Sergipe descarta reforços para a Série C

0

Hamilton desfalca o Sergipe
O diretor de futebol do Sergipe, Ramon Barbosa, descartou qualquer possibilidade do clube contratar jogadores para a segunda fase da Série C do Campeonato Brasileiro. Segundo ele, o time não dispõe de recursos financeiros e além do mais os profissionais que estão em disponibilidade no mercado não são melhores daqueles que estão jogando no estado.  “Prefiro trazer atletas que venham resolver as nossas deficiências e esses são caros, do contrário é melhor prestigiar a prata da casa”, disse o dirigente, ressaltando que o atual elenco apesar as dificuldades ainda sim conseguir colocar o Sergipe na segunda fase da competição.

Barbosa frisou que o time durante o Campeonato Estadual realizou 16 contratações e mesmo assim não atingiu o objetivo que era ganhar o titulo. Em compensação, na Série C não fez tantos investimentos, dando prioridade aos profissionais da terra, alcançou a classificação, mesmo atuando fora de casa no empate em 0 a 0 com Catuense.

O diretor de futebol lembrou que se o Sergipe não foi brilhante durante a primeira fase, mas não lhe faltou garra, disposição e jogou pelo regulamento. “Não adianta trazer jogadores bonzinhos porque no futebol está cheio. Nos precisamos de atletas que venham para ser titulares e esse tipo de profissional é difícil e o ”Mais Querido” não tem dinheiro para trazê-los”, disse Ramon Barbosa, destacando que  acredita no desempenho do atual elenco.  

Sobre os comentários da contratação do técnico Jorge Replay, Ramon Barbosa descartou qualquer possibilidade e acrescentou que a diretoria está bastante satisfeita com o trabalho de Pimenta e de toda comissão técnica.

Na próxima fase, o Sergipe pega o Vila Nova. O primeiro confronto será domingo, às 16 horas, no Batistão. O segundo confronto acontecerá no dia 19, em Nova Lima, Minas Gerais. Barbosa considera o adversário de alto nível, mas mesmo assim ele bota fé na garotada do vice-campeão sergipano. Para este jogo, o técnico Pimenta mais uma vez ficará sem Hamilton. O volante foi expulso contra a Catuense e terá que cumprir suspensão. Durante a semana, o treinador rubro escolherá o seu substituto. Daniel é o mais cotado para assumir a vaga.

O diretor de futebol destacou que o Vila Nova atualmente é a terceira força do futebol mineiro. Este ano terminou o Campeonato Estadual na terceira colocação atrás do Cruzeiro e Atlético e na frente do América. “ Considero o confronto dos mais difíceis, mas temos que aproveitar que o primeiro jogo é no Batistão. Se vencermos o Vila Nova por uma boa diferença de gols, podemos administrar o resultado em Nova Lima”, disse Ramon Barbosa, acrescentando que acredita numa classificação da equipe mesmo diante de um adversário tão poderoso.

 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais