Eleição no Confiança será em dezembro

0

O diretor de futebol do Confiança, Milton Dantas, confirmou que os conselheiros aprovaram o novo estatuto do clube. Segundo ele, o regulamento foi adequado ao atual código civil. Pela primeira vez na história do Dragão, sócios e conselheiros poderão escolher o presidente e o diretor administrativo e financeiro. Os demais cargos serão nomeados pelo presidente. A eleição está marcada para o dia 14 de dezembro de 2004.
De acordo com Milton Dantas, os sócios só podem votar desde que estejam quites com as mensalidades e tenham um ano no mínimo de filiação. A posse acontecerá no dia 16 de janeiro de 2005, mas o novo presidente terá carta branca para contratar comissão técnica e jogadores para a temporada 2005. “ As inscrições estarão abertas partir da divulgação do edital até 72 horas antes da eleição”, disse Dantas, acrescentando que no momento ninguém apresentou uma chapa nem mesmo o atual presidente, Daniel Bispo, que disse não ter interesse em disputar  reeleição

Milton Dantas revelou que se Daniel Bispo for candidato contará não só com se apoio, mas também com de Elcarlos Cruz e Tadeu Cruz. “O atual presidente está fazendo uma excelente administração e não teria nenhum motivo para ser contra”, disse Dantas, destacando que torce para que haja união de todas as correntes porque só assim o Confiança sairá fortalecido.

O diretor de futebol frisou que no dia da eleição também será feita a escolha do novo conselho deliberativo. Atualmente o clube conta com 51 conselheiros. Depois do pleito, o presidente formará uma equipe de trabalho, nomeando três assessores nas seguintes áreas: jurídica imprensa e administrativo. O departamento de futebol se transformará em uma gerencia. Serão ainda escolhidos: um gerente das divisões de base e outro para responder pelo marketing.

Formula- Segundo Milton Dantas, os dirigentes dos outros clubes se equivocaram ao escolher a formula de pontos corridos. “O Campeonato Estadual será muito curto, com duração de apenas três meses e meio e corre o risco na metade da competição as equipes desmancharem os seus elencos com a impossibilidade de conquistarem o titulo”, disse Dantas, acrescentando que além do mais o certame terminará dois meses e meio antes do inicio da Série C e neste período poderia criar uma Copa para selecionar os times que jogariam a terceira divisão.

 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais