Henri Clay. Opção contra a mesmice?

0

Já está demonstrada na prática, com a ascensão do PT a presidência da República, que nenhum partido – seja ele com a concepção mais radical que for – não chegará ao poder no Brasil, nos Estados e municípios e implementará o que está escrito em seu estatuto, com as diretrizes socialista, comunista e tudo mais. O sistema político brasileiro não permite mudanças radicais, mesmo se o governante de plantão tiver a melhor das intenções.

O blog até entende que as nomenclaturas de “esquerda” e de “direita” no Brasil se confundem muito atualmente. A salada partidária e de alianças é tamanha que o mais fácil hoje é identificar homens e mulheres que tem suas posições ideológicas firmes.

O artigo de hoje teve origem ao ler uma postagem do jornalista e colunista também da Infonet, Cristian Goes no twitter ontem: “Quais as opções em Aracaju? João Alves, Rogério, Almeida, Valadares Filho? Opção para valer? Opção de verdade? Henri Clay! @henriclay”  E  a pergunta de Cristian faz sentido neste momento pré-eleitoral e de definições de candidaturas.

Os candidatos expostos até o momento não tem o perfil para conquistar o voto de uma parcela significativa da sociedade que tem a intenção de votar em quem defende algo mais do que um projeto partidário, mas um projeto ideológico.

Veja, caro leitor: João Alves, já foi testado por várias vezes, não apresentará novidade; Rogério Carvalho e Valadares Filho representam o bloco governista; Já Almeida Lima, que tenta se passar por um candidato de oposição, na verdade, representa ele mesmo, ou seja, é a ideologia do “eu primeiro”.

Há um vazio para conquistar o voto de uma parcela do eleitorado que é formadora de opinião. Pode não alcançar o eleitorado da periferia, mas boa parte da  classe média quer uma candidatura que possa representar sua opção ideológica.

E Henri Clay tem este perfil? Pela sua trajetória, principalmente como presidente da OAB/SE, ele sempre esteve à frente das causas sociais.  Atendendo aos pedidos de uma legião de amigos se filiou, dentro do prazo que a lei exige ao Partido Socialismo e Liberdade, o PSOL. E com outros partidos, com o PCB e o PSTU, pode encabeçar uma chapa para disputar a Prefeitura de Aracaju.

Pelo que se sabe o quadro que está se delineando está cada vez mais fortalecendo a vontade de Henri Clay em disputar a Prefeitura. E a motivação do candidato é um dos primeiro passos para uma candidatura que pode ter sucesso. Um candidato que não sabe porque está concorrendo deve ficar em casa.

Henri Clay tem experiência, pode agregar vários setores da esquerda. Com um plano de governo consistente, sem muita retórica, mas ouvindo os anseios da comunidade pode conquistar ser o diferencial em Aracaju.

Precisaria apenas conquistar mais alguns partidos para ampliar o tempo do horário eleitoral. Para isso tem que “frear” os arroubos radicais de alguns companheiros para aceitarem a ampliação da aliança com quem desejar participar do projeto.

Com um bom tempo no horário eleitoral e com o potencial político que demonstra ter, Henri Clay pode ser o diferencial para a mesmice que se apresenta para a eleição em Aracaju este ano.

“Aterro” no povoado Tabocas na mira do MPE
Em matéria veiculada ontem, 27, no telejornal Jornal do Estado 2ª edição da TV Atalaia, o promotor do meio ambiente, Sandro Luiz da Costa, confirmou que está apurando possíveis irregularidades no aterro que a empresa Torre pretende implantar no povoado Tabocas, em Socorro. A denúncia é que máquinas já estão trabalhando no local mesmo sem a licença ambiental. O promotor disse que vai apurar e se comprovada alguma irregularidade serão tomadas as medidas cabíveis com a responsabilidade criminal dos envolvidos.

R$ 600 mil sacados no caixa
Ainda no telejornal da TV Atalaia foi denunciado que a empresa Torre recebeu da Prefeitura de São Cristovão em 2008, cerca de R$ 600 mil sendo retirados da “boca do caixa”, e entre estes recursos cerca de R$ 260 mil foram recursos federais do FNDE, do FNS e da bolsa família. A Justiça já pediu que o prefeito da época, Jadiel Campos devolva os R$ 600 mil aos cofres públicos e que o atual prefeito, Alex Rocha (que ficou como interino naquele período), pague uma multa de R$ 5 mil porque não rescindiu o contrato com a empresa Torre. Como envolve recursos federais o relatório do TCE será encaminhado para o MPF para que sejam feitas as denúncias contra os envolvidos.

Edvaldo é destacado em discurso na Câmara
Ao registrar a comemoração dos noventa anos do Partido Comunista do Brasil (PCdoB), na Câmara dos Deputados, Valadares Filho não só ressaltou a trajetória das lutas históricas do partido, como enalteceu o trabalho de seus militantes em importantes cargos, como no ministério do Esporte, com a bancada no Congresso, 42 prefeitos e 66 vice-prefeitos em todo país.

Aracaju
Segundo o deputado, a comprovação desse trabalho pode ser vista na prefeitura de Aracaju. “O prefeito, Edvaldo Nogueira Filho, que é do PCdoB, tem feito um excelente trabalho. Aracaju, atualmente, é considerada uma das cidades brasileiras que oferece melhor qualidade de vida aos seus moradores”.

Artigo de Airton Rocha na Câmara dos Deputados
No discurso que fez em comemoração ao Dia Mundial da Água, o deputado federal Márcio Macedo (PT) deixou consignado nos anais do legislativo federal o discurso de Ailton superintendente de Recursos Hídricos da SEMARH, Estado de Sergipe, que trata da importância da água como qualidade de vida. O artigo foi publicado neste espaço e em dois jornais locais no Dia Mundial da Água.

HU e a falta de material anestésico
A direção do Hospital Universitário precisa explicar a sociedade porque na última segunda-feira, 26, todas as cirurgias foram suspensas por falta de material anestésico. De quem é a culpa? E olha que o HU tem uma equipe médica dedicada e de alta capacidade.

Missa de 7º Dia – Zenaide Rochadel Moreira, hoje 28
O Ministério Público do Estado de Sergipe e familiares informam que a missa de sétimo dia, em sufrágio da alma da Srª ZENAIDE ROCHADEL MOREIRA, mãe do seu Excelentíssimo senhor Procurador-Geral de Justiça do Ministério Público do Estado de Sergipe, doutor Orlando Rochadel Moreira, acontecerá nesta quarta-feira, 28, às 19h30 na Catedral Metropolitana de Aracaju.

Missa de 7º Dia – Alex Silva Oliveira, hoje 28
A CAOL Engenharia e familiares convida a todos, a participarem da Missa de 7º Dia do amigo ALEX SILVA OLIVEIRA, Diretor Operacional, que será realizada hoje, 28, às 19h na Igreja Sagrado Coração de Jesus, na Avenida Pedro Paes de Azevedo, no Grageru em Aracaju.

Eduardo Campos e a candidatura do PSB em Aracaju
Uma matéria publicada no jornal Correio Brasiliense ontem, 27, apenas confirmou o que este espaço vem informando há alguns dias: o presidente nacional do PSB e governador de Pernambuco, Eduardo Campos, bateu o martelo e quer uma candidatura do partido em Aracaju. Para isso não só dará condições estruturais, mas vem articulando alianças conversando com outros partidos.

Contatos

Na matéria do Correio Brasiliense, é informado que o ex-presidente Lula entrou em campo para conseguir o apoio do PSB em São Paulo a candidatura do petista Fernando Haddad. São citadas várias capitais onde o PT não fez um gesto em favor das candidaturas do PSB e cita Aracaju e por isso o partido condiciona o apoio em São Paulo ao apoio do PT nas cacidades onde tem mais chances.

O argumento de Eduardo Campos para Aracaju
E o argumento de Eduardo Campos colocado para vários dirigentes do PT é que as pesquisas mostram que em Aracaju os dois pré-candidatos do PSB, os deputados Valadares Filho e Adelson Barreto estão bem melhores nas pesquisas do que os candidatos petistas. E com índices de rejeição bem menores do que eles.

Mudanças na Prefeitura de Aracaju
E o prefeito de Aracaju Edvaldo Nogueira vive um misto de alegria e preocupação. Alegria porque o trabalho de alguns auxiliares foi tão destacado que eles decidiram testas seus nomes nas urnas. No PC do B, de Edvaldo, participarão da chapa para disputar a Câmara, Lucimara Passos (Emsurb), Antônio Bittencourt (educação) e Samarone (SMTT). Dos três apenas Samarone já foi candidato e teve o mandato de vereador por Aracaju.

No mínimo sete cargos vagos
Por conta do prazo eleitoral de desincompatibilização para quem disputará as eleições deste ano, o prefeito Edvaldo Nogueira terá que encontrar nomes com qualidade para ocupar espaços importantes, como as pastas da educação, saúde, Emsurb, Finanças, SMTT, Esporte e Lazer e a vice-presidência da Funcaju.

Será a primeira vez que o PC do B monta uma chapa proporcional
O PC do B tem hoje a vereadora Karla Trindade, mas nunca disputou a Câmara de Aracaju com chapa própria, sempre em coligação com o PT. Este ano o partido tem vários candidatos, inclusive lideranças comunitárias conhecidas. A ideia e que a chapa do PC do B consiga eleger três vereadores.

Jeferson ficará na expectativa de ser candidato a vice
Já o secretário de Finanças, Jeferson Passos, que também deixa o cargo agora dificilmente será candidato a vereador. O nome dele será a indicação do PC do B para candidato a vice. Resta saber se na chapa do PT ou na do PSB.

Silvio Santos e Fábio Mitidieri
Já o atual vice-prefeito Silvio Santos será candidato a vereador pelo PT, partido que preside o Diretório Estadual em Sergipe. Silvio Santos esteve à frente da Secretaria da Saúde nos últimos meses e terá o apoio de uma ala importante do partido. Já o secretário de Esporte e Lazer, Fábio Mitidieri também deixou o cargo para disputar a reeleição.

Diego da Costa deixa a Funcaju
Já o empresário Diego da Costa deixará a vice-presidência Fundação Municipal de Cultura e Turismo (Funcaju) no próximo dia 31 de março. Diego será candidato a vereador de Aracaju pelo Partido Republicano Progressista (PRP). Além da experiência na área do turismo, Diego deve voltar sua campanha também para o empreendedorismo com foco para os jovens empresários.

Elber Filho não disputará a reeleição
Outro vereador que encontra-se afastado do mandato é Elber Batalha Filho, do PSB. Como não será candidato a reeleição não sairá da Secretaria de Estado do Turismo. Elber deve disputar uma cadeira na AL em 2014.

Bittencourt e Max Prejuízo
O titular deste espaço só foi filiado a um partido: o PCB, Partido Comunista Brasileiro, no meado da década de 80, quando participou do movimento estudantil. Mas por conta dos laços e a história de alguns familiares teve a oportunidade de conhecer camaradas comunistas históricos, como Manuel Vicente, Careca, Burguesia e tantos outros.  Este ano o neto de Careca, Max Prejuizo será candidato a vereador pelo PSB e o filho de outro grande comuna bem vivo, Bittencourt, enfermeiro e operário, o professor Antônio Bittencourt será candidato a vereador pelo PC do B. Dois nomes, que carregam dois grandes legados.

Convenção do PTdoB
O PTdoB realizará sua convenção estadual em Sergipe, na próxima sexta-feira, 30, no plenário da Assembléia Legislativa. O presidente estadual, Clóvis Silveira, informa que além do debate das conjunturas nacional e estadual, os filiados discutirão os encaminhamentos para as eleições 2012 nos municípios que o partido tem diretórios municipais.

Relatoria da LDO
Por indicação unânime do bloco formado pelo PT/PSB/PDT/PCdoB no Senado Federal, o senador Valadares (PSB), foi indicado ontem, 27,relator da Lei de Diretrizes Orçamentárias no Congresso Nacional. No ato de indicação, o bloco foi  liderado pelo senador Walter Pinheiro (PT/BA)."Relatar uma lei orçamentária é sempre uma grande responsabilidade, pois é destes textos legais que depende a condução da coisa pública e, por consequência, a efetivação de ações públicas que resultem na melhoria da qualidade de vida da sociedade e no desenvolvimento econômico do país", definiu Valadares.

Senadores aprovam fim de salários extras na Casa
FSP, de hoje, 28; A Comissão de Assuntos Econômicos do Senado aprovou ontem o projeto que acaba com os 14º e 15º salários aos parlamentares.O texto, no entanto, ainda precisa passar pelo plenário da Casa e, depois, pela Câmara dos Deputados para que o benefício seja extinto.O projeto foi aprovado por unanimidade, mas o senador Cyro Miranda (PSDB-GO) protestou contra o que chama de "baixo salário" pago aos congressistas -que ganham R$ 26,7 mil por mês.

Pena
"Não vivo do salário de senador, mas tenho pena daquele que é obrigado a viver com R$ 19 mil líquido com a estrutura que temos aqui", disse.O senador Ivo Cassol (PP-RO), que na semana passada suspendeu a votação do tema ao afirmar que "político no Brasil é muito mal remunerado", não estava presente na votação de ontem, mas encaminhou voto por escrito declarando-se favorável à proposta.O projeto prevê o pagamento apenas no início e no final do mandato parlamentar.

Fórum Nacional de Secretários da Cultura em Aracaju
A capital sergipana receberá nos próximos dias 29 e 30 de março a 1ª Reunião Ordinária Fórum Nacional de Secretários e Dirigentes Estaduais de Cultura de 2012. Esta deve ser a última reunião da gestão da secretária de Estado da Cultura, Eloisa Galdino, enquanto presidente da entidade, cargo que ocupa desde maio de 2010.

Conquistas
Nesses dois anos à frente da entidade, Eloísa Galdino acumula importantes conquistas, a exemplo do Programa de Fortalecimento Institucional pela Implementação do Sistema de Cultura, que foi lançado oficialmente pela ministra da Cultura, Ana de Holanda, no dia 2 de março. O programa irá beneficiar 17 Estados e 20 municípios brasileiros.

"Hora do Planeta"
A deputada estadual Maria Mendonça (PSB) ocupou a tribuna da Alpara defender que a Assembleia Legislativa de Sergipe participe do evento mundial conhecido como "Hora do Planeta", que ocorre no próximo sábado, dia 31.A proposta da iniciativa é que as luzes sejam apagadas das 20h30 às 21h30.A Hora do Planeta foi criada em 2007 e é considerada a maior iniciativa de ação voluntária para combater as mudanças climáticas em todo o mundo. O evento é criado pela ONG Internacional WWF, que convida todas as pessoas a apagarem as suas luzes durante 60 minutos em um dia e horário pré-estabelecido, que começou na cidade de Sidney, na Austrália.

Ação voluntária mundial
"Esse gesto simbólico é, sem sombra de dúvidas, a maior ação mundial voluntária pelo meio ambiente. Com ele pretende-se refletir, não somente sobre o aquecimento global, mas também sobre os problemas ambientais que a humanidade enfrenta e, paradoxalmente, cria. A perspectiva de totalidade, foco da campanha, e o significado existencial da organização não governamental WWF demonstram que se trata de uma ação sem fronteiras que pensa o planeta como morada digna para todos os seres", defendeu a deputada.

Pedestres correm risco na esquina Maruim/Pacatuba
Há vários dias uma parte de uma tampa metálica que serve de proteção para a rede telefônica está quebrada na

Perigo para pedestres na esquina das ruas Maruim/Pacatuba.

esquina da rua de Maruim com Pacatuba, no centro de Aracaju. Colocaram uma faixa para alertar os pedestres, mas o risco é eminente. É preciso que a empresa responsável tome as devidas providenciar urgentemente antes que alguém caia no buraco.

Reciclagem
A Prefeitura de Nossa Senhora do Socorro, por meio da Secretaria Municipal do Meio Ambiente, realiza hoje, 28, logo mais às 9h30, a solenidade de assinatura do Termo de Permissão de Uso de Bem Público de Área do Município em favor da Cooperativa de Reciclagem Reviravolta. O evento acontece no Centro Cultural Gilson Prado Barreto, localizado ao lado do Centro Administrativo José do Prado Franco. Na oportunidade, estarão presentes o prefeito de Socorro, Fábio Henrique; o secretário interino do Meio Ambiente, Washley Ramos; promotores de Justiça; integrantes da cooperativa, e autoridades estaduais e municipais.

Anderson entrará na disputa
O professor Anderson Gois (PSL), tem trabalhado fortemente o seu nome como pré-candidato a prefeito de Aracaju, mas como dentro do seu bloco há outros dois pretendentes, Laércio Oliveira (PR) e Zeca da Silva (PSC) e ainda a possibilidade de se apoiar um candidato de fora do grupo Amorim, ele mantém em paralelo seu projeto para a Câmara de Aracaju.

Há 44 anos o estudante Edson Luis era assassinado pela ditadura
Em 28 de março de 1968 a ditadura militar assassinava o estudante secundarista Edson Luís de Lima Souto, paraense de 18 anos, no restaurante estudantil Calabouço, no Rio de Janeiro. O episódio marcou a resistência estudantil contra o regime militar que iria se aprofundar naquele ano até o decreto do AI-5, que endureceu ainda mais a repressão.

Protesto
No dia do enterro, 50 mil pessoas saíram às ruas para protestar contra a repressão do regime militar. A palavra de ordem que se espalhou em faixas, cartazes e na boca dos manifestantes era "Mataram um estudante. Podia ser seu filho!". Os militares, sem condições de reprimir a manifestação, tentaram escondê-la. As luzes da cidade não foram acesas naquele fim de tarde, mas mesmo assim os motoristas acendiam os faróis dos carros, comerciantes davam velas e lanternas para a população continuar o cortejo.

Símbolo de uma geração
Para o Vice Presidente da UBES, Caio Pinheiro o estudante secundarista tornou – se símbolo de uma geração de jovens que ate os dias de hoje por todo o Brasil lembra a memoria do estudante. As entidades estudantis por todo Brasil realizam manifestações e homenagem a Edson Luiz, mais é necessário maior agilidade para que os responsáveis por estas e diversas outras mortes, desaparecimentos e torturas sejam punidos!

Homenagem
Segundo o Primeiro Vice Presidente da União Sergipana dos Estudantes Secundaristas – USES o estudante do Colégio Estadual Dom Luciano Jan Victor a entidade não poderia deixar de presta sua homenagem a Edson Luiz e a todos os jovens brasileiros torturados, desaparecidos e mortos em defesa das Liberdades e da Democracia do Brasil e durante este mês fará uma serie de manifestações e atividades.

Concurso de fotos e vídeos pelo celular: ´Declare Seu Amor Por Aracaju´
´Declare Seu Amor Por Aracaju´. Este é o nome do concurso realizado pelo Núcleo de Novas Tecnologias/Redes Sociais (E-Aju) da Secretaria de Comunicação de Aracaju (Secom). Os usuários de redes sociais podem participar da promoção utilizando seus perfis do Facebook e Twitter, com produção e publicação de vídeos e fotos via celular. O objetivo é estimular a criação de produtos audiovisuais voltados a conteúdos de sites de relacionamento social.

Premiação com Smartphone
Os vencedores de cada uma das categorias serão contemplados com um aparelho celular Smartphone. As 10 melhores fotos e os cinco melhores vídeos, escolhidos pela comissão julgadora, ficarão expostos em uma seção no Portal da Prefeitura de Aracaju (www.aracaju.se.gov.br).  As inscrições serão encerradas às 23h de amanhã, dia 28 de março.

Critério
"A espontaneidade será o critério mais relevante que os jurados irão considerar. O objetivo é que as produções sejam direcionadas a um formato voltado para a publicação de redes sociais. Por isso, o rigor da qualidade técnica das imagens e vídeos não será levado como prioridade pela escolha dos jurados", explica a diretora de Novas Tecnologias/Redes Sociais da Prefeitura de Aracaju, Waneska Cipriano.

Novas tecnologias
O secretário de Comunicação, Marcos Cardoso, vê um diferencial no concurso por se tratar de uma seleção de fotos e vídeos feitos através do celular, uma tecnologia tão importante hoje em dia e que provém de vários recursos. "Além disso, é uma forma de fortalecer o setor de Novas Tecnologias da Prefeitura e uma maneira das pessoas demonstrarem seu sentimento de identidade pela cidade", declara o secretário, ressaltando que esta já é 2ª edição.Edital: www.aracaju.se.gov.br/declareseuamorporaracaju

Pacto pretende garantir desenvolvimento do Baixo São Francisco
A articulação de parcerias que contribuam de forma consistente e definitiva para o desenvolvimento sustentável do Baixo São Francisco sergipano foi tema de reunião entre diretores do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Sergipe (Sebrae/SE), representantes de seu Conselho Deliberativo Estadual (CDE)  e diversos secretários de Estado ontem, 27.

Baixos indicadores sociais
O Território do Baixo São Francisco é constituído por 14 municípios, sendo habitado por cerca de  125 mil habitantes. Com uma área de 1,9 mil km quadrados, a área apresenta os mais baixos indicadores sociais do estado. Para ajudar a melhorar esses índices, foi elaborado um Pacto de Cooperação que envolve ações a serem desenvolvidas por diversas entidades.

Metas
Entre as metas previstas durante a execução do projeto estão o aumento nas relações comerciais entre os setores público e privado na região, a criação de novas alternativas de negócios e o aumento do Produto Interno Bruto (PIB) territorial.  Atualmente, segundo dados levantados durante um diagnóstico , apenas 20% das compras feitas pelos habitantes dos municípios da região são realizadas em suas cidades de origem.

Festival Sergipano de Teatro I
Para fechar a programação do II Festival Sergipano de Teatro, a Secretaria de Estado da Cultura e Instituto de Artes Cênicas de Aracaju (IACEMA) prepararam um dia de muito espetáculo para agradar a todos os gostos e públicos. À tarde, a partir das 17h, na Praça Fausto Cardoso, o público poderá conferir a Cia. O Mínimo de Teatro e Circo com o espetáculo “Palhaço Mágico”. E para fechar a programação de espetáculos do II FEST, o Teatro Atheneu irá receber, no dia em que completa 58 anos, o espetáculo “Uma vez, nada mais”, da Carambola Produções. Vale lembrar que os espetáculos são gratuitos.

Festival Sergipano de Teatro  II
Nesta quarta-feira, dia 28, a programação de espetáculos do II FEST chega ao fim, contabilizando 30 apresentações em diversos pontos da capital sergipana, sempre com casa cheia. Uma ótima oportunidade para o público conferir o que há de melhor no universo das artes cênicas em Sergipe. Ao todo se apresentaram 22 grupos sergipanos e sete companhias convidadas. A segunda edição do FEST veio reafirmar o sucesso do primeiro ano e só foi possível graças ao patrocínio do Ministério da Cultura, via Lei Rouanet, e co-patrocínio do Banco do Estado de Sergipe (Banese).

Forró das antigas 2012
O célebre Rogério já profetizou, Sergipe é mesmo o país do forró, e para abrir os festejos juninos em nossa capital, a Phoenix  e Téo Santana Produções realizaM mais uma edição do Forró das Antigas no próximo dia 31, na Praça de Eventos da Orla, a partir das 20h, o forrozeiro Alcymar Monteiro e as bandas Brasas do Forró, Gatinha Manhosa, Cavalo de Pau, Trio Nordestino, Baby Som, Samfonada  (especial Mastruz com Leite) e Zé Tramela (especial Luiz Gonzaga) comandam o arrasta pé direto do palco principal da festa. A Festa homenageia ainda os 100 anos do Rei do Baião, “Luiz Gonzaga”.Os ingressos antecipados estão à venda nas Óticas Diniz, na BR Mania da  Av. Oviêdo Teixeira e na loja oficial Forró das Antigas, localizada no Shopping Jardins, em até 3 vezes no cartão de crédito.

NOTA – Associação dos Funcionários Aposentados do Banese – AFABANESE

Bagaço de Cana

No linguajar do trabalhador somos tratados como rolete de cana pelo patronato, quando nada mais tem o que chupar, pega o bagaço e joga fora, aí é a fase da aposentadoria.Assim estão sendo tratados os aposentados do Banese, dirigido por cinco bancários, sendo três do próprio Banese e dois do Banco do Nordeste do Brasil S/A, e olha que dois deles, um de cada, já são aposentados.
Organizados na Associação AFABANESE, os banesianos aposentados e seus pensionistas passaram a reivindicar os seus pleitos junto à Direção Banco, no que foram negados em cem por cento.
Quando da gratificação pelos 50 anos do Banco, mais uma vez foram preteridos. Agora foram excluídos como elegível e eleitor nas eleições do CONAD, como previsto no Acordo Salarial da Categoria. Esqueceram esses dirigentes que são e serão aposentados e mais, que dirigem um Banco Público com objetivo desenvolvimentista, que não acompanham as novas tecnologias, pois bagaço de cana também produz energia.
Para exercer essa energia, convidamos a todos os aposentados para a assembléia extraordinária do dia 03/04/2012, às 19:00 horas no Clube do Banese, quando discutiremos entre outros assuntos a Eleição do CONAD e dos representantes dos acionistas minoritários para o Conselho  de Administração e Fiscal do Banco.

Goisinho – Presidente da AFABANESE

PELO TWITTER

www.twitter.com/rod_rocha  Viver faz mais sentido quando você come o ovo de Páscoa recheado com brigadeiro da Cacau Show. Jesus abençoa.

www.twitter.com/oMarioSousa  O dinheiro é pouco, mas a diversão é muita.

www.twitter.com/giltondepitta  Ninguém gosta de coisas mal feitas. Por que Deus gostaria? Por isso, faça seu melhor para Deus = Bom Dia 🙂

www.twitter.com/antoniooviedo1  Essa questão dos ciclomotores já passou de eleitoreira para um quase homicídio.Políticos devem ter consciência do peso das suas (não) ações.

www.twitter.com/netodograccho  O uso das redes sociais para vender AlphaVille além de estar virando spam, está sendo chato. A impressão é q tem um corretor para cada lote.

www.twitter.com/alexjornalista  Não sei quem soltou essa, mas adorei: "liberdade é não ter que entrar todo dia no TT".

www.twitter.com/UsielRios  Caminhando e tuitando – será que tô pirando?

ESPECIAL/HOTEL PARQUE DOS COQUEIROS – Quem Faliu o Hotel?

“Nosso compromisso é com Sergipe”
A frase acima, do empresário Luciano Barreto, resume bem a entrevista coletiva realizada no inicio da tarde de ontem, 27, pelos empresários Luciano Barreto (Celi) e Gustavo Barreto (FFB), para explicar todo o processo onde as empresas arremataram em leilão o Hotel Parque dos Coqueiros.

Investindo em Sergipe
Logo de início, Luciano Barreto destacou os diversos empreendimentos das duas empresas em Sergipe, gerando em torno de cinco mil empregos sendo estes cerca de 800 diretos na área de hotelaria. Falou dos novos investimentos e o compromisso com Sergipe. “Consultores nos orientam a investir em outros Estados, como a Bahia, mas somos sergipanos acreditamos em nossa terra”, disse afirmando que os novos hotéis são investimentos próprios. “Pedimos apenas ao governo que investia na divulgação e em atrativos para os turistas”, disse.

Operação Arremate
O titular deste espaço fez algumas perguntas ligadas a Operação Arremate que prendeu diversos empresários ligados a leilões “montados” em Sergipe. Gustavo Barreto afirmou que em nenhum momento o leilão do Hotel Parque dos Coqueiros foi questionado nas investigações e pelo contrário, foi arrematado pelo valor de R4 10 milhões, acima do valor mínimo. O certo é que todo mundo sabe que algumas pessoas do próprio hotel queriam ganhar o leilão pelo preço de R$ 5 milhões.

Procurador Paulo Guedes reforçou legalidade do leilão
Foi lembrada uma entrevista do procurador Paulo Guedes quando da Operação Arremate citando o leilão do Hotel: “A quadrilha chegou a oferecer um milhão de reais para que um dos empresários de fora do esquema não participasse da disputa de um bem que valia no mínimo 5 milhões e quinhentos mil reais. O empresário não aceitou e ganhou a disputa legalmente, por um valor bem acima do mínimo”, revelou o procurador Paulo Guedes (entrevista ao semanário Super Popular).

Leilão X Falência
O certo é que os ex-donos do hotel, inclusive o advogado que é sócio, estão tentando misturar leilão com falência. Na verdade ele tem que explicar a sociedade e a imprensa como deixaram o hotel com uma massa falida de quase R$ 250 milhões e ainda tinham duas empresas paralelas: uma com as dividas e outra onde entrava apenas a receita. “O hotel usou e abusou do Poder Judiciário para protelar que o direito do arrematador prevalecesse”, disse Gustavo Barreto. O processo de falência tem cerca de 10 mil páginas.

Incompetência administrativa
Ficam no ar as perguntas: Quem faliu o hotel? Como um empreendimento, que teve recursos do governo estadual, ou seja do povo sergipano, na sua construção, acaba deste jeito?  Como um hotel fica devendo cerca de 600 mil de energia elétrica? Como um hotel não paga seus impostos e não deposita nem mesmo o FGTS de seus sócios? Fica difícil acreditar que todos os segmentos da área do turismo em Sergipe não sabiam desta situação. Mesmo que não tivesse o leilão, como os empresários do hotel pagariam R$ 250 milhões em dívidas de um empreendimento que vale bem menos?

Especulação imobiliária
Os empresários também responderam sobre a declaração de Elber Batalha Filho, de que o problema do hotel foi por conta da especulação imobiliária.  “Foi uma declaração infeliz de um secretário que não conhece o que é especulação ou devia estar em um momento de amnésia. Especular é comprar, valorizar e vender. Nossas empresas compram para investir em empreendimentos hoteleiros e imobiliários”, deixou claro Luciano Barreto. Depois que toda a questão judicial for resolvida os empresário vão resolver como investirão na área.

Déda desautorizou secretário
O próprio governador Marcelo Déda em entrevista a imprensa,- antes de viajar a Índia –  desautorizou o secretário alertando que o problema é da Justiça Federal e não do governo estadual.

Não houve especulação
O presidente da ACESE Alexandre Porto se solidarizou ontem com os empresários Luciano Barreto e Gustavo Barreto, por conta do episódio envolvendo o Leilão do Hotel Parque dos Coqueiros, dois grandes empresários e investidores no estado de Sergipe. "Conheço a FFB e a Celi, que estão entre os maiores investidores do turismo sergipano e estão investindo ainda mais nos próximos anos, com a construção de dois grandes hotéis. São pessoas idôneas que apostam no desenvolvimento econômico de Sergipe, seja no turismo, seja na Construção Civil e não agem buscando prejudicar o estado", opina.
Porto.

Esclarecimentos da 4ª Vara Federal  sobre o leilão do Hotel

A 4ª Vara Federal esclarece os procedimentos adotados para a imissão na posse dos arrematantes no imóvel sede da Massa Falida “Hotel Parque dos Coqueiros”. Um texto para o leitor não ter mais duvidas sobre o caso:

"Hotel possui diversas dividas desde 1990, com 245 processos de execução fiscal no montante de R$ 245 milhões"

Diante da repercussão na mídia escrita e televisionada acerca da decisão que determinou a imissão na posse dos arrematantes no imóvel sede da Massa Falida ?Hotel Parque dos Coqueiros?, a 4ª. Vara/SE, através da ASCOM – Assessoria de Comunicação da Seção Judiciária de Sergipe, passa a prestar as seguintes informações para fins de elucidar a opinião pública.

O processo de Execução Fiscal tem por finalidade a cobrança de dívidas, inscritas em dívida ativa, cujo não pagamento voluntário, implica a penhora de bens do devedor para vendê-los através de leilão judicial. Antes, porém, da realização do leilão, é determinado, aos Oficiais de Justiça Avaliadores que procedam à penhora e avaliação dos bens, dando a oportunidade às partes para que, caso não concordem, impugnem, ou seja, apresentem as razões pelas quais discordam do valor indicado. Ultrapassada esta fase, o bem penhorado será colocado à venda em leilão judicial, oportunidade em que se pode participar e oferecer lances para arrematá-lo (comprá-lo). Com a venda, o bem será entregue ao arrematante comprador, enquanto o pagamento será destinado a saldar as dívidas cobradas no executivo fiscal.

No caso concreto, a Massa Falida “Hotel Parque dos Coqueiros” possui diversas dívidas de tributos federais que estão sendo cobradas, desde o ano de 1990, através de 245 (duzentos e quarenta e cinco) processos de Execução Fiscal, dos quais atualmente 87 (oitenta e sete) encontram-se em tramitação perante a 4ª. Vara Federal de Sergipe, cujo montante totaliza aproximadamente R$ 245.000.000,00 (duzentos e quarenta e cinco milhões de reais), atualizados até 09 de março de 2012.

Deve-se registrar que, após citado, as dívidas não foram pagas voluntariamente pelo então Hotel Parque dos Coqueiros S/A. Na oportunidade, o executado aderiu por diversas vezes aos planos de parcelamento das dívidas, benefícios ofertados periodicamente pelo Governo Federal, sem que pagasse as prestações do compromisso assumido.

                 Diante da existência de diversos débitos não quitados, foi penhorada a sede do empreendimento hoteleiro no Cumprimento de Sentença, Processo nº 0004061-12.1995.4.05.8500, tendo sido oportunizado, em todas as fases do processo, o direito de defesa, não tendo o executado se manifestado, dentro do prazo previsto em lei, em relação à penhora e avaliação do imóvel e ao edital do leilão.

                 Em cumprimento ao Mandado de Penhora e Avaliação, em 01 de fevereiro de 2010, o Oficial de Justiça responsável avaliou o bem penhorado em R$ 16.000.000,00 (dezesseis milhões de reais). As partes, tanto a Procuradoria Geral da Fazenda Nacional quanto o então Hotel Parque dos Coqueiros S/A, devidamente intimados, não se insurgiram contra este valor.

                O referido bem foi a leilão, tendo, mais uma vez, os litigantes sido devidamente intimados do referido ato processual. É bom que se registre que o leilão da sede do Hotel Parque dos Coqueiros tem por finalidade destinar os valores arrecadados ao Juízo Falimentar, a quem competirá distribuí-los para o pagamento das dívidas da massa falida, na ordem determinada na Lei Falimentar que, grosso modo, consistem em despesas da massa, verbas trabalhistas, dívidas com o Fisco Federal, Estadual e Municipal e demais credores, com garantias ou quirografários, consecutivamente.

                 A sede do hotel foi leiloada em 02 de dezembro de 2010, por volta das dez horas. Após a realização do leilão, o Juízo da 4ª. Vara Federal teve ciência da liminar proferida no Agravo de Instrumento AGTR nº 116917/SE, pelo Egrégio Tribunal Regional da 5ª. Região, que havia determinado a suspensão do leilão. Entretanto, não havendo possibilidade de desfazer um ato que já estava perfeito e concretizado, e em cumprimento à determinação do Tribunal, a magistrada titular da 4ª. Vara Federal, Lidiane Vieira, determinou a suspensão dos efeitos do referido leilão, inclusive quanto à imissão dos arrematantes na posse do imóvel, até o julgamento final do Conflito de Competência nº CC 116338, interposto pela juíza da 14ª Vara Cível da Comarca de Aracaju, Juízo Falimentar. Cumpre salientar que, ao final do referido Conflito, foi mantida a competência da 4ª Vara Federal para processar e julgar os executivos fiscais e processos correlatos referentes ao até então Hotel Parque dos Coqueiros S/A.

                Após os julgamentos dos recursos referentes à suspensão dos efeitos da arrematação, o Desembargador Federal Francisco Wildo, no Agravo de Instrumento nº 119.678/SE, esclareceu a inexistência de obstáculos à apreciação do pedido de imissão de posse pelas empresas arrematantes, FFB Participações e Construções LTDA e Construtora Celi LTDA.

                Diante dessa decisão, no dia 19 de março de 2012, foi deferido pela Juíza Federal Lidiane Vieira, após 1 ano e 3 meses, o pedido de imissão de posse dos arrematantes. A imissão na posse é um efeito inerente à arrematação que dá direito aos compradores de se apoderarem do bem que adquiriram de forma lícita. Em regra, o arrematante é imitido na posse imediatamente após o pagamento do bem. No entanto, neste caso específico, em razão da interposição de aproximadamente dezesseis recursos e diversos processos judiciais, aguardou-se o exaurimento de todas as medidas processuais interpostas para possibilitar a concretização do ato.

                A decisão que imitiu os arrematantes na posse do imóvel também determinou a constatação e catalogação de todos os bens móveis ali guarnecidos, para entregá-los diretamente ao administrador judicial, nomeado pelo Juiz da Falência, no dia 15 de março de 2012, no momento da decretação da quebra, a fim de que ele possa, no uso de suas atribuições legais, tomar as medidas cabíveis no sentido de salvaguardar as dívidas da massa falida.

                Foi comunicado ao Juízo da 4ª. Vara Federal de Sergipe que o administrador judicial nomeou os arrematantes depositários dos bens móveis, tendo os Oficiais de Justiça da Justiça Federal de Sergipe imitido, no dia 21 de março de 2012, os arrematantes, FFB Participações e Construções LTDA e Construtora Celi LTDA., na posse do empreendimento hoteleiro.

                Em 23 de março de 2012, o Ministro do Superior Tribunal de Justiça, Relator Mauro Campbell Marques, proferiu decisão nos autos da Medida Cautelar nº 19.073-PE, determinando que se obstasse a imediata transferência da posse do imóvel. Com o intuito de dar cumprimento à determinação contida na referida decisão, na mesma data que teve ciência, a Juíza Federal condutora dos autos do processo em que se deu a imissão na posse do imóvel, determinou que se oficiassem as partes para o seu cumprimento, bem como à Juíza do Processo Falimentar, para que dela tomasse conhecimento.  Em seguida, foi determinado que se oficiasse ao Cartório de Registro de Imóveis para que se proceda à averbação, na íntegra, da referida decisão.

                Diante dos fatos relatados, e considerando que a decisão proferida pelo Ministro do STJ ensejou dúvidas às partes, informa o Juízo da 4ª. Vara que será solicitado, junto ao STJ, esclarecimentos adicionais quanto ao seu cumprimento.

                A Juíza Federal da 4ª Vara, Lidiane Vieira, coloca-se à disposição da imprensa e da sociedade para dirimir quaisquer dúvidas, acrescentando que, se houver necessidade, notícias posteriores serão publicadas no site da Justiça Federal, através de nota oficial. (ASCOM/JF-SE).

DO LEITOR

Central de Regulação do SAMU
Da leitora e enfermeira Sandra: “Peço que amplie o debate sobre as mudanças ocorridas nesta semana com a incorporação do Samu Aracaju ao Samu Estadual é preciso analisar se essa mudança é realmente benéfica para a população.Não vou adentrar nos problemas do Samu Estadual como viaturas quebradas, falta de materiais, estrutura física, etc, o objetivo é analisar o impacto de uma única Central de Regulação para o Estado digo isso porque não estou questionando se a gestão é municipal ou estadual, mas ao fato de todas as ligações efetuadas para o 192 sejam atendidas por uma única central que conta com apenas 7 telefonistas e no momento 3 radio operadores para 2 freqüências de modulação e que até o final do ano será apenas 1 freqüência, ou seja, todas as viaturas do estado utilizando para regular os casos numa única freqüência de radio.O que significará um congestionamento na freqüência de radio com isso as equipes então passam o quadro do paciente por telefone ocupando o telefonista e o médico regulador aumentando o tempo para a equipe informar o estado do paciente e num quadro grave o paciente piora, passando por telefone o radio operador não acompanha essa conversa e com a freqüência congestionada ocorre a demora para acionar uma Unidade de Suporte Avançado para o auxilio de uma Unidade de Suporte Básico, por exemplo.Dizer que isso é um avanço só mesmo quem nunca trabalhou numa Central de Regulação e muito menos na intervenção quando se tenta passar um quadro do paciente por radio e não consegue porque outras viaturas já estão utilizando, tenta-se por telefone e não consegue, pois quando os telefonistas não estão ocupados são os médicos que estão regulando com viaturas ou com novas solicitações.Outro problema é que não existe Central de Leitos no estado, então cabe também ao Samu no caso de transferência de paciente de um hospital para outro verificar se existe vaga e quem recebe o paciente ocupando novamente um dos 7 telefonistas impedindo tanto a população quanto as equipes de passarem a situação do paciente.Unificar a gestão é uma coisa unificar a Central de Regulação é outra coisa tanto que em Santa Catarina a gestão é estadual e são varias centrais espalhadas pelo Estado, no Rio Grande do Sul a uma critica generalizada a centralização de centrais de regulação e diversos municípios gaúchos pedem uma maior descentralização.No Rio Grande do Sul a problemática é tão grande que foi autorizado a "regulação inversa" mesmo contrariando lei federal, será que nossos gestores sabem dessa situação?No Piauí após intensos debates foi decidido que o estado manterá outras centrais de regulação, ou seja, o debate é unificar a gestão do SAMU e não as Centrais de Regulação passo a palavra a população sergipana”.

Blog no twitter: www.twitter.com/BlogClaudioNun
  
Frases do Dia
"Quanto melhor é uma pessoa, mais incomoda as pessoas más".
Santo Agostinho.

                                

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários