Assassino do traficante Cicinho é preso

0

O acusado de homicídio Gildásio Silva foi preso na última sexta, 19
Foi preso na última sexta-feira, 19, no início da madrugada o acusado de homicídio Gildásio Silva, o ‘Bahia’. Acusado de ter assassinado o traficante Cícero Ribeiro de Souza, conhecido como ‘Cicinho’, na quinta-feira, 18, Gildásio foi preso quando saía do Bairro Farolândia para o Bugio para entregar a motocicleta que usara no crime à namorada do mandante.

O mandante do crime, por sua vez, é Paulo Henrique Soares de Jesus, preso no Presídio de Nossa Senhora da Glória, cumprindo pena por tráfico de drogas. Paulo e Cicinho eram sócios no tráfico de drogas na região da Grande Aracaju, mas, com a prisão de Paulo em 2008, Cicinho assumiu o comando das bocas de fumo.

População ajudou nas investigações

O delegado Everton Santos

De acordo com o delegado Everton Santos, do Departamento de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP), da Polícia Civil, o crime foi realizado por Gildásio, pois o mesmo devia a Paulo. “Ele tinha uma dívida com Paulo. Da última vez que Gildásio foi visitar Paulo no presídio, o crime foi preparado”, diz o delegado.

O crime só foi resolvido através da participação da população, segundo o delegado. “O povo participou e as testemunhas do crime identificaram o autor dos disparos em uma motocicleta Yamaha vermelha. A polícia, em seguida, cercou a região e, ao amanhecer, encontrou o indivíduo indo em direção ao Bugio”, afirma Everton.

Menor não estava envolvida com tráfico

Em cima, Paulo Henrique Soares; Embaixo, Gilvásio Silva
Segundo o delegado, a garota que foi baleada juntamente com Cícero não estava envolvida no processo de tráfico de drogas. “A garota não tem nada a ver com o acerto de contas. A situação só envolveu Paulo, Cícero e Gildásio”, declara o delegado.

Comentários