Lampião não era gay

0

O escritor Alcino Alves Costa reagiu contra a afirmação do juiz de Direito aposentado Pedro de Morais de que Lampião era homossexual e Maria Bonita adúltera. “Lampião jamais foi gay. Aliás, em toda a história do cangaço, desde os seus primórdios, não se registra nenhum homossexual nos grupos de cangaceiros”, escreve Alcino na edição de hoje do Jornal da Cidade. As insinuações de Morais, que lança amanhã o livro “Lampião, o mata sete”, já foram feitas antes pelo antropólogo e fundador do grupo gay da Bahia, Luiz Mott, porém seus argumentos jamais convenceram os pesquisadores do cangaço. A pergunta que se faz é: estivesse Lampião vivo e aterrorizando o Nordeste com seu bando de jagunços, Pedro Morais, Luiz Mott e tantos outros teriam coragem de chamá-lo de boiola?

Forte apoio

Os deputados estaduais João Daniel e Francisco Gualberto – ambos do PT – defenderam ontem a pré-candidatura a prefeito de Aracaju do deputado federal petista Rogério Carvalho. Além dele, deputada estadual Ana Lúcia e o vice-prefeito Sílvio Santos também travam disputa interna no PT para concorrer à prefeitura da capital. Pelo visto, o partido vai ter que realizar uma prévia para definir quem disputará a cadeira do prefeito Edvaldo Nogueira (PC do B).

Despreocupado

E Sílvio Santos não se abalou com a posição dos deputados João Daniel e Gualberto em favor de Rogério. Entrevistado pelo colega Joedson Telles, o vice-prefeito disse ter achado natural o apoio dos parlamentares a Carvalho, porém advertiu que a decisão sobre o candidato petista a prefeito da capital cabe exclusivamente aos mais de 7 mil militantes petistas. Tá certo!

Top 100

Estão abertas as inscrições para a terceira edição do Prêmio Sebrae Top 100 de Artesanato. Os interessados em participar da premiação que identifica as melhores práticas de artesanato têm até o dia 30 de novembro para se cadastrar. A expectativa do Sebrae é receber mais de mil inscrições neste ano. Podem participar empreendedores individuais, grupos de produção artesanal, micro e pequenas empresas, associações e cooperativas.

Sem greve

Os servidores do Tribunal de Justiça de Sergipe decidiram não cruzar os braços nesta quarta-feira. Preferiram aceitar 10% de reajuste salarial, mais 10% de aumento no auxílio-saúde e 6,5% no auxílio-alimentação, tudo com vigência em janeiro de 2012. A decisão foi tomada pela categoria após reunião entre a diretoria do Sindicato e o presidente do TJ, desembargador José Alves Neto.

Parcelamento

As micros e pequenas empresas enquadradas no Supersimples vão poder parcelar em até 60 meses os débitos junto à Receita Federal e fazendas estaduais e municipais. De acordo com a Resolução nº 92, do Comitê Gestor do Simples Nacional, os pedidos de parcelamento deverão ser apresentados a partir do dia 2 de janeiro de 2012. O benefício engloba todos os débitos dentro do Supersimples consolidados até 2010.

Paternidade

O governador Marcelo Déda (PT) postou ontem no twitter que “na sexta-feira liguei para o senador Eduardo Amorim (PSC) e comuniquei que o Hospital do Câncer continuaria entre as prioridades de Sergipe para o Orçamento Geral da União de 2012”. Segundo Déda, na reunião de ontem entre ele e a bancada federal, em Brasília, “ficou acertado, com o meu apoio explícito, que o senador Amorim será o primeiro subscritor da emenda de bancada do hospital”. Então tá!

Novo museu

Principal evento das comemorações dos 50 anos do Banese, a inauguração do Museu da Gente Sergipana acontecerá no próximo sábado. A cerimônia será realizada a partir das 19 horas, no antigo prédio do Atheneuzinho, na Avenida Ivo do Prado, 398, no centro histórico de Aracaju. O prédio foi totalmente reformado para abrigar o Museu – um espaço multimídia de última geração, comparável ao Museu da Língua Portuguesa e o Museu do Futebol, em São Paulo. Legal!

Lamentação

Com os salários atrasados, os professores municipais de Carira promoveram ontem a “Marcha da Lamentação”. Durante a caminhada pelas ruas da cidade, os educadores também condenaram a aprovação de projeto reduzindo a carga horária da categoria, as irregularidade no transporte escolar e na merenda escolar. A queda do número de matrículas escolares reduziu a arrecadação do município em mais de R$ 300 mil mensais.

Do baú político

Há algum tempo, quando as pesquisas começaram a ser usadas para medir a popularidades dos candidatos, não faltavam ‘picaretas’ para manipular os índices ao gosto do freguês. Aconselhado por amigos, o então candidato a prefeito de Lagarto, Artur Reis, contratou um desses institutos fajutos para avaliar sua situação eleitoral no município. Ao receber a pesquisa, seu Artur discordou de alguns números, que mostravam favoritismo em alguns povoados do seu adversário José Raymundo Ribeiro, o “Cabo Zé”. Para agradá-lo, o ‘pesquisador’ prometeu fazer nova consulta nas localidades questionadas pelo cliente e, dias depois chegou com outra pesquisa mostrando seu Artur na dianteira. Acreditando serem os números reais, o candidato reduziu um volume da campanha. Resultado: quando as urnas foram abertas, “Cabo Zé” ganhou não apenas nos povoados onde Reis acreditava ser o favorito, mas em todo o município.

Resumo dos jornais

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais