A escolha pela inteligência emocional

0

Quantas vezes desejamos ter discernimento para resolver nossos conflitos de relacionamento? Acredito que sejam inúmeras as vezes que isso aconteça no decorrer de nossa vida. Encontramos a solução quando optamos pela inteligência emocional que irá garantir a harmonia.

Essa maturidade psicológica, do uso de sua inteligência emocional, poderá ser atingida quando você entender e dominar os seus sentimentos e de como irá se relacionar com os sentimentos dos outros. Se entender os nossos sentimentos é difícil,  compreender e saber relacionar-se com os sentimentos dos outros é mais ainda.

Mas as soluções existem, e temos de buscá-las a fim de vivermos melhor. Praticar o autoconhecimento é uma direção a tomar. Estar aberto para sentir, deixar entrar as emoções e sensações, não ser o único dono da verdade, reconhecer as emoções dos outros e procurar entendê-las para lidar com as situações de vida é um bom caminho a ser percorrido.

Mais uma vez depende de você se motivar para tentar discernir e resolver os problemas que envolvem uma situação. Estar sempre confiante, mesmo depois de falhas e obstáculos é fundamental para seguir em frente.

Para entender o outro e aceitar certas situações, é necessário esforço e dedicação para lidar com desacordos. Quando você se coloca no lugar do outro, reconhecendo este, através do entendimento verbal e também dos gestos e expressões fica mais fácil entendê-lo. Não deixe a raiva ou melancolia tomar conta dos seus sentimentos, controle-os. Se você se desestabilizar não encontrará a inteligência emocional.

Esteja aberto para sentir e reconhecer suas próprias emoções, pois só assim poderá reconhecer as do outro. Vale a pena se é para viver harmonicamente.

Sabemos que pensamos, sentimos e reagimos de formas diferentes e não devemos aceitar somente nossos sentimentos, negando involuntariamente o do outro. Se for para influenciar o outro, que seja de forma positiva, buscando a paz espiritual e harmonia a fim de resolver conflitos, muitas vezes idealizados pela mente, que cria uma bola de neve de idealizações. Isso porque, num relacionamento há situações, em que não há um entendimento na comunicação. Uma pessoa pode ficar falando horas mas a comunicação só irá ser definida quando o outro entender realmente o que foi dito.

É a partir do desenvolvimento dessas competências, que iremos ter inteligência emocional necessária, para termos uma relação mais saudável, harmoniosa, frutuosa e evoluída.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais