Chuvas em Sergipe começam a reduzir nesta sexta-feira, 24

0
Registro de alagamento em Aquidabã (Foto: Genisson Balbino)

A previsão do Centro de Meteorologia de Sergipe aponta a redução das chuvas em todo o Estado nesta sexta-feira, 24, e durante o final de semana. De acordo com o meteorologista Overland Amaral, a chuva ainda acontece, mas em menor intensidade.

“O sistema já começou a reduzir, a instabilidade se mantém podendo ocorrer pancadas de chuva em todo o estado nesta sexta-feira. No sábado a instabilidade permanece em especial na região, centro-sul e sudoeste, mas há grande possibilidade de sol no estado. No domingo a tarde pode voltar a chover no Agreste e Alto Sertão”, diz.

Apesar da chuva forte dos últimos dois dias, o calor permanece em todo o Estado. No litoral a temperatura oscila entre 32° e 24° graus, na região agreste entre 33° e 21º, no Baixo São Francisco e Sertão a máxima pode chegar a 35º e a mínima a 22° graus.

Prejuízos

A chuva das últimas 48 horas alagou alguns municípios, mas de acordo com a Defesa Civil do Estado, nenhuma ocorrência com gravidade foi registrada. “As chuvas foram bem intensas ontem a tarde em todo o Estado, acompanhada de ventos fortes, mas não houve registro de nenhum dano estrutural que colocasse a vida da população em risco. Estamos em contato com as coordenadorias municipais fazendo o acompanhamento, mas pelos relatos, a chuva foi benéfica, principalmente para os municípios que estão em situação de emergência por causa da estiagem”, conta coronel Alexandre José Alves, diretor da Defesa Civil de Sergipe.

Em Riachuelo a água invadiu algumas casas (Foto: Defesa Civil de Riachuelo)

Alguns municípios registraram alagamentos nas ruas, a exemplo de Riachuelo, Aquidabã e Propriá, que teve uma família desalojada. De acordo com cel. Alexandre, a situação foi provocada pela intensidade da chuva num curto período de tempo. “Assim que a chuva diminuiu essa água nas ruas escoou, em alguns locais a água entrou nas residências, provocou alguns transtornos, incômodo, mas nenhum registro de comprometimento na estrutura dos imóveis”, afirma.

A secretária de Assistência Social de Propriá, Maria Elisabete Nunes, informou que apenas uma família do Povoado Santa Cruz precisou deixar sua residência por problemas no telhado provocados pelas chuvas, mas nenhuma ocorrência nova foi registrada. A secretária informou também que ontem a chuva foi bem mais leve e a situação no município está normalizada. “Continuamos em alerta, mas felizmente não registramos nenhuma situação grave em Propriá”.

Na capital, de acordo com a Defesa Civil Municipal, choveu 4.1 milímetros, quantidade que não provocou nenhuma situação de maior gravidade.

Riachuelo

No município de Riachuelo, foi registrada na ponte que liga o município a Divina Pastora uma pequena erosão na cabeceira da ponte sobre o rio Sergipe. De acordo com a Defesa Civil, equipes do Departamento Estadual de Infraestrutura Rodoviária de Sergipe (DER) estiveram na quinta-feira, 23, no local fazendo a avaliação da estrutura.

Erosão na ponte de Riachuelo (Foto: Reprodução de vídeo enviado por internauta)

“Os alagamentos nas ruas em Riachuelo foram provocados pela intensidade das chuvas e não pela elevação do nível do rio como aconteceu em julho do ano passado. Em relação a ponte, a chuva provocou um buraco, o DER já avaliou e farão os reparos”, informa.

As fortes chuvas de julho de 2019 provocaram o desabamento da cabeceira da ponte e a formação de uma cratera. Desde então, a ponte foi interditada para reparos e liberada apenas no dia 9, mas hoje voltou a ser interditada, desta vez, parcialmente.

Qualquer situação de risco a população pode entrar contato com a Defesa Civil do Estado através do número do plantão (79) 98877-8706 e na capital através do 199. A população também pode enviar uma mensagem de texto para o número 40199 com o CEP da localidade para ativar o Alerta SMS e receber aviso sobre áreas de risco e sinistros.

Por Karla Pinheiro

Comentários