Irmãos são presos tentando fraudar concurso da PM

0

Aparelho celular escondido dentro de um gesso (Fotos: SSP)

Ambos estavam com telefones celulares escondidos

Foram encaminhados ao Complexo de Operações Policiais Especiais (Cope) na tarde desse domingo, dia 1º de julho, dois irmãos flagrados tentando fraudar a prova do concurso da Polícia Militar de Sergipe.

Hygor Ayslan Oliveira Lima, 28 anos, e Aylton Hytalo Oliveira de Lima, 26, estavam com telefones celulares escondidos e que eram utilizados durante a realização da prova. Eles são naturais do estado de Pernambuco.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública, o que chamou a atenção é que Hygor foi flagrado, logo após a prova, com um aparelho celular escondido dentro de um gesso, que protegia o braço esquerdo de uma suposta fratura. Os irmãos receberiam toques pelo modo vibratório, o que indicaria a resposta correta no momento da prova.

Os irmãos faziam provas em uma universidade particular quando foram encontrados pela Polícia Civil. Ambos confessaram que pagariam até R$ 20 mil pela aprovação. A Polícia já sabe que há mais pessoas envolvidas com a fraude, o que já é elemento de investigação do Cope.

A delegada Mayra Moinhos adiantou que todas as informações foram repasssadas para a banca examinadora responsável pelo concurso e também para a Secretaria de Planejamento e Gestão e de que não há motivos para que haja cancelamento do resultado das provas realizadas neste domingo. 

Os irmãos já respondem a processos pelo mesmo crime no Piauí e uma tentativa no estado do Ceará por tentativa de fraude a concursos da Polícia Militar daqueles estados.

Nota

A PMSE, SEPLAG E O IBFC vêm a público esclarecer que:
Em um trabalho conjunto com a organizadora IBFC, a PMSE atuou de maneira diligente durante a realização das provas do concurso da PMSE, inibindo de maneira efetiva uma tentativa de fraude no certame. Confira na íntegra.

Com informações da SSP

A matéria foi alterada às 14h43 do dia 2 de julho para acréscimo de nota da Seplag

Comentários