Café Pequeno-Faxina Já!

0

E a mais nova diarista do Planalto se recusa veementemente a assumir o papel de faxineira que o destinou lhe reservou e apareceu semana passada na TV, toda brava, falando apenas em faxinar miséria…

Que que é isso Dilminha? Relaxa…Essa fala é do Lula, os tempos agora são outros e a gente não quer só comida…

Fica calma mulher e não foge à luta, afinal faxina é tarefa historicamente reservada a nós mulheres, desde que o mundo é mundo, ou melhor, desde que resolvemos fincar raízes nas cavernas.

Vai lá, cumpre a sina, convoca sua equipe feminina de plantão e que, há muito, está acostumada ao serviço e vamos desinfetar o congresso. Água e sabão neles, nesses nossos funcionários ineficientes, pra lá de bem remunerados e que, apesar disso, ainda conseguem desviar dinheiro público.

-Oposição se liga, hellooooo… CPI não! Chega de show!

-Faxina Já! Ampla, geral e irrestrita! A sociedade clama e vocês terão todo o nosso apoio.

Ainda mais agora que Dilma abriu uma janela e procura manter uma relação civilizada com vocês, especialmente FHC, o homem do Real, da Lei da Responsabilidade Fiscal, do Comunidade Solidária, dos Genéricos, da Bolsa Escola, da privatização da telefonia, ali começou a inclusão social…

E enquanto uns esbravejam e outros torcem o nariz, Dilma prossegue seduzindo FHC e a opinião pública… Sou a maior entusiasta desse possível romance político platônico!

Mas alguns céticos e tarimbados analistas advertem que nem tudo é o que parece e dizem que tudo não passa de jogo de cena e que o Ministério do Marketing que fez de Lula o Pai dos Pobres já trabalha a imagem da Dilma Musa Anticorrupção. Será?

Eu, incorrigível Polyana, prefiro acreditar na melhor hipótese e pegar a presidenta pela palavra, afinal Lula não foi mero produto de marketing, era filho do povo e com ele soube se comunicar como ninguém. Além do que fez os avanços necessários, infelizmente para se eleger precisou esquecer da ética partidária e vender a alma aos Barbalhos…

Quanto a Dilma, também para se eleger, vestiu o figurino e deu um up no visual, mas o sorrisinho que ela dá pro FHC, sei não! De marketing, se entendo um pouco da alma feminina, não tem nada.

E segundo a revista : “Sabedoria dos Orixás” estamos em ano de Iansã, rainha dos ventos e tempestades, ano das grandes mudanças e Dilma pode dar uma guinada, deixar para lá essa história de criador e criatura tornando-se Senhora do próprio Destino.

O Brasil agradece.

Mãos à obra Presidenta!

Manifestação bombeiros no Rio-Foto Ana Libório
Comentários