Justiça determina quebra de sigilo das contas da Câmara de Vereadores de N. S. do Socorro

0

A Justiça determinou na tarde desta terça-feira, 13, a quebra do sigilo das contas da Câmara de Vereadores de Nossa Senhora do Socorro. Na decisão da juíza Christina Machado de Sales e Silva, a ordem é que os documentos solicitados no mandado de segurança impetrado pelos vereadores Jairo Joaquim dos Santos (PPS) e Vagnerrogeris Lima (PSB) sejam disponibilizados em até 48h, para que sejam analisados pelos componentes da Casa.

A denúncia de supostas irregularidades nas contas da Câmara atingem a figura da presidente Maria da Conceição dos Anjos. Ela havia se recusado, segundo Vagnerrogeris, a entregar os documentos solicitados em 16/3 pelos dois vereadores, quando eles desejavam analisar os dados financeiros da instituição.

Foram solicitados pela juíza: a folha de pagamento referente aos meses de janeiro/2009 a fevereiro/2010, especificando os cargos e lotação de todos os servidores; relação das diárias pagas por viagens, congressos e hospedagens, referentes aos meses de janeiro/2009 a fevereiro/2010; cópia de todo o processo administrativo referente a ampliação e reforma da câmara municipal; cópia dos contratos e serviços realizados no período compreendido entre  janeiro/2009 a fevereiro/2010; cópia dos balancetes mensais; cópia do áudio das seções plenárias realizadas em 01/10/09, 12/02/10 e 16/03/10.

Comentários