Biblioteca Central e no Restaurante Universitário da UFS estão com atendimentos suspensos

0

Restaurante e Biblioteca Central da UFS estão com atendimentos suspensos (Foto: Portal Infonet)

Devido à greve dos servidores técnicos administrativos em educação da Universidade Federal de Sergipe (UFS), parte dos serviços oferecidos na Instituição está paralisado  para o atendimento aos estudantes nesta sexta-feira, 16.

A decisão foi tomada pelo Comando Local de Greve (CLG) dos servidores em oposição  a ordem judicial de manter 50% do efetivo de funcionários em atividades, mas em apoio a permanência dos 30% dos servidores em atividades como garante a constituição federal. Por esse motivo, está suspenso o fornecimento de refeições no Restaurante Universitário (Resun), bem como o atendimento aos acadêmicos na Biblioteca Central (Bicen).

Para reforçar o ato dos fucionários, os servidores do Sindicato dos Trabalhadores da Universidade Federal de Sergipe (Sintufs) se reuniram nesta sexta-feira, 16, para impedir o funcionamento do Resun e obter a adesão de um maior número de trabalhadores. “O nosso objetivo é impedir que o Resun funcione, já que os servidores estão em greve. A luta não vai parar, já que faremos vigília no local, bem como estaremos ainda hoje [16] realizando panfletagem junto aos estudantes informando da paralisação e a suspensão do fornecimento de refeições”, informa Edjanária.

Greve

A presidente do Sintufs, Edjanária Borges

Os trabalhadores voltaram a cruzar os braços na última terça-feira, 13, em favor do piso salarial de três salários mínimos e step de 5%, isonomia do incentivo á qualificação, reposicionamento de aposentados, racionalização de cargos e concurso público.

Na próxima segunda-feira, 19, os servidores técnicos voltam a realizar um novo ato no Hospital Universitário (HU) a partir das 7h, com o objetivo de fortalecer o movimento e lutar contra a Medida Provisória 520 que autoriza o Poder Executivo a criar a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), que vem privatizar os Hospitais Universitários.

Aprovação

Mesmo com a suspensão do atendimento no Restaurante Universitário (Resun) e na Biblioteca Central (Bicen), os estudantes estão sensíveis as reivindicações dos funcionários. O apoio vem do estudante de comunicação social da UFS, Zeca Oliveira, que entende ser é um instrumento legítimo do trabalhador. “O país vive um crescimento e a desculpa para não atender as reivindicações da categoria não cola. Claro que os serviços oferecidos aos estudantes ficam

O estudante de comunicação da UFS, Zeca Oliveira aprova a greve

prejudicados, mas somos prejudicados a todo o momento”, garante o estudante.

UFS

Devido à manifestação dos servidores em apoiar a paralisação do atendimento no Resun, apenas o serviço de limpeza está sendo realizado no refeitório da Instituição.

Já na Biblioteca Central, a informação passada por uma funcionária é que os 30% dos servidores estão em atividades, mas para realizar os serviços internos. Quanto ao atendimento de empréstimo e devolução dos livros estão suspensos temporariamente na Biblioteca.

Por Aisla Vasconcelos

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais