PM está encolhendo

0

Alguém precisa convencer o governador Marcelo Déda (PT) sobre a necessidade de realizar rapidamente um concurso público na Polícia Militar, porque a corporação está encolhendo a olhos vistos. Segundo a coluna apurou, desde o ano passado, quando o governo concedeu o maior reajuste salarial na história da nossa PM, policiais de todas as patentes têm feito opção pela reserva remunerada. Para se ter uma idéia da gravidade da situação, a previsão é que até o final de 2011, cerca de mil integrantes da Polícia troquem a farda pelo traje civil, pois além de continuarem ganhando um bom soldo, vão poder atuar em atividades menos arriscadas e aumentar ainda mais o orçamento familiar. Isso significa dizer que se o governo não realizar logo um concurso público, Sergipe ficará mais despoliciado do que está, já que o concursado para a PM precisa passar por um treinamento de vários meses antes de ir para as ruas combater a criminalidade que, diferente da Polícia, cresce no Estado de forma assustadora.

Abraço de afogados

Sergipe e Confiança morreram afogados na enxurrada de gols que marcaram ontem no Batistão. Ao empatarem em 4 a 4, os dois clubes da capital ficaram fora do quadrangular da Taça Cidade de Aracaju, que será disputado entre Guarany, River Plate, São Domingos e Estanciano. A torcida proletária deixou o estádio mais invocada do que a vermelhinha, pois o Confiança fez três gols no primeiro tempo, tendo recebido quatro praticamente no início da segunda fase do jogo e só conseguiu empatar no final.

No Fantástico

O programa Fantástico, da Rede Globo de Televisão, apresentou ontem uma nova reportagem sobre as falcatruas praticadas pelas empresas que instalam e exploram radares e lombadas eletrônicas. A matéria não trouxe fatos novos, porém citou Aracaju entre as cidades brasileiras que, depois da denúncia feita na semana passada, suspenderam o contrato com a empresa que instalou os equipamentos. O prefeito Edvaldo Nogueira também cancelou todas as multas aplicadas de 1º de março até a última sexta-feira.

Viva o outono

O outono chegou. As flores começam a secar, a temperatura a ficar mais amena e as chuvas de verão são gradualmente substituídas por nevoeiros e geadas. É a preparação para a próxima etapa, o inverno. Desde ontem e durante o dia de hoje, a luz do sol incide perpendicularmente sobre o Equador, resultando na mesma duração entre o dia e a noite (12 horas). É o chamado ponto de equinócio. Nesta ocasião, o Sol irá nascer exatamente no leste e se pôr no oeste. Também são esperadas fortes chuvas em todo o Estado de Sergipe.

Sergipe no prego

O comércio de produtos pela Internet, o e-comerce, causa um prejuízo anual de R$ 10 milhões, o que representa 8% da receita de ICMS. A revelação é do secretário estadual da Fazenda, João Andrade. Nesta segunda-feira, ele participa de uma reunião em Salvador para discutir o assunto. Ele e seus colegas do Norte e Nordeste defendem que São Paulo, onde estão as empresas de e-comerce, aceite ratear parte da receita do ICMS com os estados destinos das mercadorias. Essa vai ser uma boa briga.

Menos sacolas

O Ministério do Meio Ambiente e a Associação Brasileira de Supermercados lançaram uma cartilha com orientações sobre como reduzir o uso de sacolas plásticas. A iniciativa faz parte da campanha Saco é um Saco, que tem o objetivo de diminuir em 40% a produção de sacolas até 2015. Os consumidores podem ter acesso gratuito à cartilha pela internet no site do Ministério. Também foram criadas cartilhas para gestores públicos e para instituições.

Cantinho da Arte

Nesta segunda-feira, a Unimed Sergipe realiza a primeira edição do Cantinho da Arte deste ano. Em alusão ao Dia Internacional da Mulher, o projeto contará com exposições de artistas plásticos, escritores e fotógrafos, a exemplo de Valmir Ramos, Beatriz Pessoa, Wilma Ramos, Adriana Aragão e Ewerton Aragão, além da música da Big Band. O evento será realizado no Centro Assistencial da Unimed, localizado na rua Dom Bosco, 499 – Bairro Cirurgia.

Nota fiscal

A Associação Comercial e Empresarial de Sergipe realiza na próxima quarta-feira a primeira edição de 2011 de sua reunião-almoço. O palestrante convidado é o secretário de Finanças da Prefeitura de Aracaju, Jeferson Passos. Ele vai falar aos empresários sergipanos sobre a implantação da nota fiscal eletrônica no município. A reunião-almoço acontecerá a partir das 12h30, no Mercure Hotel, localizado na Orla de Atalaia.  

Sebrae ensina

O Sebrae Sergipe está oferecendo serviço de assessoria para aqueles que planejam abrir seu próprio negócio. Trata-se do Programa de Orientação ao Candidato a Empresário (Próprio), uma iniciativa que busca despertar, informar e capacitar os empreendedores sobre a importância do planejamento para o sucesso da futura atividade. A capacitação também pode contribuir para a redução da taxa de mortalidade das micro e pequenas empresas.

Do baú político

Alguém aí sabe por que o líder político de Lagarto, José Raimundo Ribeiro, é chamado de “Cabo Zé”? Quando elegeu-se deputado estadual em 1961, ele ganhou projeção estadual particularmente pelo fato de ter, na condição de 1º secretário da Assembléia, contratado as rádios Liberdade, Jornal e Cultura para transmitirem as sessões plenárias. A partir de então, passou a ser conhecido em Sergipe por José Ribeiro do Lagarto. Após o golpe militar de 1964, o deputado lagartense foi “convidado” ao quartel do 28º Batalhão de Caçadores para prestar alguns esclarecimentos. Lá chegando, tomou um chá de cadeira de quase duas horas. Conta que estava com muita sede, mas ninguém aparecia. Quando, finalmente, entra na sala um militar e começa a interrogá-lo, José Raimundo Ribeiro, completo ignorante em patentes, pede licença e dispara: “Cabo, o senhor poderia me conseguir um copo d’água?”. O ‘milico’ subiu nas tamancas: “Você me respeite que não sou cabo. Sou tenente do Exército brasileiro com muito orgulho. Já vi que vocês políticos são todos iguais”, reagiu o militar. Ao deixar o quartel, o deputado contou a ‘saia justa’ aos amigos e, a partir de então, passou a ser chamado de “Cabo Zé”.

Resumo dos jornais

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais