Vai começar a Rio+20

0

O mundo está na expectativa para a próxima quinta-feira, 13 de junho, quando terá início a Rio+20, a Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, que prosseguirá até o dia 22 na cidade do Rio de Janeiro. O evento internacional lembra os 20 anos da Rio-92, outra conferência marco da ONU sobre o Meio Ambiente e Desenvolvimento.

A Conferência terá dois temas principais: A economia verde no contexto do desenvolvimento sustentável e da erradicação da pobreza; e a estrutura institucional para o desenvolvimento sustentável. Tais temas serão discutidos por chefes de estados, comunidades científicas, empresários e sociedade civil. A importância da Rio+20 está na contribuição que ela poderá dar na definição da agenda do desenvolvimento sustentável para as próximas décadas, não apenas para o país sede, mas para todo o planeta.

O objetivo da Conferência é a renovação do compromisso político com o desenvolvimento sustentável, por meio da avaliação do progresso e das lacunas na implementação das decisões adotadas pelas principais cúpulas sobre o assunto e do tratamento de temas novos e emergentes.

Esperamos que as decisões que serão tomadas na Conferência tragam mudanças positivas e contribuições relevantes para os países que buscam fazer o seu dever de casa do que diz respeito a busca do crescimento econômico, sem esquecer do equilíbrio ambiental e da qualidade de vida na terra.

De 13 a 15 de junho – acontece a III Reunião do Comitê Preparatório, no qual se reunirão representantes governamentais para negociações dos documentos a serem adotados na Conferência.

De 16 e 19 de junho – eventos com a sociedade civil. Destacados representantes da sociedade civil, incluindo setor privado, ONGs, comunidade científica, entre outros, estarão reunidos para uma discussão franca e orientada à ação sobre temas prioritários relacionados ao desenvolvimento sustentável. Não haverá participação de governos ou agências das Nações Unidas. As recomendações que resultarem dos Diálogos serão levadas diretamente aos Chefes de Estado e de Governo presentes na Cúpula.

De 20 a 22 de junho – ocorrerá o Segmento de Alto Nível da Conferência, para o qual é esperada a presença de diversos Chefes de Estado e de Governo dos países-membros das Nações Unidas.
Fonte: www.rio20.gov.br

Quer saber um pouco mais a respeito? Vale a leitura da entrevista concedida à revista Época por José Goldemberg, físico da Universidade de São Paulo que foi Secretário do Verde e Meio Ambiente em 1992, antes da pasta se tornar um ministério. É só seguir o link – José Goldemberg: “A Rio+20 pode não fazer diferença”

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais