Festival de Cinema Francês Começa 5ª feira

0

Começa nesta quinta-feira, em Aracaju – e em todas as capitais dos estados – o Festival Varilux de Cinema Francês. Até o próximo dia 19 do corrente serão exibidos nada menos que dezesseis filmes da mais recente safra da produção da França. A exceção de “Cyrano de Bergerac”, de Jean Paul Rappeneau, com Gerard Depardieux e Annie Brochet, todos os filmes são inéditos nas telas brasileiras. Em Aracaju, os filmes serão exibidos numa das salas do Cinemark, do Shopping Jardins, e em horários especiais do Cine Vitória, que, como se sabe, fica na rua do Turista, no centro da cidade. Estão programados os seguintes filmes , com seus respectivos diretores: “”Amor a Segunda Vista”, de Hugo Gelin; “Asterix e o Segredo da Poção Mágica”, de Louis Cclichy e Alexandre Astier, animação; “Através do Fogo”, de Frederic Tellier; “Boas Intenções”, de Gilles Legrand; ”Cyrano, Mon Amour”, de Alexis Michalik, a nova versão do clássico “Cyrano de Bergerac”; “Dois Filhos de Joseph”, de Felix Moati; “Filhas do Sol”, de Eva Husson; “Finalmente Livres”, de Pierre Salvadori; “Graças a Deus”, de François Ozon; “Um Homem Fiel”, de Louis Garrel; “Inocência Roubada”, de Andréa Bescond e Eric Metayer; “O Mistério de Henri Pick”, de Remi Bezançon; “Meu Bebê”, de Lisa Azuelos; “O Professor Substituto”, de Sebastien Marnier; “Quem Você Pensa Que eu Sou”, de Sally Nebbou; “A Revolução em Paris”, de Laurent Laffite;. Na França, o recordista de público dos filmes selecionados é “Asterix e o Segredo da Poção Mágica”, que levou mais de 4 milhões de espectadores aos cinemas.

Operações de Créditos

O total de operações de créditos no Estado de Sergipe, em abril passado, totalizou R$ 18,6 bilhões. Em termos relativos, quando comparado com o volume de crédito concedido em abril do ano passado, observou-se elevação de 2,4%. No comparativo com o mês imediatamente anterior, março último. O total de operações apresentou estabilidade. Todas as variações descritas são em termos nominais, ou seja, sem considerar o efeito da inflação no período em análise. A concessão de crédito para as pessoas físicas chegou a R$ 14,5 bilhões, registrando crescimento de 8,3% no comparativo com o mesmo mês de 2018. Já no confronto com o mês de março deste ano, verificou-se aumento de 1,1%. Por sua vez, a tomada de crédito voltada para as pessoas jurídicas registrou acréscimo de 14,5%. Em relação a abril de 2018. Em comparação com o mês anterior, março último, verificou-se queda de 3,7%. Em termos absolutos, no mês analisado, as operações desse segmento ficaram em R$ 3,9 bilhões.

Saldo positivo nos Empregos

Houve saldo positivo de 649 vagas de emprego com carteira assinada no Estado de Sergipe, em abril deste ano. O resultado é fruto da diferença entre admissões (6.461) e desligamentos (5.812) no período. Das oito atividades avaliadas no mês analisado, cinco apresentaram saldo de contratações maior que o de demissões. O setor de serviços apresentou o melhor resultado, fechando o mês de abril com 553 novos postos de emprego. O setor de serviços industriais de Utilidade Pública (grupo que inclui as empresas responsáveis pela distribuição de serviços essenciais, como água e energia elétrica) gerou dezesseis ovas vagas de trabalho. Já a extrativa Mineral contabilizou dois postos de emprego. Os demais setores registraram saldos negativos, dentre eles o destaque foi para a indústria de transformação, com redução de 86 vagas de emprego. Na Agropecuária foram fechados 26 postos de trabalho, enquanto que na Administração Pública verificou-se o fechamento de apenas uma vaga, no quarto mês do corrente ano. Dentre os 13 município com mais de 30 mil habitante3s, cujos dados são disponibilizados para a análise, a Capital Aracaju assinalou a maior criação de empregos em abril deste ano, com a abertura ade 245 postos de trabalho.

As reformas do Atheneu

As obras de reformas do Colégio Atheneu Sergipense, agora denominado de Centro de Excelência, devem estar concluídas no segundo semestre do corrente ano. A informação foi repassada ao Secretário da Educação, Professor Josué Modesto dos Passos Subrinho, que visitou as obras de reforma na última sexta-feira. O Governo do Estado já investiu cerca de R$ 8,3 milhões de reais. A reforma já dura quatro anos. O Centro de Excelência Atheneu Sergipense conta hoje com mais de 900 alunos estudando em tempo integral. A Construtora ARS Empreendimentos do Brasil é a responsável pela execução dos projetos de reestruturação e modernização da centenária instituição de ensino. Mais de 80% dos serviços da reforma já estão concluídos. Entre os serviços operacionais e equipe técnica, cerca de 80 profissionais trabalham diariamente na execução dos projetos de requalificação do prédio escolar do Atheneu Sergipense. Com a reforma o prédio do Atheneu ganha sistema de ar condicionado em todos os ambientes internos, aí incluídos salas de aula e o refeitório, e a construção de novos e moderno laboratórios de química, física, matemática, biologia e informática. Enquanto aguardam a conclusão das obras, os alunos do Atheneu Sergipense frequentam as salas de aulas em outros dois colégios estaduais, sem prejuízo algum em relação a qualidade de ensino ofertada.

Comentários