Câmara de Vereadores realiza sessão sobre Reforma Protestante

0
Câmara de Vereadores realiza sessão sobre Reforma Protestante (Foto: Portal Infonet)

A Câmara de Vereadores de Aracaju promoveu, na manhã desta segunda-feira, 29, uma sessão especial em homenagem à Reforma Protestante, comemorada no próximo dia 31 de outubro. O movimento foi iniciado por Martinho Lutero, no ano de 1517, contra medidas arbitrárias por da Igreja Católica da época.

O evento foi proposto pela vereadora Emília Corrêa (Patriota), e contou com a presença de pastores evangélicos, parlamentares e sociedade, para celebrar as 95 teses de Lutero e o seu legado.

Pastor Emanuel de Menezes destacou a fé de Lutero (Foto: Portal Infonet)

O pastor Emanuel de Menezes, da Igreja Presbiteriana 12 de Agosto, destacou a fé de Lutero. “Martinho Lutero pensou nisso: que esta e as futuras gerações podem receber liberdade. O que podemos fazer para construir um mundo melhor? O monge disse que quem vive pela fé, vive sob o poder do evangelho, e quem vive sob o poder do evangelho, sob a verdade, não tem dúvidas e medos. Martinho ensinou a verdade, não mais limitado a dogmas, a superstições, e se tornou o maior tradutor do texto sagrado de todos os tempos”.

A base da reforma protestante foi fixada em cinco premissas: somente a fé; somente a escritura; somente a graça; somente Cristo; e Glória somente a Deus.

Emília Corrêa, que propôs a sessão, frisou que legado de Lutero pode transformar o país (Foto: Portal Infonet)

Emília Corrêa frisou que o legado de Lutero pode ser usado para promover mudanças. “Precisamos imitá-lo. Somente deste jeito que a gente vai ver a reforma que hoje chamamos de mudança. Precisamos reformar o nosso país, o nosso estado, conhecer e ter a coragem de Martinho Lutero. É assim que temos que buscar. Quero ser Martinho Lutero aqui na terra, e vou me esforçar. Porque aí vem a reforma. Ele pregou o que Jesus pregou: a verdade”, disse.

Por Victor Siqueira

Comentários