PM: acordo bem próximo

0

Desde que se iniciou o impasse entre os policiais militares e o Governo do Estado, este espaço vem pregando o diálogo e o bom senso para se chegar a um denominador comum.  E o policial militar, que é leitor deste espaço há algum tempo sabe da dedicação e do apreço deste jornalista em defesa da categoria. Algumas vezes este jornalista foi incompreendido e criticado duramente por defende o diálogo e não entender a radicalização com posições partidárias claras. 

A posição democrática deste espaço é a tônica principal. Aliás o sucesso diário, conforme números de acessos da própria Infonet, comprova que o caminho está certo. A própria Associação dos Oficiais Militares de Sergipe reconheceu o trabalho deste jornalista concedendo, no final do ano passado, uma homenagem com a “Comenda Espada de Prata” pelos serviços prestados e pelo enobrecimento do oficialato militar do Estado de Sergipe. Essa breve introdução é para mostrar para alguns policiais mais radicais que este espaço sempre foi democrático e continuará na mesma linha, mas nunca será instrumento para radicalizações onde a principal prejudicada é a população sergipana. Independente de quem esteja de plantão no governo do Estado.

Ninguém é contra a melhoria salarial para a PM ou qualquer outro servidor público. Aliás, este espaço sempre cobrou do governo a negociação e criticou o governador por não ter aberto, desde o início da mobilização, um diálogo transparente e objetivo com a tropa. Desde a semana passada que este espaço começou a receber e-mails de policiais militares, principalmente soldados, dando um voto de confiança ao governador pelo diálogo aberto. E este diálogo está avançado a passos largos e mesmo com a crise financeira o governo do Estado poderá garantir para a tropa uma melhoria significativa até o final do ano de 2010. Sem comparações com a polícia civil, que tem um contingente pequeno, se comparado com seis mil homens na ativa e outros 2,5 mil aposentados. Um total de 8,5 mil homens na PM. Sem falar com mais 650 homens no Corpo de Bombeiros.

 

Pelas informações recebidas a Polícia Militar de Sergipe, cujos salários já estão no 15º lugar entre todos os estados, poderá chegar até o final de 2010 entre as três melhores do país em termos salariais. É um avanço significativo para a PM que vem sofrendo ao longo dos anos e no atual governo já ocorreram várias melhorias, mas por conta da comparação com o reajuste da polícia civil, estas melhorias não foram assimiladas pela tropa.

 

O governador sabe, que mesmo com os problemas financeiros, a PM precisa ser valorizada. E ele vem dialogando com o novo comando e o secretário da Fazenda em busca de uma solução que não afete as finanças do estado, mas que atenda a reivindicação da categoria. Pode ser um acordo histórico. Para isso já assumiu o compromisso com a AL de uma auto-convocação (sem remuneração), para votar a proposta ainda em julho, com retroatividade a maio.

 

As negociações continuam e quem sabe até 2010 os soldados, que hoje ganham cerca de R$ 1.500,00 possam ter dobrado seus salários. Esse novo estágio de diálogo entre a PM e o governo do Estado só reforça o que este jornalista sempre cobrou: bom senso. E este pequeno espaço sempre contribuiu para isso…

 

Negociações

Um dado importante. Depois da entrada do senador Valadares e do deputado Jackson Barreto as negociações com a PM avançaram muito. E este espaço desde abril vinha alertando para a necessidade da participação de lideranças com experiência para acabar com o impasse.

 

Coronéis vão para reserva sem prejuízo

O governo do Estado pretende enviar para a Assembléia um projeto de lei para solucionar o número exagerado de coronéis na PM de Sergipe. Hoje, proporcionalmente a população, a PM de Sergipe é a que tem mais coronéis do pais. São ao todo 29 coronéis, incluindo aí dois coronéis médicos. A idéia, segundo informações, é estimular que alguns coronéis possam ir para a reserva, após 25 anos de serviço sem prejuízo financeiro, inclusive incorporando cargos de chefia que ocuparam. 

 

Justiça com trabalho da RP

Este espaço errou na semana passada ao publicar que a Rádio Patrulha tem gratificação. Segundo informações recebidas não tem. E aproveitar para elogiar o trabalho de todos que atuam na RP, na pessoa do capitão Vitor, que pelas matérias veiculadas na imprensa vem fazendo um trabalho sério prendendo quase que semanalmente traficantes de verdade e não meros usuários de drogas. O caminho é por aí, através do trabalho conjunto com a Polícia Civil.

 

Policiais à disposição

Uma das promessas de campanha do atual governador foi que colocaria nas ruas os policiais militares que estão à disposição de diversos poderes e órgãos. Muitos deles não sabem o que é colocar a farda há anos e anos. Mais ganham até mais daqueles que estão nas ruas. Está errado. É preciso que o governo encontre uma maneira de pagar mais a quem está nas ruas e quem está à disposição não tenha os mesmos benefícios.

 

Atividade fim e atividade meio

Um dos entraves que vem provocando morosidade no atual governo do Estado chama-se a Procuradoria Geral do Estado. O governador precisa lembrar que tem atividade fim e atividade meio. A Procuradoria é atividade meio. Já a defensoria é atividade fim do Estado. É por isso que vários governadores colocam na procuradoria geral um advogado sem ser dos quadros. Para que não tenha desgaste com os colegas e tenha celeridade nas decisões. Tem “estudos” que demoram muito atualmente…

 

Crise na citricultura

Como publicou na coluna anterior, este jornalista entende que é grave a situação da citricultura em Sergipe. Algo precisa ser feito. Políticos já estão se moblizando e no próximo dia 7 de julho, na Comissão de Agricultura da Câmara a crise na citricultura em Sergipe será debatida através de proposta do deputado Jerônimo Reis (DEM). Prefeitos serão convocados para debater o problema, entre eles o de Umbaúba, Anderson Farias.

 

Últimos adesivos

A próxima terça-feira, 30, é o último dia para quem desejar receber o adesivo comemorativo dos três anos da coluna enviar a solicitação. Quem desejar o adesivo é só enviar e-mail com endereço que receberá em sua residência: claudionunes@infonet.com.br

 

Resultado do São João de 2009

Apesar da redução da programação e do clima de fim do mundo que alguns empresários, político e representantes da imprensa, o resultado do São João em Sergipe foi, segundo a própria hotelaria, melhor que o ano passado, mesmo com maior número de leitos na cidade. Para o presidente da Emsetur, José Roberto,  o São João de Sergipe é atualmente uma das três maiores e melhores festas do Brasil.Outro fator importante é a forma como os bares,hotéis e agências de receptivo trataram o turista com toda a atenção possível.Este é um sinal da profissionalização do setor.

 

Banese

O governador Marcelo Déda desmentiu suposições de que o secretário de Estado da Fazenda, João Andrade, estivesse ‘excedendo suas atribuições’ e palpitando na gerência de Saumíneo Nascimento à frente do Banese. “O secretário de Estado da Fazenda é, por lei, presidente do Conselho de Administração do Banese. Ele obrigatoriamente tem que opinar sobre o banco, porque representa o Governo, que é o acionista majoritário”.

 

Decisões unânimes

O governador ressaltou ainda que grande parte das decisões do Conselho de Administração são definidas por unanimidade e que, se houvessem intromissões indevidas ou intervenções desautorizadas, ele mesmo já teria se interposto.  “Se tivesse em risco alguma coisa na gestão do Banese eu já teria entrado em cena e resolvido”.

 

Situação anterior do Banese

O governador citou a multa aplicada pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) a ações de gestões anteriores do Banese como prova da situação irregular da entidade quando sua gestão começou. “Esta é a confirmação oficial da situação em que se encontrava o banco quando nós chegamos ao Governo. Agora compare a situação do Banese, não apenas entre os bancos públicos, mas também entre os bancos particulares do seu tamanho. Ele é líder, e isso se deve à competência dos seus funcionários, ao compromisso que eles têm com o banco, a uma diretoria competente, e a presidentes como João e Saumíneo, que sabem do valor que esse banco tem para a sociedade. Não há crise. O Banese está numa fase de sucesso”.

 

PEC para exigência de diploma I

Uma Proposta de Emenda Constitucional, que dispõe sobre a exigência do diploma de curso superior de comunicação social para o exercício da profissão de jornalista, foi feita pelo senador Antonio Carlos Valadares, líder do PSB no Senado, e será apresentada à Mesa Diretora tão logo o parlamentar termine de coletar as assinaturas necessárias dos demais senadores para o início de sua tramitação.    Preocupado com o clamor de jornalistas e estudantes de comunicação social – inseguros que estão com a deliberação do Supremo Tribunal Federal (STF) de dispensar o diploma para profissionais de jornalismo – Valadares em seguida da apresentação da PEC vai entrar com requerimento junto à Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ).

 

PEC para exigência de diploma II

Ele quer  que seja realizada audiência pública com estudantes, jornalistas, representantes de associações e federações de jornalistas, além da Ordem dos Advogados do Brasil, “ para que possamos aperfeiçoar a PEC e chegarmos à melhor solução para o impasse”, explica.  A PEC acrescenta à Constituição o artigo 220A, e diz ser o exercício da profissão de jornalista privativo do portador de diploma de curso superior de comunicação social, com habilitação em jornalismo, expedido por curso reconhecido pelo Ministério da Educação, nos termos da lei.

 

Assembléia geral dos jornalistas

O Sindijor Sergipe está convocando todos os jornalistas filiados para uma assembléia geral da categoria nesta quinta-feira na sede da CUT. Na pauta a discussão sobre a decisão do STF que retirou a exigência do diploma para o exercício do jornalismo e a apresentação de propostas de luta para a categoria a partir desta decisão. A partir das 18h30.

 

Processos de Pirambu

Que fim levaram vários processos da Prefeitura de Pirambu envolvendo o ex-prefeito Juarez e toda assessoria? Alguns têm empresas privadas no meio, como o supermercado Vasconcelos e uma empresa de publicidade que apresentou uma certidão negativa falsa do INSS para receber muito dinheiro. Hoje, o proprietário da empresa prega moralidade, mas esquece de olhar para o próprio umbigo.

 

TSE rejeita denúncia contra governador e parlamentares de Goiás

No caso do governador, o recurso foi apresentado pela coligação “Goiás Melhor Para Todos”, que alegava que durante sua candidatura ao governo, Alcides Rodrigues teria sido beneficiado por uma promessa do então candidato ao Senado, Marconi Perillo. De acordo com a acusação, em uma reunião com prefeitos do estado, Perillo teria dito que aquele prefeito cujo município desse maior votação ao governo do estado seria premiado com convênios de diversos valores.A defesa sustentou que “nenhum prefeito presente levou isso a sério porque tinha um evidente tom de brincadeira”.O relator do caso, ministro Ricardo Lewandowski, entendeu que não houve abuso de poder político porque o autor da promessa não era, à época, detentor de mandato eletivo e não exercia a função pública. Assim, para caracterizar a inelegibilidade “é necessário que o candidato não só tenha sido responsável pelo abuso, mas que também o tenha praticado utilizando-se da sua condição de detentor de cargo na administração pública, direta, indireta ou fundacional”.Lewandowski ressaltou que Perillo não poderia efetivar a promessa de benefício aos municípios goianos, uma vez que não era ordenador de despesas. Assim, concluiu que não houve abuso de poder político com potencialidade para intervir na lisura das eleições. (TSE).

 

O empresário Gilmar prospera

Assumir a presidência do Supremo Tribunal Federal (STF) fez bem aos negócios de Gilmar Mendes. Desde que passou a ocupar o posto, sua escola, o Instituto Brasiliense de Direito Público (IDP) expandiu o número de contratos com órgãos públicos. Todos sem licitação. Em 2007, quando Mendes ainda era só ministro do STF, o IDP faturou 216,3 mil reais com esses convênios. No ano passado, a quantia subiu para 577,8 mil. E no primeiro semestre de 2009, o Tesouro já empenhou 597,8 mil para pagar os cursos oferecidos pelo instituto. Até a Polícia Federal, que, segundo o ministro, abriga “gângsteres”, virou cliente. Foram 17,4 mil reais para pagar cursos a dois delegados. O estranho é que o contrato, também sem licitação, não tem uma identificação clara no Siafi, o sistema eletrônico que lista as ordens de despesa do governo. No corpo docente do IDP, como se sabe, figuram, entre outros, procuradores da República, auditores fiscais e ministros dos tribunais superiores, inclusive do STF, como Eros Grau e Carlos Ayres Britto, Nelson Jobim (Defesa), Jorge Hage (Controladoria-Geral da União), Mangabeira Unger (Planejamento Estratégico) e José Antonio Toffoli (Advocacia-Geral da União) são alguns dos representantes do Executivo nos quadros do instituto. Sem ligar para o conflito, o IDP costuma ministrar cursos nestes tribunais e repartições. Fonte: http://www.cartacapital.com.br/app/materia.jsp?a=2&a2=8&i=4331

 

Improbidade administrativa I

O Presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Monte Alegre de Sergipe SINTEGRE diz que descontar empréstimos consignados em folha de Servidor e não repassar ao banco credor é caso de improbidade administrativa. A sessão da Câmara de Vereadores de Monte Alegre do dia 23 de junho de 2009 foi marcada pelo uso da tribuna popular do Servidor Público Municipal e Presidente do Sindicato da Categoria, José Rinaldo de Santana. Que em sua fala diz: Mais uma vez, os servidores Municipais de Monte Alegre, são surpreendidos com cartas de inclusão no SPC, Serasa, enviadas pela BV financeira e a Caixa Econômica Federal.Ocorre que nos últimos 5 meses as parcelas descontadas em contracheque dos servidores não foram repassadas a CAIXA ECONOMICA FEDARAL, Nem a BV FINANCEIRA, (CREDORES), fato este não motivado pelos servidores, que nem tinham conhecimento do ocorrido, pois, somente depois, de receberem uma comunicação através de carta avisando a inclusão no SPC /SERASA é que ficaram sabendo que seu nome constava no banco de dados de inadimplentes, por negligência da administração, não foram repassados os valores descontados em contracheque. Quando perguntamos ao gestor e aos seus secretários a resposta não é satisfatória, “haja vista que não se existe uma resposta contundente para isso”.

 

Improbidade administrativa II

“Isso mostra a falta de compromisso do gestor de Monte Alegre para com os servidores, isso é o acumulo dos absurdos, descontar empréstimos consignados em folha de Servidor e não repassar ao banco credor é caso de improbidade administrativa”, diz Rinaldo Santana. “A população de Monte Alegre está sem entender, o que está acontecendo no que se diz respeito ao concurso anunciado e esperado”, o assessor do Prefeito diz que não saiu o Edital por conta dos vereadores não terem aprovado; os vereadores dizem que a culpa é do Prefeito, e assim a população de Monte Alegre permanece na ansiedade. Afinal a culpa é de quem? Perguntou o Sindicalista! Os vereadores todos se manifestaram dizendo: Estamos prontos para aprovar, mas quando o projeto vir com uma redação conveniente. Vale ressaltar que já duas vezes que o projeto vem a essa casa com erros de digitação alegou o vereador José Nunes (Aritana).

 

Curso criando blogs

Será realizado no próximo dia 11 de julho, das 9h às 17h, na Acesso Informática, o curso Criando Blogs com WordPress. A proposta do curso é habilitar os alunos no uso da ferramenta WordPress, a melhor plataforma para publicação pessoal do mercado.O instrutor é o Antonio Carlos Lima, autor do blog Meu Papagaio e administrador do Portal Blog”se!.Serão abordados os seguintes pontos básicos:Introdução e conceitos; O Blog como mídia social; Blogs profissionais: características,Recursos do WordPress.org,Instalando o WordPress, Personalizando o blog, Administrando o blog e Monetização e estatísticas. Público alvo: Blogueiros, estudantes, professores, profissionais de comunicação, profissionais de TI e interessados em mídias sociais. Valor do investimento: R$ 79,00 (parcela única). Material Didático incluso. Inscrições e Informações: 9192.6694 ou contato@meupapagaio.com

 

Novo curso de Inglês: inlingua

Aracaju conta agora com uma nova opção para quem deseja aprender inglês, principalmente o público adulto formado por profissionais liberais, executivos e empresários. O inlingua Aracaju segue a tradição das 350 escolas inlingua presentes em 41 países e que há 40 anos preparam profissionais de todas as áreas para competir e vencer no mercado de trabalho. O método inlingua é todo elaborado na sua matriz na Suíça, desde os livros até o planejamento das aulas. Assim, o mesmo curso que é oferecido em inlingua Aracaju tem o mesmo conteúdo das outras franquias ao redor do mundo.

 

Aulas gratuitas em julho

Quem quiser conhecer essa inovadora proposta de ensino de inglês pode participar de um programa especial de 8 aulas que ocorrerá durante o mês de julho, sem qualquer ônus. A escola possui salas de aula diferenciadas, dispostas com cadeiras ao redor de uma mesa de reunião. Com isso, há uma maior interação entre os alunos e o professor. As turmas são separadas por faixa etária e o máximo de 6 alunos por turma garante mais rapidez e eficácia no aprendizado. Durante o mês de junho estão abertas as inscrições dos interessados em participar do programa, que acontecerá na própria escola. Será realizada uma avaliação para saber em qual nível você irá se enquadrar e haverá turmas para iniciantes, intermediários e avançados. A escola fica na Rua José Ramos da Silva, 72, no bairro 13 de julho. Informações adicionais podem ser obtidas pelo telefone 3246-1021 e na própria escola. Visite o site www.inlingua-aracaju.com.br para saber mais sobre inlingua Aracaju.

 

DO LEITOR

 

Relato de um morador do PAR – Condomínio Rio Poxim I

Do leitor Tiago Nunes de Oliveira: “Venho recorrer ao seu espaço na vã esperança de que a justiça prevaleça na relação entre o forte e os humildes. O caso que tenho a relatar relaciona o poder jurídico e econômica da Caixa Econômica Federal com o da Prefeitura Municipal de Aracaju, nesse caso executado pela CONTADATA, empresa pessimamente administrada e que não demonstra o mínimo respeito aos usuários do PAR (programa de Arrendamento Residencial), minha história se inicia da seguinte forma. Recebi (na verdade minha esposa) o apartamento do PAR em meados de 2008 (aproximadamente em outubro de 2007), em uma cerimônia bonita onde o prefeito ressaltou a importância do programa (que eu reconheço) e atestou a qualidade da obra. Logo de inicio tivemos problemas devido ao recebimento das unidades sem ligação de água, luz e gás, muitos se mudaram e passaram alguns dias sem esses benefícios básicos, a água e a luz foi ligada em aproximadamente 4 dias e o gás um bom tempo depois, obrigando os moradores a comprarem botijões de gás. Na primeira reunião foi discutindo o regimento interno onde entre vários itens um dizia mais ou menos o seguinte: “ é proibida a instalação de exaustores e aparelhos de ar-condicionado (ou algo que o valha) na parte de alvenaria e concreto da fachada do condomínio”. Nessa hora logo interferi questionando a possibilidade de instalar aparelhos de ar condicionado na janela, em estrutura metálica especifica, e fui respondido de forma muito grosseira que caso ocorresse o fato ingressariam na justiça e tomariam meu apartamento. Após algum tempo, e a consulta de alguns advogados e engenheiros, descobri que seria legal (considerando a clareza do texto no regimento interno) a colocação do aparelho em questão”.

 

Relato de um morador do PAR – Condomínio Rio Poxim II

Continua Tiago: “Fiz essa pesquisa por morar no lado do sol, em um apartamento extremamente quente e por optar por um pouco de conforto e estou certo que ninguém faria má juízo de minha atitude. Prosseguindo, instalei o aparelho e logo no primeiro dia recebi uma notificação citando o artigo acima descrito e outro que faz jus a colocar objetos que possam ao cair causar danos aos demais moradores. Escrevi um defesa explicando a situação e informando que não tinha desrespeitado nenhum dos itens de forma a infração estaria descaracterizada e enviei a CONTADATA e que até hoje não foi respondida. Esse fato se deu a aproximadamente dois anos. Hoje chego em casa e adivinhe, uma multa foi imposta a mim por tentar obter um pouco de conforto, e essa multa foi aplicada pelo condomínio que ao invés de se preocupar com os interesses dos condôminos esta apenas em fazer valer sua arrogância. Solicito sua colaboração no sentido de obter notas públicas das entidades relacionadas com relação ao fato tendo em vista que a CONTADATA deve cuidar do bem comum dos condôminos e minha ação não põe em risco nenhum condômino tampouco causa algum inconveniente que perturbe o bem comum. A caixa pelo motivo da proibição, pois o próprio prefeito garantiu e atestou a qualidade dos imóveis ou será que tudo foi propaganda enganosa? Que caímos em um engodo e que construíram apartamentos que não permitem aos usuários nem o luxo de ter chuveiros elétricos, micro ondas e ar-condicionado? E a prefeitura qual o compromisso que ela tem em intervir como co responsável das ações da CAIXA?Fica no ar os questionamentos de um condômino do PAR, oprimido pela administração e sem saber onde achar respostas”. Tiago Nunes de Oliveira – Condominio Rio-Poxim.

 

Cadê o Conselho Tutelar de Itaporanga D`Ajuda?

E-mail recebido:venho pro meio desta expor o absurdo que vem acontecendo em Itaporanga D´ajuda, o conselho tutelar do município passa por um péssimo período de transição, o conselho é formado por 5 cincos membros, destes cincos dois estão a disposição da prefeitura municipal  – um dos conselheiros de nome Rogério faz parte da “secretaria de eventos” sendo o mesmo responsável por todos os eventos do município e a outra conselheira de nome Ana Meire esta a disposição da secretaria de ação social, o triste dessa historia é que os suplentes não são convocados e o conselho tutelar do município esta um verdadeiro caos, na abertura dos festejos juninos no ultimo dia 19 de junho varias crianças estavam no meio da festa sem acompanhante e percebi a falta dos conselheiros no referido evento, senhora secretaria de Ação Social Drª Marília Mandarino a quem o conselho tutelar é vinculado cadê as ações do conselho?”.

 

“Bompreço encontra “dificuldades” para entrar em Itabaiana.”

E-mail recebido: O grupo Wal-mart (bompreço) solicitou a Prefeitura de Itabaiana, alvará para funcionamento em nossa cidade. Segundo informações obtidas, a empresa funcionará próximo ao mercadão de Itabaiana e gerará de início 150 empregos. Porém a prefeitura até o presente momento não liberou o alvará. Segundo informações existem “probleminhas” a serem resolvidos. Há quem diga que tem muita “gente” interessada pela NÃO entrada do grupo em nossa cidade. O Bompreço quer vir e isso poderá acarretar em uma disputa judicial. Enquanto isso o povo sai prejudicado!”. Fonte:itabaianase.com.br

 

Sobre campanha em Santo Amaro I

E-mail do vereador Gilvan (PT) sobre notas publicadas neste espaço: “Esta questão não comentarei, apesar de ser de conhecimento público. Este missivista, desconhece os meadros judiciais  que estão a ocorrer.  Que a justiça JULGUE. CONDENE e/ ou ABSORVA quem de direito”. Sobre petista no palanque de João Alves:  “Esta diz-me respeito diretamente, pelo fato de ser o único petista a ser portador de um cargo eletivo(vereador) em nossa cidade. Senão vejamos “ O que se estranha é que nenhum dos parlamentares se opôs a uma afirmação desta natureza. E como quem cala consente, espera-se que eles se manifestem. Não pouparam “elogios pejorativos” ao Governador e seu partido. Pergunta que não quer calar, o que um Petista se fazia presente naquele palanque com João Alves e Cia?  Os fatos: No último final de semana houve a abertura dos festejos juninos neste município, a mesma  fora patrocinada pela Prefeitura Municipal com apoio do Ministério do Turismo. Apesar de residir nas proximidades do evento,  não compareci ao mesmo , ausência que fora notada por diversas pessoas, inclusive por colegas vereadores e outras autoridades presentes. É prática no interior e deve ser de seu conhecimento, o locutor falar os nomes das autoridades constituídas, este deve ser fato de quem gravou, ou serviu a algum interesse escuso, incluir-me, num fato inexistente, já que não estava presente. Envolver-me nesse episódio é altamente lastimável. Trafego e atuo politicamente numa corrente política totalmente inversa ao grupo político que ora tentam me incluir ( sempre fui filiado e militante histórico). Acredito ser pelo fato de que não estar disponibilizando minha atuação enquanto Vereador para dar repercussão a fatos que não dizem respeito ao nosso mandato. ( especificamente ao caso judicial que envolve o prefeito reeleito e seu hoje “inimigo” político, o qual  outrora fora amigo e cabeça pensante daquele  grupo polítiico (PFL). Prefiro e faço questão de exercer o nosso mandato, revestido de coerência e destinando-o para o que realmente se destina. O que  sem falsa modéstia estou conseguindo, o que incomoda a muitos adversários”.

 

Sobre campanha em Santo Amaro II

Continua Gilvan : “Voltando ao palanque fictício:  No dia seguinte à abertura , o comentário reinamente no município é que o ex- governador, João Alves esteve em Santo Amaro e por motivos que desconheço não fora recepcionado pelo Prefeito local, e tão somente, pelo  Vereador Marcelo Teles (PSC) e o pai do mesmo, Sr. Ney Teles, antigo amigo e funcionário das empresas de João Alves.  SÓS e somente SÓS… Portanto, a informação que redundou na chamada 2:” PETISTA NO PALANQUE DE JOÃO ALVES”, não reflete a verdade:1. Este Vereador não esteve presente nas festividades mencionadas, o que impossibilita sua presença em palanque  que não existiu;2. Se o mesmo não existiu, não poderiam estar o Prefeito Ivaldo Costa, juntamente com ex-governador a emitir “elogios pejorativos” ao Governador Marcelo Déda e ao PT, sob a complacência deste Vereador;3. Qual o real interesse dessa falsa  informação?4. Temo que estejam tentando  exercer os métodos de  Joseph Goebbels,  verdadeiro mestre em construir realidades inexistentes, cabíveis somente em mentes psicopatas…”. Professor Gilvan, vereador PT.

 

 

Participe ou indique este blog para um amigo:

claudionunes@infonet.com.br

 

Frase do Dia

“A vida é uma eterna partida de xadrez. Quando a gente não tem a iniciativa A oportunidade passa e você perde a vez.” Emanuel Lasker.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários