Fotos e arcada dentária ajudarão a identificar corpos carbonizados

0
IML ainda trabalha na identificação de dois dos três corpos encontrados carbonizados em um veículo (Foto: arquivo Portal Infonet)

Fotografias e exames de raio-X da arcada dentária poderão ajudar os peritos do Instituto Médico Legal (IML) na identificação de dois dos três corpos encontrados carbonizados em um carro no município de Itaporanga D’Ajuda.

O diretor do IML, José Aparecido Cardoso, informou que um jovem de SP se apresentou como irmão de uma das vítimas, mas trouxe apenas uma certidão do nascimento, o que não auxilia na identificação do corpo. Mas uma família de Itaporanga, que acredita ser parente da terceira vítima, trouxe fotografias que poderão auxiliar no trabalho dos peritos.

“Normalmente, mesmo que as famílias tragam a documentação da vítima, nós fazemos ia identificação por meio da papiloscopia, que é a comparação das impressões digitais. Mas nesse casos, os corpos estavam carbonizados. Então, o primeiro foi identificado porque tinha um projétil antigo alojado no corpo e por causa da arcada dentária. Na situação das outras duas vítimas, nós estamos buscando uma análise no laboratório de Antropologia, que é estudo dos ossos, que inclui um comparativo por meio de fotografias e arcada dentária. O IML tem peritos que são especialistas e estão fazendo de tudo para que não seja preciso solicitar o exame de DNA em Recife ou Salvador”, comenta o diretor.

Relembre o caso

Três corpos carbonizados foram encontrados dentro de veículo em uma localidade conhecida como Aldeia, entre São Cristóvão e Itaporanga D´Ajuda. Um dos corpos é de Luís Fernando Andrade Silva, que era morador de São Cristóvão. As investigações foram iniciadas e a Polícia Civil está realizando oitivas com pessoas que se apresentaram como parentes das vítimas.

por Verlane Estácio

Comentários