Ih, sujou!

0

O resultado das eleições de 2010 será mudado em vários Estados depois da decisão do Supremo Tribunal Federal de invalidar a aplicação da Lei da Ficha Limpa no pleito passado. É que agora os votos dados aos ‘barrados no baile’ serão considerados válidos, obrigando os Tribunais Regionais Eleitorais a recalcular o coeficiente eleitoral para, se for o caso, reproclamar os eleitos. 24 dos 27 Estados brasileiros, inclusive Sergipe, estão nesta situação.  Aqui, José Renato Brandão, o ‘Renatinho’ (PMDB), e Rubens Oliveira Bastos, ‘Rubens Exator’ (PT do B), terão os votos validados. Esse fato novo muda alguma coisa no resultado das eleições sergipanas?  Há quem acredite que não, mas só será possível responder à pergunta com certeza após o TRE anunciar quantos votos tiveram os dois e se os sufrágios deles serão suficientes para alterar o coeficiente eleitoral.

 

Desdobrado

 

E os nossos carros estão bebendo álcool desdobrado desde que a ANP autorizou o aumento na quantidade de água no álcool anidro, que é misturado à gasolina vendida nos postos. No longo prazo, a mudança pode ser prejudicial ao motor, assim como uma cachaça desdobrada arromba com o fígado do biriteiro. Conforme a ANP, o teor real de etanol no combustível cai de 98% para 92,1%. Ic, Ic!

 

Não gostou

 

Não convidem para o mesmo evento o governador Marcelo Déda (PT) e o deputado estadual Venâncio Fonseca (PP). O petista diz ter ficado angustiado com a afirmação do parlamentar de que Sergipe está quebrado. “É bom quando há uma oposição qualificada, que enfrenta o governo estudando antes. Quando temos uma oposição que fala sem mensurar o peso do que diz, a grande prejudicada é a democracia”, reclama Déda. Segundo ele, apesar de viver uma situação de aperto, Sergipe tem uma gestão fiscal responsável e um plano de investimentos que revela uma enorme saúde financeira e fiscal.

 

Strip privê

 

Em algum lugar desse planeta, após ter perdido a gratificação de chefia com a mudança do comando, um esbelto policial militar recorreu ao ‘bico’ para recompor o orçamento doméstico. Decidiu fazer strip tease para animadas rodas de bem capitalizadas dondocas. A festa privê está lhe rendendo quase cinco vezes mais do que a polpuda gratificação perdida. “Arrependo-me por não ter pensado nisso antes”, diz o PM, enquanto expõe o cano longo de seu “trezoitão”, para delírio das animadas senhoras.

 

Mais cimento

 

Sergipe bateu recorde na produção e consumo de cimento em 2010. Os dados divulgados pelo Sindicato Nacional da Indústria do Cimento revelam que, de janeiro a dezembro, a fabricação total alcançou mais de 3 milhões de toneladas, com alta de 12,6% em relação ao volume fabricado em 2009 (2,7 milhões de toneladas). No período, o consumo de cimento foi o maior já registrado em Sergipe, totalizando 479.719 toneladas, com avanço de 18,4% sobre a base consumida em 2009, 405.055 toneladas.

 

Mais tempo

Problemas no sistema do Simples Nacional levaram o comitê responsável por gerir o programa a adiar o prazo final para a entrega da declaração para o próximo dia 15 de abril. O prazo anterior era a próxima quinta-feira. O documento deve ser enviado pela internet, por meio do site da Recita Federal, via portal do Simples Nacional. O prazo para a entrega de declaração de receita do Empreendedor Individual não mudou, continua no dia 31 de maio.

Palestra francesa

 

A Crise Econômica, Reforma da Previdência e Mobilizações Populares na França, é o tema da palestra que o francês Julien Terrié, membro do Novo Partido Anticapitalista e dirigente da IV Internacional, fará hoje em Aracaju. Será a partir das 18h30 na sede do Sindipetro/SE, localizado na Rua Siriri, em Aracaju. A palestra é promovida pelo grupo de oposição ao Sindicato dos Petroleiros, batizado de “Resgatando a Luta”. Julién explicará as nuances e objetivos de cada projeto, além dos impactos das reformas na economia política em escala global.

 

Refugos

 

Êta como o glorioso Corinthians gosta dos refugos do Mengão. Depois do Ronaldo, o gordo, o Timão paulista contratou o matador Adriano. Brincadeiras à parte, o danado saber fazer gols como poucos. Bagunceiro ou não, o certo é que Adriano e Ronaldinho juntos no Flamengo faziam um estrago dos diabos nas defesas adversárias.

 

Violência

 

De pouco adiantaram as providências tomadas pela Secretaria da Segurança Pública para conter a violência em Lagarto. Somente no último final de semana, três pessoas foram assassinadas naquele município. José Alves Terto Reis e Eliseu Dias Filho foram mortos a tiros, enquanto José Correia da Silva perdeu a vida ao receber vários golpes de faca. Os três crimes deixaram os lagartenses ainda mais temerosos.

 

Do baú político

 

Ao decidir descansar na Praia do Saco, em Estância, o então presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) não imaginava que aquele final de semana seria um dos mais tumultuados de seu governo. Era agosto de 1997 e FHC chegou em Aracaju na sexta à tarde, tendo seguido de helicóptero para a casa de praia do amigo e governador Albano Franco (PSDB). Este se encontrava no Maranhão. Ao retornar à noite, Albano optou por beber uns drinques com amigos no restaurante Albar. Como a conversa se alongou, decidiu só ir para a Praia do Saco na manhã do sábado. Largado na confortável casa, FHC não desgrudava do telefone, pois a cada momento chegavam notícias ruins sobre a economia. Em certo momento, o próprio presidente do Banco Central, Gustavo Franco, telefonou para informar que estava renunciado. O presidente esperou o dia clarear e pegou o helicóptero. Albano foi acordado e rumou para o aeroporto, onde se despediu do visitante, que seguiu para Brasília. No prejuízo, quem ficou mesmo foi um empresário que iria recepcionar FHC com uma caranguejada no sábado. Em função da viagem, o homem suspendeu a festa e mandou soltar os cerca de 500 caranguejos nos mangues da Praia do Saco.

 

Resumo dos jornais

 

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais