Medo da imprensa

0

Quem tem medo da imprensa livre? A resposta correta é o Partido dos Trabalhadores, que quer porque quer a aprovação de um tal marco regulatório da comunicação social. Na prática, esse instrumento fascista nada mais é do que censurar a imprensa, colocar um garrote nas bocas dos jornalistas e punir com rigor quem não rezar na cartilha do governante de plantão. Para os petistas – claro que há exceções – imprensa boa é aquela que não ataca o governo, não denuncia a corrupção e se contenta em fazer release oficial. Nas cabecinhas da turma do PT, jornalista não pode denunciar mensalão, benesses recebidas por ministros, desvio de bilhões em verbas públicas e uma série de outros escândalos. Convenhamos, é uma controvérsia ver o Partido dos Trabalhadores, que outrora defendia a democracia, a liberdade de expressão, os direitos dos cidadãos, se voltar agora contra tudo o que pregou.

Quer pique

O governador Marcelo Déda (PT) gastou muita saliva ontem para levantar o ânimo de seu secretariado. Num discurso de quase uma hora, o petista tentou mostrar aos auxiliares que sua segunda administração está apenas começando e que todos devem trabalhar para acabar com esse clima de fim de governo. Os secretários expuseram as ações realizadas nos últimos oito meses e apresentaram projetos a serem desenvolvidos.

Luto

Está sendo velado no Cemitério Colina da Saudade, o corpo do senhor Manoel Chagas, pai do governador Marcelo Déda. Ele faleceu na madrugada de hoje no Hospital São Lucas, onde estava internado há cerca de dois meses por conta de uma queda em casa. O sepultamento está marcado para às 16h desta terça-feira, 6. O blog solidariza-se com a dor da família enlutada.

Lima autorizado

A imprensa sulista informa que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) autorizou o deputado federal Almeida Lima a deixar o PMDB e se filiar a outra agremiação. A decisão é da ministra Carmem Lúcia. Ela entendeu que Lima estava sendo vítima de discriminação pessoal e perseguição política no Diretório Estadual do PMDB, que é comandado pelo vice-governador, Jackson Barreto.Com a saída do partido, o deputado também deve deixar a presidência da Comissão Especial da Reforma Política da Câmara, pois o cargo é do PMDB.

Saúde na UTI

Decididamente é muito grave a crise da saúde pública. Dois fatos registrados ontem deixam claro que a situação é periclitante. Primeiro um senhor se acorrentou em frente a um posto de saúde da Prefeitura de Aracaju sob a alegação que há muito tempo não consegue ser atendido. Depois o Hospital São José anunciou a suspensão das cirurgias de fissura labial porque não está recebendo pelo serviço. Do jeito que vai, a saída mesmo é recorrer aos pais e mães de santo ou rezar para não ficar doente. Que horror!

Lagarto em festa

Começa amanhã em Lagarto a 48ª Exposição de Animais da Região Centro Sul. A solenidade de abertura está marcada para as 19h, no Parque de Exposições Paulo Nicolau de Almeida. Entre as novidades da mostra está a 1ª Exposição Ranqueada do Cavalo Pônei. O evento é organizado pelo Governo de Sergipe, Prefeitura de Lagarto, Sebrae e parceiros da iniciativa privada.

Restituição

A Receita Federal deve liberar na próxima sexta-feira a consulta ao quarto lote regular de restituições do Imposto de Renda Pessoa Física 2011. Há também lotes residuais de 2010, 2009 e 2008. O dinheiro estará disponível no próximo dia 15 no banco. Estão programados mais três lotes regulares até o final do ano (outubro, novembro e dezembro). A restituição ficará disponível no banco durante um ano.

Sem botox

Os dentistas estão proibidos de usar a toxina botulínica, mais conhecida como botox, e o ácido hialurônico, aplicado contra rugas, para fins estéticos. O veto é do Conselho Federal de Odontologia. Os dentistas podem usar a toxina somente em casos terapêuticos. O ácido está proibido em qualquer tipo de tratamento. O Conselho argumenta que o preenchimento facial ou labial para correção estética não é atividade de cirurgião-dentista.

Medo de João

A boa performance  do ex-governador João Alves Filho (DEM) nas pesquisa está assustando os governistas. Entrevistado ontem pela colega Aldaci Souza, o senador Antônio Carlos Valadares (PSB) disse que “um candidato só do lado de cá, para vencer o lado de lá, não é fácil”. Segundo o senador, “quando a gente quer uma boa colheita, já começa a plantar agora. Então quem quiser se habilitar para 2014 deve trabalhar, e muito, em 2012 para ter uma boa performance na eleição”. Valadares está certo.

Do baú político

Num passado não muito distante, era comum no interior de Sergipe o ‘voto formiguinha’, que dava ao candidato uma segurança de quase 100% que o sufrágio colocado na urna era dele. Com o eleitor desinformado, semi-analfabeto e dependente do chefe político, a fraude era de fácil aplicação. Primeiro mandava-se um cabo eleitoral votar, mas, em vez de colocar a cédula oficial na urna, o sujeito a levava consigo para preenchê-la com os nomes dos candidatos desejados. Em seguida, a cédula era entregue ao eleitor ‘emcabrestado’, que ia à seção eleitoral, assinava a ficha de presença, colocava na urna a cédula já marcada e retornava com a outra em branco para ser preenchida e entregue a outro eleitor. Perdia-se apenas o primeiro voto, pois para iniciar o processo precisava-se de uma cédula oficial em branco, porém todos os outros eram garantidos. A depender do número de eleitores aliciados, o ‘voto formiguinha’ alterava consideravelmente o resultado final da eleição.

Resumo dos jornais

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais