Treinadores avaliam vitória do Confiança sobre Lagarto

0
(foto: Igor Matheus/ Portal Infonet)

O Confiança venceu o Lagarto por 2 a 0 e se garantiu na final do Sergipão com duas rodadas de antecedência. Sem esconder sua satisfação com o resultado, o técnico Betinho, do Dragão, chegou a lembrar os fracassos do time em 2015 para ressaltar a conquista deste domingo.

“Não conseguimos Copa do Nordeste nem avançamos na Copa do Brasil, mas conseguimos chegar em mais uma final do estadual, ter novamente condições de ir a outra Copa do Nordeste e a outra Copa do Brasil no ano que vem, e com  recursos financeiros. Agora vamos aguardar nosso adversário e trabalharmos para o bicampeonato”. Betinho também ressaltou que quer ir à decisão com o maior número possível de pontos. “Queremos jogar pela vantagem nos jogos finais”, disse.

Para o auxiliar técnico Guidon, que conduziu o time do Lagarto enquanto Elenilson Silva cumpria suspensão, a equipe alviverde não se comportou como devia. “Não finalizamos, e quem não faz leva. Também pecamos em dois erros e não conseguimos o que esperávamos. Mas faz parte do futebol. Temos duas partidas e agora é trabalhar pelo resultado positivo, além de torcer pelo tropeço de nossos adversários”.

Por Igor Matheus

Comentários