Cavernas são tema de encontro realizado na UFS

0
Discussões em torno das cavernas acontecem até o próximo dia 14 (Fotos: Portal Infonet)

O Sistema Cárstico e o Ser Humano estão sendo discutidos no 2º Encontro Nordestino de Espeleologia [estudo das cavernas], aberto na manhã desta segunda-feira, 12, no auditório da Didática VI na Universidade Federal de Sergipe. O evento que prossegue até a próxima quarta-feira, 14, tem por finalidade de mostrar a importância do estudo das cavernas.

“Esse encontro está sendo realizado após 17 anos. A primeira vez aconteceu na cidade de Ubajara, no Ceará, e agora resolvemos trazer para Sergipe, graças ao apoio da UFS e da Sociedade Brasileira de Espeleologia, para poder estar reunindo grupos do Nordeste e fazer uma divulgação da importância de estudar caverna e apresentar a comunidade de um modo geral, a importância de se preservar as feições naturais”, destaca o membro da Comissão Organizadora do Evento, Heleno Macedo.

Sergipe

Heleno Macedo: "Encontro realizado após 17 anos"

De acordo com ele, no Estado de Sergipe, quem trabalha na parte de exploração, busca e mapeamento da caverna é o grupo Centro da Terra. O grupo foi formado em 2002 por calouros do curso de Biologia da Universidade Federal de Sergipe, após excursão para cavernas dos municípios de Laranjeiras e Divina Pastora. “E a Universidade Federal de Sergipe que trabalha na parte científica, acadêmica. São trabalhos com os sistemas cásticos, com a biodiversidade de cavernas, tanto com a fauna quanto com a flora”, ressalta.

Para se ter uma ideia, em Sergipe, as cavernas se formaram há milhares de anos e as duas mais antigas são a Casa de Pedra, localizada nas proximidades do Povoado Ribeira, no município de Itabaiana e a Toca da Raposa, em Simão Dias.

Participam do encontro no Campus de São Cristóvão, palestrantes de São Paulo, da Bahia, do Rio Grande do Norte. Entre eles, o presidente da Reserva Biosfera Mata Atlântica, Clayton Lino e o presidente da Sociedade Brasileira de Espeleologia, Marcelo Augusto Rasteiro, representantes de grupos de nove estados do Nordeste e de países como Honduras e Porto Rico.

                                                                                             

Evento acontece na Didática VI da UFS

Por Aldaci de Souza

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais