Prefeitura de Aracaju contrata segurança privada para o Forró Caju

0
Forró Caju tem garantia de segurança privada (Foto: Sérgio Silva/Arquivo)

A Prefeitura de Aracaju contratou, de forma emergencial com dispensa de licitação, uma empresa privada que disponibilizará 240 seguranças desarmados para atuar durante os quatro dias de Forró Caju, que começa oficialmente no próximo domingo, 23. De acordo com informações do secretário Luís Fernando Almeida, de Defesa Social e da Cidadania do Município, o contrato, no valor de R$ 240 mil, foi realizado sem licitação por falta de tempo hábil para realizar o procedimento exigido por lei.

A decisão do município, segundo Luís Fernando, é consequência da desistência dos 180 guardas municipais que estavam escalados para trabalhar durante os festejos juninos em regime extraordinário. A categoria, conforme explicações do presidente do Sindicato dos Guardas Municipais de Aracaju (Sigma), Eder Rodrigues, optou por não trabalhar de forma extraordinária pela falta de diálogo com o prefeito Edvaldo Nogueira (PCdoB) para negociar a pauta de reivindicação que está pendente desde o ano de 2017.

Segundo o presidente do Sigma, a categoria pleiteia reposição das perdas salariais decorrente do congelamento de salários nos últimos três anos, implementação do plano de carreira, entre outros itens que valorizam a carreira da Guarda Municipal de Aracaju (GMA). E a decisão por não realizar atividade extra foi tomada durante assembleia geral dos guardas municipais realizada no dia 11 deste mês.

O secretário de Defesa Social e da Cidadania informou que as questões destacadas pelo sindicato requer equilíbrio nas finanças do município. Segundo Luís Fernando, o prefeito tem interesse em discutir todas as questões relacionadas pela categoria, mas no momento não há condições em consequência da crise financeira. A prioridade, segundo o secretário, é manter o pagamento dos salários em dia.

por Cassia Santana

Comentários