Presidente da CBF fala sobre Aracaju na Copa de 2014

0

Da esq. para a dir.: Edvaldo, Luis Barreto, Déda e Ricardo Teixeira
“Inegavelmente Aracaju, Sergipe, pode ser anfitriã de uma das seleções na Copa do Mundo”. É com essa frase que o presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Ricardo Teixeira, enche o Estado de esperança em poder participar diretamente do maior evento esportivo do planeta em 2014.

A afirmação de Teixeira foi feita na manhã de segunda, 1º, no Fórum Legislativo para o Desenvolvimento Sustentável do Turismo Brasileiro, realizado na capital sergipana. Antes de se dirigirem ao evento, o governador Marcelo Déda apresentou um vídeo ao representante da CBF sobre planejamento e investimentos do Estado para que Aracaju possa ser uma cidade base na Copa.

Marcelo Déda explicou os investimentos que o governo pretende fazer
Investimentos

“Eu explicitei os investimentos que estamos fazendo na infra-estrutura para fazer a integração, através de rodovias costeiras, da Bahia com Sergipe, e de Sergipe com Alagoas e Recife, integrando 700 km de litoral entre duas possíveis sedes: Recife e Salvador”, explica Déda.

Além do investimento em estradas, o governador diz ter apresentado um master plano da reforma do Batistão, segundo ele, um projeto ambicioso. “Nós temos uma emenda no orçamento junto ao Ministério do Turismo, que busca trazer a primeira parcela do investimento”, conta o governador. A intenção é modificar toda a estrutura do maior estádio de Sergipe e a região na qual está abrigado.

Público lotou Fórum
Lista sai em março

Na conversa com jornalistas, Ricardo Teixeira deixou escapar que, provavelmente, há chances de apenas uma ou duas capitais nordestinas sediarem jogos na Copa do Mundo de 2014. Mas depois, desconversou. “Isso é a FIFA que vai dizer”, informa. Há um impasse entre CBF e FIFA sobre a quantidade de cidades-sede, já que a primeira quer doze e a segunda, oito.

Na região Nordeste, cinco cidades pleiteiam a chance: Salvador, Maceió, Recife, Natal e Fortaleza. A relação oficial será divulgada em março de 2009.

Por Glauco Vinícius e Carla Sousa

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais