grande piloto de F1, Rubens Barrichello, vai receber 850K do Google por ter no Orkut um perfil falso do piloto e várias comunidades ofensivas ao mesmo. O Google ainda vai pagar por danos morais e o total deve passar de um milhão de reais. Não é de hoje que existem diversos perfis falsos de artistas nas redes sociais, o que o Google numa situação complicada já que pode abrir precedentes para outras ações.

Até a próxima semana!

 

Em tempo: Mengão… Será??? Melhor nem falar!

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários