Educação: Triste sina de ser pobre

0

Segundo Marx o estado é o instrumento do qual uma classe domina e explora outra classe. E que somente no regime comunista, a sociedade é pelo menos na teoria, sem divisão de classes. Todos são “iguais”. Já no capitalismo, não têm como não existir as divisões. Essas colocações servem para abordar algo que pode radicalizar e ser um episódio perigoso na história de Sergipe. Por mais de trinta dias, este espaço mostrou a meia dúzia de leitores provas – segundo a visão deste jornalista – sobre a questão do piso dos professores. Foram publicados artigos, parágrafos, tudo que faz parte de uma lei, para mostrar que o governador cumprira a citada lei e mesmo assim, os dirigentes insistiam com uma possível greve. Argumentos de ambas as partes foram colocados e nada.

 

O governador não atendia. Pois bem, ele recebeu e, nada. Sugeriu uma comissão para buscar uma maneira de adequar os outros níveis do magistério, que não foram contemplados pela lei, já que a sua intenção era justamente “proteger” os salários dos que ensinam a “educação básica”. Aceitaram a comissão, mas não voltaram atrás. Está mantida a greve para hoje.

 

Lembro que este espaço conclamou por todos que poderiam tomar às dores dos mais necessitados e que serão os maiores prejudicados. MPE, OAB, PGE, Defensoria Pública e, mais uma vez, nada. E agora chega o dia, e os alunos que residem na Santa Maria, Coqueiral, Japãozinho, Ângela Catarina, invasão da Coroa do Meio, não terão aulas e nem sabem quando as terão.

 

Agora, quando é pra proibir que universidade de rico “cobre” pelo uso de estacionamento, todo mundo entra na briga. Ah, eles residem nos Jardins, Beira Mar, 13 de Julho, Atalaia, são filhos de Juizes, desembargadores, promotores, parlamentares. São referências como formadores de opinião. Podem decidir várias eleições.

 

O pior é ver a omissão do governador em aceitar que insistam com o impasse. Se ele tiver com a razão, que coíba esse abuso e esse desrespeito com os que à vida colocou nessa situação em não ter quem os defenda.  Já os que nasceram e continuam pobres, continuarão a serem. No próximo ano, nem se lembraram que dentro desse próprio movimento, existem parlamentares que estarão com certeza lá no Santa Maria, Ângela Catarina, Coqueiral, pedindo mais uma vez votos, e dizendo que a educação é prioridade.   

 

Família Rocha: velas para todos os santos I

Na procissão de Nosso Senhor dos Passos em São Cristovão, este final de semana deu para comprovar o que este espaço sempre alertou no ano passado. Que a família Rocha – leia-se o atual prefeito Alex e o ex-prefeito Lauro – acende velas para todos os santos. No próximo se Déda e João Alves forem para o embate eleitoral a família vai sorrir muito. Quem ganhar eles estarão no poder.

 

Família Rocha: velas para todos os santos II

Ao lado da imagem, na procissão, estava o prefeito Alex Rocha, o governador Déda, o senador Valadares e diversos outros políticos. Mais atrás ao lado da imagem de Nossa Senhora das Dores, o ex-governador João Alves, o ex-prefeito Lauro Rocha, vários políticos e o primeiro ministro da prefeitura do PDT, o dirigente do DEM, Valdione de Sá.

 

Serviço completo – Renan e Almeida Lima

Deu na coluna Painel da FSP, de ontem, 08: Depois de reassumir o controle bancada do PMDB, remover desafetos do caminho e instalar Fernando Collor (PTB-AL) na presidência da Comissão de Infraestrutura do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL) pretende expandir seu domínio à Comissão Mista de Orçamento. Indicará para comandá-la o aliado Almeida Lima (PMDB-SE). Apelidado de “Microfone”, esgoelou-se em defesa de Renan ao longo do escândalo que o derrubou da presidência da Casa em 2007. Sempre poderosa, a comissão terá especial importância neste ano, por definir as prioridades do governo num cenário de queda de arrecadação. Dali sairá o Orçamento do ano eleitoral de 2010, estratégico para as chances presidenciais de Dilma Rousseff.

 

Sergipe em destaque

O Ministro do STF Carlos Ayres de Britto foi homenageado, na última sexta-feira, pela Câmara Municipal do Rio de Janeiro, com o título de Cidadão Honorário do Rio de Janeiro e com a Medalha Pedro Ernesto.  Ainda no Rio, ele participou como conferencista de um encontro acadêmico no Centro Cultural da Justiça Eleitoral,

 

Sala para OAB no TC

O novo presidente do Tribunal de Contas Reinaldo Moura que toma posse nessa segunda, 10, prometeu uma sala para a OAB nas dependências do TC para funcionar como apoio logístico aos advogados. Deve reabilitar a Sala Advogado Jayme Araujo que, no passado, já funcionou naquela corte de contas com igual objetivo.

 

Nova imagem

É evidente o esforço que o atual presidente Heráclito Rollemberg e o presidente-eleito Reinaldo Moura estão fazendo para restaurar a imagem do Tribunal de Contas do Estado abalada com vários episódios negativos ocorridos nos últimos anos. A sociedade civil acompanha com todo interesse e vê com bons olhos essa nova fase inaugurada pelos dois conselheiros.

 

Deputados que não têm placa fria

As assessorias de vários deputados estão se comunicando com este blog para afirmar que os parlamentares não têm placa fria como disse a assessoria do deputado Augusto Bezerra, que usa uma placa desta no carro que anda.

 

MP tem que investigar as placas frias

Agora a omissão do Ministério Público é visível. Parece que eles só gostam de entrar em briga pequena, com os grandes fecham os olhos. É certo alguns deputados usarem placa fria? E mais: o blog recebeu a informação que tem alguns que usam como números nas placas seus números da campanha eleitoral. É certo isso?

 

Placas verdes na mira

Por falar em placas, o Denatran determinou uma mudança na legislação para que as placas dos veículos de embaixadores e afins possam receber multas e respeitarem a legislação de trânsito. Aqui em Sergipe, tem um veículo de um cônsul honorário da Romênia que circula com placa verde. O Detran deve ficar de olho…

 

Adeus bandana

E parece que o vereador Matos tomou juízo e resolveu cumprir o Regimento Interno da Câmara, o qual prestou juramento no dia da posse. Vai discursar na Câmara hoje sem bandana. Aliás, Matos por pouco não perde o mandato e parece que um suplente está analisando a possibilidade de ingressar com uma ação na Justiça. Neste episódio, Matos e Mesa Diretora saíram desgastados. Matos porque criticou os colegas pela falta de solidariedade e a Mesa Diretora porque tentou mudar o regimento para atender interesses particulares. Sem falar nas faltas…

 

Caixa Preta

Deu na coluna Periscópio: Tudo leva a crer que a tal “caixa preta do Sebrae”, que o governador Marcelo Déda denunciou durante a última eleição dos dirigentes daquele órgão, existia mesmo. Informações de bastidores revelam a existência de contratos suspeitíssimos e levantam sérias dúvidas sobre o aumento de 70% (de R$ 6 milhões em 2007 para mais de R$ 10 milhões em 2008) nas contratações de consultorias de terceiros. Segundo “especialistas”, contratos de consultoria são uma excelente fonte de financiamento de campanhas eleitorais pelo interior a fora.

 

Kombi com gravação do Sintese

Chamou a atenção ontem, 08, a Kombi do Sintese passando por várias ruas, inclusive em frente ao Residencial Sérgio Vieira de Melo (PAR), no Orlando Dantas, com uma gravação numa voz feminina, conclamando os professores para a marcha. Na gravação a voz feminina diz que o governo não está cumprindo a lei do piso.

 

CPI para o caso Protógenes

Só num país como o Brasil vão abrir uma CPI para apurar o trabalho de um delegado. Tudo porque o Protógenes teve a coragem e se meteu a investigar o super banqueiro corrupto e outros…

 

Em nome do Pai I

Artigo de Eliane Cantanhêde na FSP, que retrata bem a hipocrisia do arcebispo de Olinda e Recife: “Neste 8 de março, Dia Internacional da Mulher, quero fazer um agradecimento público ao arcebispo de Olinda e Recife, dom José Cardoso Sobrinho. Ele calou sobre o crime hediondo de um padrasto que estuprava a enteada desde os 6 anos de idade e a engravidou de gêmeos aos 9. Mas excomungou a mãe da menina e a equipe médica pelo aborto que tenta salvar sua vida, sua essência de criança, sua capacidade de ser feliz. Essa inversão produziu excelentes resultados, no melhor momento: mobilizou a imprensa local e nacional e indignou milhões de pessoas na semana que antecedeu o Dia da Mulher, expondo o quanto o fundamentalismo religioso pode ser não apenas retrógrado mas cruel, desumano e, em certa dose, também ridículo, em casos que envolvem de fato vida e futuro. Os assim, particulares. Ou os coletivos, como a pesquisa de células tronco.

 

Em nome do Pai II

Foi uma verdadeira aula, contra o arcebispo, a favor da menina, para mulheres, homens, jovens, velhos, todos os que olharam para a grande vítima horrorizados, chocados, com uma piedade que faltou justamente ao “homem de Deus”.Até a CNBB teve dificuldade para respaldar sua atitude. Numa nota visivelmente constrangida, condena antes o estuprador (que dom José nem sequer citara), reitera a posição contrária ao aborto e não faz uma só defesa da excomunhão.Para dom José, estuprar crianças é pecado, mas não muito. O que não pode é tentar corrigir as sequelas do estupro, acolher aquela menina, salvar-lhe o corpo, talvez a mente, garantir-lhe o futuro. Para ele, portanto, aborto é mais grave do que estupro. Os médicos que o realizaram são piores do que o suspeito de pedofilia em Catanduva (SP).Trata-se do típico caso em que a igreja anda para um lado, enquanto o mundo e as pessoas, para o outro, em sentido contrário. É assim que seus pastores perdem seus rebanhos para as evangélicas, as espíritas, as umbandistas. Ou para o ateísmo, puro e simples”.

 

Arranjos produtivos

Membros e parceiros do Núcleo de Arranjos Produtivos Locais de Sergipe (APL-SE) estarão reunidos na próxima quinta-feira, dia 12, no auditório da Codise, para avaliação das ações desenvolvidas no ano passado e discussão de outros pontos relevantes. O encontro acontece a partir das 7h30 sob a coordenação do secretário Jorge Santana, do Desenvolvimento Econômico e da Ciência e Tecnologia (Sedetec), que vai anunciar o início das atividades de cinco APLs em Sergipe: de Petróleo e Gás, Piscicultura, Mandioca, Tecnologia da Informação e Fruticultura. Também na oportunidade os integrantes serão informados sobre o Programa de Extensão Industrial nos APLs sergipanos e a contratação de técnicos extensionistas e gestores para atuarem nessas organizações.  

 

Coisa de Mulher

Nesta segunda-feira (9), a Associação dos Amigos da Oncologia (Amo) vai reunir amigas, voluntárias, funcionárias e pacientes em torno da segunda edição de “Coisas de Mulher”. O encontro comemorativo ao Dia Internacional da Mulher será realizado na sede do Instituto Luciano Barreto Júnior, a partir das 15 horas. O evento promete ser um dos mais animados, com direito a desfile de moda da loja Versátil, que vai apresentar sua coleção outono/inverno, além de um delicioso coquetel e sorteio de brindes. Para entrar no clima, a sugestão é que todas as convidadas compareçam ao evento vestindo cor de rosa. Com certeza será uma tarde de muita descontração e alegria! 

 

Maria Mendonça rebate critica I

Da ex-prefeita de Itabaiana, Maria Mendonça: “”Quem conhece a minha trajetória política jamais creditaria respaldo a desprezíveis calúnias, pois sabem que sempre busquei desempenhar minhas atribuições com bastante lisura, responsabilidade e, acima de tudo, com a consciência de que o homem/mulher público (a) deve zelar pelo bem-estar social. O que é atitude mesquinha, atrasada e odienta? Será que conquistar ao longo dos quatro anos da administração no âmbito da Saúde municipal uma Unidade Móvel de Saúde; uma residência terapêutica; a construção de 02 clínicas de saúde da família; a reforma de 15 postos de saúde; um Centro de Especialidades Odontológicas; um Centro de Hemodiálise; a UTI do Hospital Dr. Pedro Garcia Moreno; 280 banheiros domiciliares; o esgotamento sanitário de 14 ruas; lagoa de estabilização; uma estação elevatória; 15 Unidades habitacionais PAC/FUNASA e a Farmácia Popular denota a respectiva postura? Ou a esbravejada atitude seria demonstrada pelas ações de uma administradora que não se deixou abater perante um resultado negativo no último pleito eleitoral e, não medindo esforços permaneceu lutando em busca de conquistas para o seu povo e o seu município?  Interromper injustificadamente obras que beneficiariam o povo é o papel que se espera do agente público? Ou será que a respectiva atitude não estaria fazendo jus aos adjetivos por ele próprio qualificados?”. (Fonte Itnet).

 

Maria Mendonça rebate critica II

Continua a ex-prefeita: “Quanto à afirmativa da matéria acima aludida ela expôs informo a todos que só tenho a lamentar, pois não passa de mais uma tentativa ardilosa de denegrir a minha imagem. Portanto, valendo-me do sábio adágio popular contra fatos não há argumentos divulgo publicamente cópia do respectivo documento de adesão assinado pelo Secretário Municipal de Saúde à época Dr. Antônio Cláudio protocolado na Secretaria de Estado da Saúde sob o nº 020.000.19645/2008-9 no dia 07/11/08″. Encerrou afirmando esperar que a partir de agora, o então prefeito procure aproveitar o tempo para concluir as inúmeras obras em andamento e em seguida construir àquelas cujo projeto fora aprovado e os recursos por nós conquistados a exemplo da Praça de Alimentação; do Aterro Sanitário; do Pórtico da entrada da cidade; da construção de um CREAS e das escolas do Campo Grande e Moita Formosa; do CEASA; da travessia da Cidade; da reforma de 05 escolas e outros para posteriormente colocar em prática tudo que fora prometido no seu plano de governo.”

 

Implantação do piso em Itabaiana I

A administração municipal de Itabaiana iniciou as discussões com vistas a implantar o Piso Nacional dos professores. A reunião ocorreu no gabinete, com a presença do prefeito Luciano Bispo, que estava acompanhado dos assessores (jurídico, educação, administração e comunicação), das professoras Enivalda e Rita, dirigentes regionais do SINTESE e da vereadora, professora Ivoni Andrade (PMDB).As dirigentes do SINTESE fizeram uma exposição da visão da Instituição sobre a educação no município de Itabaiana. A professora Enivalda fez questão de informar ao prefeito que, “O tratamento que estamos recebendo da professora Edezuita (secretária de educação) tem sido excelente”. O que propicia um ambiente de respeito e possibilita que os problemas no setor educacional sejam discutidos com alto nível, objetivando encontrar as soluções.A professora Rita, solicitou um parecer jurídico sobre o prazo da Licença Maternidade. De acordo com a legislação nacional o prazo, para as administrações que não possuem previdência própria, é de seis meses. Na próxima sexta-feira, haverá uma reunião para tratar dessa questão e ajustar o entendimento entre SINTESE e Prefeitura.

 

Implantação do piso em Itabaiana II

Outro ponto levantado pelas dirigentes sindicais está relacionado à concessão da mudança de nível, dentro da carreira. “Tem professores reclamando que entregaram os requerimentos e ainda não estão recebendo esse benefício”. Informou a professora Rita. O procurador do município, Dr. André Maciel respondeu que “É preciso haver um parecer jurídico para tais situações, respeitando-se a legislação na administração pública, mas que irá observar a questão do prazo de análise de cada processo”. Sobre este assunto o prefeito Luciano Bispo informou que, “O que for direito dos professores é para ser pago, inclusive com efeito retroativo”.Sobre a concessão da redução da jornada de trabalho para os professores que têm filhos com necessidades especiais, o prefeito determinou a criação, na secretaria municipal de saúde, de uma Junta Médica para analisar e emitir os pareceres, o que garante o direito aos professores nessa situação. Este procedimento evitará que os professores tenham que ir buscar o relatório médico fora da administração municipal.Luciano Bispo aproveitou para esclarecer a situação, divulgada em entrevista da professora Rita, sobre a quantidade de servidores da escola do estreito. De acordo com a informação divulgada, a escola que possui apenas 50 alunos estaria com sete servidores. “Quando ouvi a senhora falando na Itabaiana FM, confesso que tomei um susto, pois entendi que estes sete servidores estavam sobrando na escola. Imediatamente mandei fazer um levantamento e na realidade, o que existe lá, é a regularização de um erro. Antes tinha um professor que estava desempenhado atividades administrativas, o que não pode. Por isso, nós colocamos um servidor administrativo lá”. disse Luciano. (Secom/Itabaiana).

 

Em 5 Assembléias, cota de gastos supera a da Câmara I

Matéria da FSP, de hoje, 09: Em pelo menos cinco Assembléias Legislativas do país, os deputados têm direito a uma cota de gastos que ultrapassa o valor da verba indenizatória da Câmara dos Deputados, que é de R$ 15 mil mensais.Alagoas é o Estado com o valor mais alto. Cada um dos deputados pode gastar até R$ 39 mil por mês com despesas de custeio -como combustível, telefone, transportes, divulgação e escritórios políticos. Em Santa Catarina, a verba é de R$ 38 mil. A seguir, vêm Paraná (R$ 27 mil), Minas (R$ 20 mil) e São Paulo (R$ 19,8 mil).A exemplo do que ocorre em Brasília, faltam mecanismos de divulgação e transparência dos gastos. Das 20 Assembléias que responderam à Folha, nenhuma divulga notas ou nome dos fornecedores. Só cinco Casas (SP, ES, DF, RS e BA) publicam nos sites o gasto mensal de cada deputado. Entre as outras, as direções dizem que a prestação de contas nos sites está em fase de regulamentação.

 

Em 5 Assembléias, cota de gastos supera a da Câmara II

Em Minas, cada um dos 77 deputados dispõe de R$ 20 mil mensais, além do salário de R$ 12.384 e de ajuda de custo de R$ 2.250 para moradia. É prevista indenização de gasto com manutenção de escritórios políticos, combustível, transporte, contratação de consultorias e até promoção de eventos.No Rio, a cota de gastos com custeio inclui despesas mensais com 3.000 selos de R$ 0,60 para cada deputado -o total de gastos é de menos de R$ 7.000.No Distrito Federal, a verba da Câmara Legislativa é usada até para pagar “escritórios de representação”. Lá, assim como em quatro Estados (AM, GO, PE e TO), a verba foi fixada num valor equivalente a 75% do da Câmara (R$ 11,2 mil).A maioria das Assembléias também concede ao deputado cotas para contratar funcionários comissionados. Em São Paulo, cada um dos 94 deputados pode gastar mais de R$ 86 mil com 16 servidores. Em Pernambuco, os sete integrantes da Mesa têm carro oficial.

 

AL de SE não respondeu questionamento da FSP

Em Estados como ES, MS, PA e SC, o modelo de gasto com custeio é diferente do adotado na Câmara. Cada deputado tem uma cota máxima mensal de gastos com o gabinete e para o exercício do mandato. Os pagamentos são feitos diretamente pela Assembléia e os políticos não recebem indenizações.A do Espírito Santo é uma das que mais limitam os gastos. A cota por deputado é de até R$ 7.800 por mês. No valor estão incluídos gastos com diárias, passagens, combustível, celular e correio. Em Mato Grosso do Sul, a cota é de R$ 25 mil. A transparência dos gastos com verbas indenizatórias provocou polêmica na eleição para o Congresso no mês passado. Pressionados, deputados e senadores ampliaram a divulgação da prestação de contas. As Mesas da Câmara e do Senado, porém, estudam acabar com a verba e incorporá-la ao salário.As Assembléias de sete Estados (AC, AP, CE, PB, SE, RR e RO) não responderam até sexta-feira aos questionamentos.

 

DO LEITOR

 

Tristes servidores públicos de Itabaiana

De um servidor público: “O sujo falando mal lavado. Esta é a conclusão que chego ao ler a nota na qual Luciano Bispo critica Maria Mendonça por não assinar o convênio com o governo do Estado. Caro prefeito, o senhor participou das reuniões promovidas pelo governo Estado em Aracaju, e concedeu até entrevista para uma emissora de televisão no final do mês de dezembro passado após o encerramento da última reunião. O senhor tinha conhecimento do fato, mas só agora percebeu a tragédia. Se Maria Mendonça não assinou o convênio, errou sim, e muito. Mas o senhor não ficou atrás. Ao contrário, os dois estão lado a lado. O senhor tomou conhecimento do convênio em dezembro, assumiu a prefeitura em janeiro, mas só agora percebeu a omissão da sua antecessora”.

 

Em Graccho tem políticos com Déda, torcendo por João…

E-mail recebido: “O pretensioso processo de cassação do mandato do governador Marcelo Déda, levado a cabo no TSE, de forma individual, pelo ministro Felix Ficher, apesar do PTB ter pedido sua extinção, está servindo para encher de esperança os aliados do ex-governador João Alves Filho. É surpreendente, para desmascarar falsos aliados do governador petista. Um exemplo gritante é Graccho Cardoso, onde o grupo da prefeita Crizabete e do seu esposo Moisés dos Santos não escondem a torcida pela “desgraça” de Déda. Como aliados históricos de João Alves, eles estão provocando nas ruas os petistas graquenses: “O Déda de vocês vai cair, João vai voltar e nós vamos indicar os cargos do Governo aqui”. Alguns vão mais além: “Déda vai cair, João não vai poder assumir e Ulices será o Governador. Aí a gente vai ver quem vai mandar nos cargos do Governo em Graccho Cardoso”. Vale lembrar que os alvistas de Graccho Cardoso foram colocados diante do governador Marcelo Déda pelas m ãos “acolhedoras” do deputado Ulices Andrade.E mesmo não tendo votado no atual governador, mas estando à frente da Prefeitura Municipal, não admitem o fato de não estarem indicando os ocupantes dos raríssimos cargos do Governo no município.Agora estão manifestando agouro ao Governador. Quem precisa de aliados como estes?”

 

Frase do Dia

Pagai o mal com o bem, porque o amor é vitorioso no ataque e invulnerável na defesa.” Lao Tsé.

 

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários