Após o fim da greve, escolas mantêm o recesso junino

0
Dom Luciano é um dos colégios que estão em recesso (Fotos: Portal Infonet)

Mesmo após o fim da greve dos professores da rede estadual de ensino, que deixou os alunos sem aula durante um mês, o recesso escolar para o período junino está mantido em algumas escolas do estado e alunos só retornarão às aulas no dia 1º de julho. Os colégios Tobias Barreto, Dom Luciano e Atheneu, por exemplo, retornaram as aulas na manhã desta segunda-feira, 22, mas seus calendários elaborados no início do ano datam um recesso no período de 24 de junho a 1º de julho.

Normalmente os alunos já teriam a paralisação das aulas por conta do feriado do dia 24, feriado de São João. Com o recesso, os estudantes ficarão na quinta-feira (25), sexta (26), segunda (29) e terça-feira (30) sem aula.

Aluno do Atheneu lamenta: "não era hora de parar"

O aluno Vitor dos Santos, estudante do 1º ano do ensino médio no colégio Atheneu, acredita que esse não era o momento de parar, pois os alunos já vêm de um longo período sem aula. “Todo esse tempo em greve já no prejudicou muito. Tem alunos que não tem capacidade de estudar sozinho em casa, por exemplo, meu caso. Se eu for estudar pela internet, acabo me distraindo com outros assuntos, por isso preciso sempre de alguém instruindo, tirando dúvidas”, conta.

A coordenadora das mídias do colégio Tobias Barreto, Professora Sandra, afirma que como o governador Jackson Barreto cortou o ponto dos professores durante a greve, a categoria não precisa repor as aulas e diante disto, o calendário deve seguir o estabelecido no início do ano.

Professora Sandra: o recesso estava previsto no calendário feito no início do ano

Sandra ressalta que houve um consenso para estabelecer esse recesso no calendário no início do ano. “Durante o período junino, muitos alunos da periferia e outros municípios deixam de ter o transporte escolar disponibilizados pelas prefeituras, o que os impede de vir às aulas”, explica.

O Portal Infonet tentou ouvir a Secretaria de Estado da Educação, mas não obteve êxito. A equipe de reportagem está à disposição através do telefone (79) 2106 8000 e do email jornalismo@infonet.com.br.

Por Ícaro Novaes e Verlane Estácio

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais