Valadares muda cenário para 2014

0

Um importante fato político não teve a devida atenção por parte da imprensa nos últimos dias: a declaração do vice-governador Jackson Barreto, no programa Liberdade Sem Censura, apresentado por George Magalhães, na última segunda-feira, 11, de que, em conversa com o senador Valadares ele deixou claro que não será candidato ao governo estadual em 2014.

O senador era um dos nomes cotados da situação para ser candidato a sucessão de Marcelo Déda. Deixando claro, em 2011, que não será candidato, Valadares deixou a “bola” para ser disputada por Jackson Barreto e Eduardo Amorim.

Jackson Barreto já vem se movimentando politicamente no interior. E Eduardo Amorim, tem como principal trunfo o irmão, que faz política durante 24 horas quando está em Sergipe. Eduardo cuida do mandato em Brasília e Edvan das articulações políticas.

Duas coisas: Jackson só será candidato ao governo se estiver com a máquina na mão. Ou seja, se Déda renunciar para ser candidato em dobradinha com ele em 2014. Já Eduardo Amorim, está com meio caminho andado para ser candidato. E nenhum político na posição que ele ocupa hoje abriria mão da candidatura esperando mais quatro anos. Em 2018 o cenário será outro, completamente diferente.

Outro detalhe interessante: o PSB, em nível nacional cada vez mais se distancia do PT e monta um bloco com o PCdoB e outros partidos já para as eleições municipais. E em Sergipe não será diferente: a eleição em Aracaju passará por uma série de entendimentos visando 2014.

Podem até negar publicamente, mas um provável palanque para 2014 pode ser ensaiado no próximo ano em Aracaju. E ninguém duvide que Valadares e os irmãos Amorim estejam juntos neste palanque.

Em 2014, mesmo não participando do pleito como candidato, o grupo comandado por Valadares pode ser o fiel da balança numa disputa entre Jackson e Amorim.  Quem viver, verá!

Macambira: apenas 10 quilômetros
O co-autor deste espaço – o titular é o leitor – esteve ontem no município de Macambira para participar do velório e enterro da mãe de um grande amigo, o produtor Salarinho. A cidade parece bem cuidada, mas a entrada, de apenas 8 quilômetros (acesso de Campo do Brito a Macambira) precisa de um recapeamento asfáltico com urgência. Não dá mais para fazer a operação “tapa buraco”. Com a palavra o DER.

PSD em Glória
Uma grande liderança do sertão está entrando no PSD em Sergipe. Trata-se do ex-prefeito de Nossa Senhora da Glória, Sérgio Oliveira, filiado ao PR. A atual prefeita de Glória, Launa Oliveira, é irmã dele.

Discursos na posse de Amaral
Vários colegas de imprensa – e depois confirmado por autoridades presentes – disseram a este jornalista que na solenidade de posse de Amaral Cavalcante, numa cadeira da ASL, o governador Marcelo Déda, presente ao ato e na mesa de autoridades, passou muito tempo no celular. Não falando, mas usando para passar mensagens ou tuitando. O certo é que passou a impressão que estava ali para prestigiar o conterrâneo de Simão Dias, mas os discursos…

Voto de pesar Jugurta Barreto
O senador Valadares (PSB) apresentou hoje à Mesa Diretora do Senado requerimento para, de acordo com as tradições da Casa, sejam prestadas homenagens a Jugurta Barreto, falecido hoje em Sergipe.   Valadares pediu a inserção em ata de voto de profundo pesar e apresentação de condolências à família.

Legado de Jugurta Barreto
Irmão do vice-governador de Sergipe, Jackson Barreto de Lima, Jugurta morreu as 75 anos e era procurador aposentado. Foi também secretário de Estado e de Justiça e Cidadania em Sergipe. Jugurta sempre foi a balança da justiça na família. Não era apenas um irmão para Jackson, mas um conselheiro, sobretudo nas horas difíceis. Deixou um legado e para seus filhos a certeza do dever cumprido com correção e ética.

Edvaldo: Jugurta teve papel muito importante
"Jugurta teve para mim um papel muito importante. Lembro dele nos anos 80, quando comecei a minha militância política e Jackson era deputado federal. Nós nos encontrávamos muito na casa de dona Neuzice. Sua ponderação, seu jeito simples e sua inteligência fulgurante eram uma coisa que impressionava a todos nós. E como promotor, homem da Justiça, buscou sempre defender os mais humildes. Também foi um gestor público exemplar, fazendo um grande trabalho na Secretaria de Justiça. Sempre nos acolheu com grandeza, é uma pessoa que vai fazer falta, mas deixa o brilho da ética, responsabilidade e da amizade, valores que ele sempre carregou", disse Edvaldo.

Valadares rebate notícia
Ainda ontem, 12, durante sessão da Comissão de Assuntos Econômicos do Senado (CAE), o senador Valadares disse  que não procede notícia veiculada por alguns jornais, inclusive de Aracaju, segundo a qual estaria retaliando contra o ministro da Ciência e Tecnologia, Aloizio Mercadante.

Respeito  
Valadares disse que a postura do PSB nunca foi a de utilizar-se do expediente da retaliação para investir contra quem quer que seja. “Reafirmo o respeito que o nosso partido tem pelo Ministro, meu amigo senador Mercadante”, enfatizou o parlamentar.

Itabaiana: perímetro receberá melhorias
O Perímetro Irrigado Poção da Ribeira, no município de Itabaiana, distante 54 km da capital, recebeu nova visita do presidente da Companhia de Desenvolvimento de Recursos Hídricos e Irrigação (Cohidro), Mardoqueu Bodano, acompanhado de diretores da empresa. A comitiva esteve no local para anunciar novos investimentos para a recuperação da base das bombas da estação de bombeamento 2, uma das responsáveis por levar água aos produtores irrigados. O investimento será de cerca de R$ 500 mil.

PT de Aracaju
O deputado federal Márcio Macêdo (PT) apresentou na última segunda-feira, 11, um balanço dos primeiros meses de mandato à Executiva do Partido dos Trabalhadores de Aracaju. Em sua explanação, o parlamentar falou dos três projetos de lei de sua autoria, apresentados entre fevereiro e junho na Câmara Federal, além dos oito requerimentos propostos e das duas relatorias para as quais foi designado.

Projeto “Paternidade Responsável” será renovado
A Secretaria de Estado da Inclusão, Assistência e do Desenvolvimento Social (Seides) e o Ministério Público de Sergipe (MP/SE) celebram nesta quarta-feira, 13, mais um termo de cooperação técnica e financeira para a continuidade e ampliação do Projeto 'Paternidade Responsável'. A assinatura acontece às 15h na sede do MP, no Centro de Aracaju.

Como é a parceria
A parceria custeia a realização de exames de DNA para proporcionar às crianças e aos adolescentes o reconhecimento formal da paternidade e, assim, o direito de receber pensão alimentícia.Segundo o acordo que será assinado pela secretária de Estado da Inclusão Social, Eliane Aquino, e o pelo procurador Geral do MInistério Público de Sergipe, Orlando Rochadel, o termo assegura até dezembro de 2011 a contratação de uma empresa especializada para realização de 180 exames de DNA do tipo DUO e 100 exames de DNA do tipo TRIO. O laboratório Biocod realizará as análises das amostras.

Ex-prefeito de Neópolis é processado por não prestar contas
O ex-prefeito do município de Neópolis, localizado a 121 km de Aracaju, está sendo processado por improbidade administrativa pelo Ministério Público Federal em Sergipe (MPF/SE). Carlos Roberto Guedes de Souza, que administrou Neópolis no ano de 2008 está sendo acusado de não prestar contas ao Fundo Nacional do Desenvolvimento da Educação (FNDE), a respeito de verbas destinadas ao Programa Nacional de Apoio ao Transporte Escolar (Pnate).

Banese recebe congratulações na Câmara
Em reconhecimento pelos esforços do Banese em promover avanços em sua gestão, recentemente, o banco recebeu votos de congratulações da Câmara Municipal de Aracaju.Dentre as razões para a homenagem ao Banese, a vereadora Simone Gois, autora da solicitação dos votos de congratulações, destacou que o banco foi a instituição financeira com maior lucro relativo do sistema financeiro brasileiro em 2010, além dos investimentos feitos nos últimos anos em diversas áreas.

Fruto do trabalho de todos
Para Edson Caetano, presidente do banco em exercício, “a homenagem é fruto de todos que compõe a família Banese, pois estamos há quase 50 anos trabalhando para prestar serviços cada vez mais alinhados aos anseios dos nossos clientes. O nosso objetivo é continuar avançando nas contratações de operações, consolidando a presença do Banese na economia sergipana e a missão do banco de promover o desenvolvimento do Estado”.

Sindipan realiza visita em Laboratório do SENAI
Na próxima quinta-feira, 14 de julho, o Sindicato da Indústria de Panificação e Confeitaria do Estado de Sergipe (Sindipan) irá visitar as instalações do Laboratório Panaderil. A visitação acontecerá às 09h30m no CETAFAJU, unidade DIA do SENAI, onde está instalado o laboratório, localizada na Avenida Tancredo Neves nº2001, ao lado do Centro de Convenções de Sergipe.

Outdoors: correta decisão da Justiça

O blog saúda a decisão do TJ, em determinar a retirada, no prazo de 60 dias, da capital todos os engenhos de publicidade (outdoors, cartazes, placas, cavaletes, infláveis, backlights, frontlights, painéis eletrônicos e similares de anúncios comerciais/promocionais) que não tenham autorização.

Decisão
Ontem, 12, 2ª Câmara Cível manteve a liminar que determinou retirada de outdoors irregulares. O Agravo de Instrumento 649/2011 foi ingressado pelo Município de Aracaju com o argumento de que o ente municipal não poderia figurar no pólo passivo do processo e que a manutenção da liminar possibilitaria o encerramento das atividades das empresas de mídia exterior, sendo o dano resultante da medida liminar infinitamente superior ao que se deseja evitar.

Atribuições
O relator, Des. Ricardo Múcio de Abreu Lima, em seu voto destacou que o município pode figurar sim no pólo passivo da ação. "Sabe-se que as atribuições do município estão previstas na Constituição Federal, sendo que ao mencionado ente político cabe zelar pelos interesses predominantemente locais, havendo previsão expressa sobre a sua competência para proteger o meio ambiente, que é justamente a intenção visada com a demanda".

Colocação desordenada
Ao final, o Des. Ricardo Múcio de Abreu Lima explicou que a colocação, de forma desordenada, de anúncios publicitários evidencia a plausibilidade do direito invocado, não sendo razoável autorizar a manutenção dos cartazes, outdoors e similares que sequer detêm autorização dos órgãos competentes para a sua instalação. "Portanto, além de cabível, a concessão da liminar mostra-se verdadeira medida de justiça social. Por outro lado, a denegação da medida, representaria, por certo, a submissão do interesse público ao interesse privado e a sujeição da dignidade humana ao poder econômico, privilegiando-se interesses privados, em detrimento do ser humano, do interesse público e, em última análise, da própria vida, o que seria, além de injurídico, também moralmente inconcebível", concluiu o relator, negado provimento ao agravo de instrumento interposto pelo Município de Aracaju.

EDITAIS ABERTOS EM VÁRIAS ÁREAS

Por sugestão de um leitor, o blog publica hoje  uma série de editais abertos para as mais variadas áreas, como jornalismo, audiovisual, música, artes cênicas e outros.

– I Festival de novas composições de Forró (Secult) – inscrições de 07 a 20 de julho de 2011. Em: www.divirta.se.gov.br/editais

– Projeto de Intercâmbio e Difusão Cultural (Secult) –  o prazo para envio de candidaturas está vinculado a um cronograma que encontra-se no edital.Em: www.divirta.se.gov.br/editais

– Janela Internacional de Cinema do Recife – inscrições até 13 de julho de 2011. Em:  www.janeladecinema.com.br/abertura.php

– DOCTV América Latina III – inscrições até 14 de julho de 2011. Em:
www.cultura.gov.br/site/2011/05/27/doctv-america-latina-iii/

– Curta Cinema – 20º Festival Internacional de Curtas do Rio de Janeiro – inscrições até 15 de julho de 2011. Em:
www.cultura.gov.br/site/wp-admin/www.curtacinema.com.br

– Salão Nordeste de Arte Popular Chico Santeiro – inscrições até 15 de julho de 2011. Em:
www.cultura.rn.gov.br/contentproducao/aplicacao/sec_cultura/principal/enviados/index.asp

– Itaú Cultural – Rumos Jornalismo Cultural 2011-2012, inscrições até 15 de julho de 2011. Em: www.itaucultural.org.br/cadastros/inscRumos2011/include/pdf/Edital_Jornalismo.pdf

– Editais Funarte de ocupação para Artes Cênicas – inscrições até 15 de julho de 2011. Em: www.funarte.gov.br/editais/

Editais Funarte de ocupação Funarte para Música – inscrições até 18 de julho de 2011. Em: www.funarte.gov.br/editais/

– Prêmio Vivaleitura 2011, inscrições até 20 de julho de 2011. Em: www.premiovivaleitura.org.br/

– Editais Funarte de ocupação para Artes Visuais – inscrições até 22 de julho de 2011. Em: www.funarte.gov.br/editais/

– Cine Congo 2011, inscrições até 25 de julho de 2011. Em: www.cinecongo.blogspot.com/

– ANIMAGE – III Festival Internacional de Animaçao de Pernambuco – inscrições até 29 de julho de 2011. Em: www.animagefestival.com/

– 1º Festival Virtual Cine Brasil Plural ? inscrições até 30 de julho de 2011. Em: 1festivalvirtualcinebrasilplural.blogspot.com/

III Festival do Filme Etnográfico do Recife – inscrições até 31 de julho. Em: www.ufpe.br/recife-etnodoc/

– Prêmio Odair Firmino de Solidariedade – inscrições até 31 de julho de 2011.Em: premioodairfirmino.org.br/

– I Mostra de Vídeo Brincantes – inscrições até 1º de agosto. Em: coletivocamaradas.blogspot.com/2011/05/regulamento-da-i-mostra-de-video.html

– Edital Cultura Publicações – FJA (RN) – inscrições até 03 de setembro. Em: coletivocamaradas.blogspot.com/2011/05/regulamento-da-i-mostra-de-video.html

– FestFilmes – Festival do Audiovisual Luso Afro Brasileiro – inscrições até 31 de dezembro de 2011. Em: www.festfilmes.com.br/

PELO TWITTER

Taxis no aeroporto

www.twitter.com/netodograccho    @AntonioSamarone não aconselho a nenhum amigo a pegar taxi comum no Aeroporto de Aracaju. O que eu peguei para me trazer em casa…

www.twitter.com/netodograccho    @AntonioSamarone acompanhado por minha família, vinha em alta velocidade, pegou 50m em marcha ré na Hermes Fontes e ainda me tomou…

www.twitter.com/netodograccho    @AntonioSamarone 5 reais a mais do que marcou o taxímetro, alegando q era por excesso de bagagem. Viajo muito e nunca vi isso em outro lugar.

www.twitter.com/netodograccho    @AntonioSamarone @elberbatalha fui assaltado por um taxista que usa taxi comum e atua no Aeroporto de Aracaju que ainda abusou da velocidade.

Política

www.twitter.com/pallomavasc    Em SP, só vai poder ser vigia quem tiver ficha limpa. E em Brasília? Isso vai funcionar qdo para os políticos? Kkk

www.twitter.com/marcosaurelio23    @mendoncaprado Se dividirmos e criarmos abismo em 2012, criaremos sérias dificuldades para 2014!

www.twitter.com/Edson_Bomfim 1) Hoje, na Rede Ilha, com Gilmar Carvalho, Mendonça foi questionado sobre a candidatura de Ana Alves, sua esposa à prefeitura de Socorro.

www.twitter.com/Edson_Bomfim 2) Um ouvinte questiona o fato de uma pessoa não morar em determinado município e de repente se alçar à candidaturas nele.

www.twitter.com/Edson_Bomfim  3) Mendonça acha normal quando há um pleito coletivo da população. Tá bom. Quando Zé Eduardo foi candidato em disputa com João Alves,

www.twitter.com/Edson_Bomfim 4) houve uma infame campanha xenofóbica taxando Zé de forasteiro. Agora o conceito ganha um contorno de apelo popular. É o jeito DEM.

www.twitter.com/Edson_Bomfim   5) Aliás, o sopro de renovação no DEM sempre ventila para dentro de casa. Qual será o próximo nome?

DO LEITOR

Detran:  sem previsão de servidores receberem gratificação
E-mail recebido: “Por favor não gostaria de ser identificado para não sofrer retaliações, sou servidor do DETRAN-SE, todos da mídia acompanhou as nossas mobilizações em prol de melhorias principalmente salariais, pois o salário do servidor do DETRAN É 01 SALÁRIO MÍNIMO SEM NENHUM ADICIONAL A MAIS,  infelizmente por não haver diálogo com o órgão, entramos em greve no mês de maio. No decorrer da GREVE, finalmente o sindicato recebeu uma proposta oficial de uma gratificação NO VALOR DE R$ 230,00, isso no fim do mês de MAIO, com isso em assembléia, os servidores decidiram voltar ao trabalho, porém até agora não estamos recebendo a tal gratificação, ninguém do DETRAN-SE deu uma previsão concreta e estamos recendo 01 salário mínimo ainda.Certo que R$ 230,00 não é muita coisa, porém é o que foi acordado no momento para voltarmos ao trabalho…Gostaria de saber dos DIRETORES DO DETRAN-SE  se finalmente será paga neste mês a gratificação acordada com os servidores?Os servidores estão querendo fazer greve outra vez, pois não cumpriram o que prometeram.  A greve do Detran acabou em maio e até agora, praticamente metade de julho,os servidores d não receberam a gratificação de r$ 230,00.  A gratificação foi aprovada no dia 28/06/2011 na AL, porém não tem nenhuma informação no setor pessoal do detran nem no setor competente, na Seplag!  Os servidores estão compensando os dias que ficaram em greve e o órgão não dá uma previsão de data de quando sairá a gratificação! gostaria de uma resposta definitiva por parte do Detran ou do governo a respeito pois os servidores estão sendo enrolados!”

O HUSE para os Sergipanos
Do leitor Márcio Garcia: “Em conversa com amigo servidor do HUSE, confirmou-me o que vem sendo colocado na imprensa pelos gestores do mesmo. Existe uma invasão de forasteiros que são encaminhados por prefeituras de municípios de estados vizinhos para efetuarem tratamentos eletivos no nosso hospital de urgência sobrecarregando a nossa capacidade de atendimento e gerando diariamente críticas sobre os serviços prestados pelo hospital.Estarrecido fiquei quando o mesmo relatou que ao indagar o porquê de muitos destes usuários se deslocarem mais de 400 Km até Aracaju para fazer jus a um atendimento, estes relatam que aqui encontram um serviço de grande qualidade, serviços estes inexistentes em seus municípios. Então é preciso uma ação dos nossos parlamentares e gestores para corrigir este desvio de conduta, não é justo mantemos um serviço de qualidade e o nosso povo ser privado de melhor atendimento, os recursos recebidos do SUS por estas prefeituras que negam atendimento aos seus munícipes, devem ser destinados para onde eles de fato recebam o atendimento, desta maneira quem sabe poderemos ampliar a nossa rede e ofertar um acolhimento digno ao povo sergipano.Não quero aqui parecer xenofóbico, mas sim fazer justiça a quem de fato se preocupa com o bem estar do seu povo e promove a implantação de uma rede de saúde pública à altura dos cidadãos sergipanos e brasileiros”.

Sobre Plano Diretor
E-mail de Edilson Cardoso: “Ao Invés de processar o Jornal do Dia o vereador Emmanoel Nascimento, que é vereador  há tantas legislaturas,  deveria vir a público informar qual o percentual de responsabilidade do poder legislativo municipal pelo fato de Aracaju ter apenas um parque municipal; tão poucas praças; ter um  "amontoamento" de prédios nos bairros chamados "nobres";    porque a ocupação do solo foi e continua sendo feita sob a ótica das construtoras e incorporadoras? Se o ilustre vereador conseguir apresentar boas explicações, sem se auto acusar, por ação ou por omissão, poderá processar quem  ele quiser. Caso contrário é melhor permanecer calado ou omisso, como vem permanecendo ao longo de todos estes anos”. 

ARTIGOS

Sim, Dilma pode – Hélio Doyle (http://www.brasil247.com.br/)

A presidente sabe de suas limitações, mas tem seus limites

A presidente Dilma Rousseff deu voltas, mas acabou fazendo o queria: Paulo Sérgio Passos é ministro dos Transportes e o PR não vai continuar mandando, desmandando e roubando no setor. Para viabilizar sua escolha pessoal, Dilma não pode ser direta como gosta de ser. Embora não possamos saber o que realmente passava em sua cabeça, é de se imaginar que preferiria ter evitado os circunlóquios e resolvido rapidamente o problema causado pelo afastamento do ex-ministro Alfredo Nascimento.

O que políticos consideram ser um grave defeito de Dilma é, na verdade, um mérito: a falta de paciência com a politicagem e com as práticas corruptas que se disseminam no Brasil nos três poderes e em todos os níveis da federação. Mas em quase cinco anos como chefe da Casa Civil e quase sete meses como presidente da República, Dilma certamente sabe que sem jogar o jogo que lhe é imposto pelos políticos corre o risco de não conseguir governar. Por isso tem de ceder e aceitar algumas normas estabelecidas. Mas, pelo jeito, com limites.

A julgar pelo que se conhece da presidente, a seu gosto esse episódio dos transportes teria sido diferente. Para começar, ela não teria nomeado Alfredo Nascimento para ministro, nem teria mantido Luiz Antônio Pagot no Dnit. Todos em Brasília sabiam que era enorme a chance de dar errado, pois a roubalheira era antiga e conhecida. Mas, ambos nomeados, teriam sido por ela sumariamente demitidos quando o nível de corrupção em que se envolveram ultrapassasse o aceitável na Corte brasiliense (e olha que o aceitável aqui não é pouco). E Dilma imediatamente já teria nomeado o sucessor de sua preferência.

Mas não é assim que funciona. A presidente tem de nomear ministros com os quais não simpatiza nem considera adequados para a função porque tem de governar com uma coalizão de partidos políticos ansiosos por seus nacos de poder e pelos dividendos políticos e financeiros deles decorrentes. Depende de deputados e senadores para aprovar projetos e medidas provisórias, e ainda não criar problemas para o governo, como indesejáveis CPIs e convocações de autoridades.

A demissão de Nascimento e de sua turma causou desagrado e provocou reações no PR, que tem sete senadores e 41 deputados, uma força política razoável no Congresso. Então Dilma teve de agradar ao partido, fazendo ao ex-ministro elogios que soaram mal e convidando para o cargo outra personagem que seguramente lhe causaria inúmeros problemas, o empresário e eventualmente senador Blairo Maggi. Felizmente o ex-governador de Mato Grosso teve o bom senso de recusar a função porque sabia que estaria sob vigilância e não poderia fazer o que gostaria. Apesar dos resmungos e da arrogância de parlamentares do PR, que se sentiam no direito de indicar o ministro, Dilma se decidiu pelo nome que queria.

Há riscos, claro, que certamente terão sido bem avaliados. A bancada do PR pode reclamar, mas não fará a bobagem de ir para a oposição, porque aí, sim, perderá tudo o que ainda conseguiu segurar no governo. O partido cresceu porque é governo desde o primeiro mandato de Lula e seus integrantes são, sobretudo, pragmáticos.

A aparente solução desse episódio não encerrará, porém, os dilemas que Dilma ainda terá de enfrentar ao longo do mandato. A presidente não tem como ignorar ou negar os pedidos que lhe faz o ex-presidente Lula – afinal, está no Planalto graças a ele. Não pode desconhecer as reivindicações dos congressistas, legítimas ou ilegítimas, porque não governa sozinha e depende muito da Câmara e do Senado. Não tem como impedir que a imprensa continue a divulgar, diariamente, novos casos de corrupção que enfraquecem o governo.

O episódio Palocci foi um enorme desgaste para Dilma. Não se sabe o que pensou na ocasião e o que motivou a presidente, mas tentar segurar o então ministro da Casa Civil no cargo, a todo custo, foi seu maior erro até agora. A situação de Palocci era claramente insustentável sob todos os aspectos éticos e políticos e teria sido melhor descartá-lo assim que foi divulgado o enriquecimento súbito e não explicado.

Esse quadro leva inevitavelmente a vacilações. Dilma não pode ser inteiramente o que gostaria de ser, porque não é apenas a pessoa física, mas é, primeiro, a chefe de Estado. Tem de aceitar pressões de religiosos fundamentalistas e tentativas de chantagens, sorrir para notórios corruptos que ainda não foram pegos formalmente e transitam livremente pelos palácios, manter em funções importantes pessoas das quais jamais compraria, sem temor, qualquer coisa. E até a elogiar publicamente quem deveria estar numa penitenciária.

Mas para tudo há limites. A presidente, se quiser, tem como enfrentar a corrupção e os corruptos e não ceder a chantagens. Pode não ter o apoio da maioria dos parlamentares e dos que têm enchido seus cofres nos últimos anos, pode ter problemas com a parcela do PT que aderiu às práticas nocivas, mas seguramente tem poder e condições de mobilizar grande parcela da população para mudar o cenário político do país. Não será fácil, mas é possível. Dilma sabe muito bem, por vivência pessoal, que ousar lutar é ousar vencer.

Acordão ou golpe? – Elcinho Santana

Ao longo dos anos já vimos muitas engenharias políticas, de vários agrupamentos e lideranças, para se manter no poder ou simplesmente para dificultar que seus adversários pudessem ter alguma chance numa disputa eleitoral como os famigerados “acordãos”.

Mas confesso que nunca tinha visto algo tão irreal e irresponsável como a renúncia do prefeito de Propriá Paulo Britto. Os partidos progressistas e suas lideranças como: Déda, Valadares, Jackson, Renatinho e tantos outros, contribuíram para a vitória de Paulo Britto a prefeito em Propriá. Foi à união desses partidos e a aceitação popular que garantiu a vitória do então candidato.

Renúncia por definição: é quando a pessoa deixa de forma voluntária ou abdica do cargo ou da função. Na política pode-se renunciar por falta de apoio político, por problemas de saúde, por pressão popular, enfim, pode-se renunciar por qualquer motivo. O estranho foi à renúncia do prefeito de Propriá do cargo de chefe do executivo para ser secretário. Entendam: O prefeito abdica de ser o chefe do executivo para ser subordinado ao vice-prefeito. Deixa de ser o chefe para ser o peão. Estranho não é?

Obviamente essa discussão ainda vai dar muito pano pras mangas e várias serão as analises e os pontos de vistas, para contribuir com o debate coloco algumas inquietações sobre o caso: Será que essa renúncia teve como objetivo o não apoiamento ao nome de Renato Brandão para a sucessão do prefeito em 2012? Será que essa renúncia é um acordão para um futuro apoio para deputado federal em 2014? Será que essa renúncia tem o objetivo de forçar uma expulsão do PT, para poder migrar para outra legenda mais a direita? Será que essa renúncia foi compreendida e aceita pelo povo de Propriá?

Em minha opinião essa renúncia irresponsável do prefeito Paulo Britto, vai ser o elemento necessário para unificar as forças progressistas de Propriá e do nosso estado em favor de Renato Brandão. Acredito que o tiro vai acertar o dedão do prefeito e as suas intenções vão ser abortadas através de um levante do povo daquela cidade. Um povo honesto, honrado e que não aceita esse tipo de política pequena. As forças que libertaram o povo de Propriá das mãos de “Luciano de Menininha” e do DEM serão as mesmas forças que reconduzirão Renato Brandão ao comando do executivo de Propriá.

Gostaria de propor a Renato Brandão, que convoque urgentemente os partidos aliados e o povo de Propriá para um grande ato público na cidade, para protestar contra a decisão tomada pelo prefeito, como também, exigir sua renúncia do cargo de secretário. Ou seja, se Paulo Britto, quer renunciar ao cargo de chefe do executivo, que lhe foi dado pelo povo de Propriá, que tenha a hombridade de renunciar, também, ao cargo de secretário. Um grande ato com uma única palavra de ordem: Renúncia do Secretário Já!!!

P.S Depois de ler o blog do amigo Cláudio Nunes não deixem de acessar o www.elcinho.com

Blog no twitter: www.twitter.com/BlogClaudioNun

Frase do Dia
"Todos amam o poder, mesmo que não saibam o que fazer com ele”. Benjamin Disraeli.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários