Táxi pode ficar mais caro

0

Após três anos sem reajuste na tarifa, os taxista, através do Sindicato da classe, solicitaram junto à Superintendência Municipal de Transportes de Trânsito (SMTT) um aumento de 30%. A solicitação está provocando dividindo a categoria, sob a alegação de que um aumento só iria afastar os passageiros. Os taxistas que trabalham nas empresas de radiotáxi defendem o reajuste tendo em vista que há três anos o valor da corrida é R$ 2,20, porém, essa categoria, oferece um desconto de 18,18%. Segundo Bosco Mendonça, superintendente da SMTT, o aumento será concedido se o desconto for extinto. “Não tem cabimento cobrar aumento se a categoria oferece um desconto no taxímetro”, diz.

 

Aqueles taxistas que trabalham como bandeirinhas, ou seja, não trabalham para empresas de radiotáxi, não querem o aumento. “Hoje em dia, já é difícil pegar passageiro, se houver aumento vai ficar ainda mais complicada a situação”, diz o taxista João Marcos. O presidente do Sindicato dos Taxistas, João Barbosa dos Santos, diz que se depender da mobilização da classe o aumento não sairá do papel.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais