Duplicidade de presentes favorece comércio no Dia dos Namorados

0

Flores e bombons sempre são procurados nesta data
Comemorado por “eles e por elas”, o Dia dos Namorados representa uma boa data para aquecer as venda no varejo brasileiro. Quem pensa dessa forma é a Câmara de Dirigentes Lojistas de Aracaju (CDL), que vê nas compras de forma ‘dupla’ um bom motivo para movimentar o comércio no mês de junho.

A aposta parte do presidente da entidade, Samuel Schuster, ao afirmar que espera um aquecimento real em torno de 5 a 6% em termos de vendas se comparado ao mesmo período do ano passado.

A expectativa dos lojistas é a de que, como a Dia dos Namorados representa uma troca de presentes entre os casais, haja motivos de sobra para aumentar as vendas, aliado à tradição de se comemorar esta importante passagem na vida das

pessoas.

“Não é somente o namorado que presenteia a namorada e vice-versa. As pessoas que hoje são marido e mulher também cultivam essa emoção, pois são costumeiramente eternos namorados”, diz Schuster.

Para a CDL, produtos cujos itens e segmentos do comércio como vestuário, celulares, flores, jóias, bijuterias, bares, restaurantes e produtos eletrônicos serão o carro chefe das vendas, proporcionando um satisfatório índice de movimentação na economia até o dia 12.

Os fatores que devem influenciar na procura dos namorados pelos presentes são, além da comemoração afetiva, a estabilidade da economia, a facilidade de parcelamento nas compras a prazo, bem como o momento vivido pelo país, com o real crescimento do varejo em todos os setores.

Fonte: Ascom CDL

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais