Torcida recebe elenco do Confiança no Aeroporto de Aracaju

0
(fotos: Igor Matheus/ Portal Infonet)

Milhares de torcedores azulinos compareceram ao Aeroporto de Aracaju na tarde deste domingo, 8, para recepcionar o elenco do Confiança, que conquistou no último sábado em Erechim-RS o acesso para a Série B do Campeonato Brasileiro. Formada por torcidas organizadas, famílias e torcedores de todas as idades, a massa azulina se concentrou tanto na saída de veículos da pista do Aeroporto – onde um ônibus aguardava jogadores e comissão técnica – quanto no andar superior, onde é possível observar a chegada dos aviões.

Pouco antes das 16h15, a aeronave com os jogadores pousou sob gritos e aplausos. Quando os portões da saída de veículos da pista se abriu para a passagem dos jogadores, a torcida passou a cantar ainda mais forte. Entre abraços e selfies com a torcida, o meia Everton refletiu sobre a marca de ter participado dos dois acessos do Confiança: o de 2019 e o de 2014, para a Série C.

Everton: segundo acesso com o Confiança

“É uma sensação única, maravilhosa. Foi difícil conseguir esse feito, mas fui privilegiado com esses dois acessos. Estou realizado”. Everton também comentou sobre o jogo contra o Ypiranga em Erechim-RS. “Foi um jogo difícil em um gramado muito ruim. Mas com o apoio e a dedicação do torcedor, conseguimos nos superar”.

O técnico Daniel Paulista também mostrou sua satisfação com a conquista do acesso. “Esse grupo merece isso por toda a dedicação e pela campanha que fez durante o campeonato”. Apesar de não ter atuado na Série C deste ano, o atacante Leandro Kível integrou o elenco e segue em recuperação por uma lesão adquirida ainda no Campeonato Sergipano. Um dos heróis do acesso de 2014 para a Série C, Kível comentou sobre a nova conquista.

Ansiedade: torcida aplaudiu e vibrou desde o pouso do avião com jogadores

“Isso representa o crescimento do futebol sergipano. O Confiança vem em uma crescente muito grande. De 2014 para cá o clube fez grandes times todo ano. Esse acesso foi mais do que merecido tanto para o estado quando para a torcida. Tenha certeza de que vamos colher os frutos do que foi plantado lá atrás com dedicação. E nunca desistam dos seus ideais. O Confiança nunca desistiu, e por isso chegou nesse degrau tão alto”.

A torcida proletária era só alegria em quase todos os locais do Aeroporto de Aracaju. De cima de um banco para tentar ver a chegada do avião com os jogadores, o lavador de carros Vinícius Alberto destacou a emoção do jogo do acesso. “O pior é que assisti a partida com dois torcedores do nosso time rival. Mas quando surgiu o gol de empate, a emoção foi tão grande que saí e deixei minha esposa por lá”, contou aos risos.

O taxista Francisco Cleiton e o pequeno Mateus: paixão de pai para filho

Já o taxista Francisco Cleiton fez questão de levar o filho Mateus, de cinco anos, para testemunhar um momento que ficará marcado na história do futebol sergipano. “Esses jogadores honraram a camisa e representaram bem o estado e o Confiança. Agora sim somos um time de nível nacional”. Após a chegada no Aeroporto, os jogadores subiram em um trio elétrico e puxaram cortejo até a Orla da Atalaia, onde a festa continuou com shows na Praça de Eventos.

Confira abaixo imagens exclusivas da recepção da torcida.

Por Igor Matheus

Comentários