Visita na hora certa

0

Devemos prestar atenção em nossa conduta quando desejamos visitar alguém para não sermos inconvenientes e bem aproveitarmos o momento da convivência.Para fazer uma visita de modo correto, e na hora certa, devemos usar o bom senso e a educação, observando os detalhes de comportamento para não ser inoportuno.

Você deverá agir de acordo com as circunstâncias, ser respeitoso, observar os horários e sempre dar um telefonema para saber da disponibilidade de quem deseja visitar. Nunca apareça de surpresa, pois gera constrangimentos e observe a receptividade para saber quando deve se despedir.
As visitas estreitam os laços da amizade e da boa convivência e os comportamentos adequados facilitarão ainda mais as boas relações.

Conheça algumas atitudes positivas que deixarão você à vontade para expressar atenção e carinho na hora que visitar um amigo.

Visitando um amigo em casa:

Ligue antes;
Veja a disponibilidade dele em recebê-lo;
Quando chegar, observe se a pessoa está atarefada;
Não converse coisas desagradáveis, como doenças ou desgraças, e nem discuta política ou religião;
Quanto ao tempo de permanência, você deverá observar a postura do seu amigo, quanto à disponibilidade e bem estar dele;
Nunca peça para conhecer as dependências da casa ou se sinta à vontade ao ponto de abrir a geladeira e pegar algo para comer. Espere seu amigo oferecer;
Não fique olhando a limpeza do local e dando opinião para melhorar;
Aproveite o momento para estreitar as amizades e curtir a vida.

Visitando o colega no trabalho:

Visitar colegas no trabalho é um hábito que diminui cada vez mais, pela falta de tempo disponível, e pela comunicação nas redes sociais. Há quanto tempo você não sai da sala para fazer uma visita ao seu colega de trabalho?
Não precisa ligar e nem avisar;
Apareça de surpresa e diga o quanto sente a sua falta;
10 minutos é tempo suficiente para a visita;
Não utilize esse tempo precioso para fofocas;
Aproveite para estreitar amizade e marcar encontro para conversar melhor posteriormente.

Visita hospitalar:

Telefone para saber da disponibilidade e melhor horário para a visita;
Se você estiver enfermo, mesmo que seja somente um resfriado, não faça a visita para não causar dano ao paciente;
Se a luz da porta do quarto do paciente estiver acesa, não entre, pois ele está necessitando de cuidados do enfermeiro. Quando o enfermeiro for atendê-lo avise da sua presença para a visita;
Mesmo a porta estando aberta, você deve bater gentilmente antes de entrar;
Cumprimente o paciente sem dar as mãos a menos que ele a estenda para você. Evite beijos e fique numa posição que o paciente não precise virar a cabeça.
No momento da refeição se despeça;
Vá lá para ajudar e não compartilhar suas doenças e fraquezas. Tenha uma conversa positiva, cheia de energia e calor humano. Fale baixo e não queira animar com piadas.
Não leve flores e nem comida ao hospital, pois os médicos não permitem;
A visita deve ter no máximo vinte minutos. Se o paciente estiver se sentindo confortável e animado com a sua visita irá pedir para você ficar mais um pouco.
Caso haja outras visitas no local, peça desculpas e volte num outro horário;
Não peça para usar o banheiro do quarto e nem coma o que restou do alimento do paciente.

Visita ao recém-nascido:

Ligue para saber do estado de saúde da mãe e do melhor horário para a visita. Nunca bem cedo ou tarde. A visita na maternidade é somente para os amigos íntimos. O melhor mesmo é perguntar diretamente quando a mãe deseja receber a visita. Muitas mães preferem a visita quando já retiraram os pontos da cirurgia.
Utilize o álcool gel nas mãos;
Não pegue no recém-nascido e nem beije;
O visitante deve sair do quarto no momento das refeições ou quando há algum procedimento. Não precisa sair no momento da amamentação, a menos que a mãe se sinta constrangida.
Demore no máximo vinte minutos;
Se o casal visitado tiverem outros filhos, eles também deverão ser lembrados, pois muitas crianças se sentem rejeitadas por verem o irmãozinho recém-nascido ser paparicado e elas serem ignoradas.

Visita à família enlutada:

Seja sensato, reparta seu carinho, amor e amparo e dê espaço para outras pessoas fazerem o mesmo. Não fique o tempo todo “alugando” a pessoa enlutada;
Observo em velórios, barulhos de pessoas conversando alto, mais do que se estivessem  numa festa. Demonstre consideração e respeito falando em tom suave. Evite as fofocas e contos mirabolantes;
Não utilize o celular, coloque no vibrador e saia do recinto para receber uma ligação;
Se desejar fazer uma condolência sincera, não chegue momentos antes de acabar o velório. Algumas pessoas só deixam para cumprimentar os familiares perto do horário do sepultamento e isso é observado pela família consternada.

Passando alguns dias na casa do visitante:

Pergunte se precisa levar toalhas ou lençóis;
Respeite a rotina da casa, observe os horários do café da manhã, almoço e jantar, comparecendo no horário certo;
Não durma até muito tarde. Caso deseje, informe ao  anfitrião para  não se preocupar em oferecer o café da manhã;

Deixe o dono da casa, escolher a programação da TV. Não pegue o controle e mude de canal;
Ofereça ajuda nos afazeres domésticos. Seja prestativo;
Não deixe espalhado pela casa seus pertences e mantenha a ordem das coisas como estavam. Quando for lavar as peças íntimas não deixe no banheiro;
Use o telefone da casa somente com consentimento e fale o mais breve possível;
Ofereça para fazer algumas compras de mantimentos para a casa e leve um presente para seu anfitrião;
Faça a pessoa perceber que você está disponível para ajudar no que necessitar.
Não prolongue a sua estadia mais do que acertado inicialmente a não ser que o anfitrião insista.

Boa Visita!

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários