O MUNDO DE HOJE

0

A violência no mundo é a tônica do momento, ela é tão constante, tão permanente em nossos dias, que nada mais nos comove.

 

O homem maquinizou-se, petrificou-se. O mundo fervilha, violenta a cada segundo o direito de vida da raça humana e onde encontrar as causas que fazem deste mundo, o mundo violento do hoje?

 

As causas são muitas sabemos, mas, de todas, três, se não são as principais, são facilmente mensuráveis e identificadas: A econômica, a formação do indivíduo e a comunicação.

 

ECONÔMICA –

A diferença de renda é um fator que estimula à violência. No mundo de hoje, o desemprego está presente em todos os países.

 

O desemprego impede o homem de ter pelas vias normais, atendidas suas necessidades básicas.

 

O mundo continua dividido entre países desenvolvidos e subdesenvolvidos. Os países mais ricos continuam a lutar para se tornarem mais ricos ainda, distanciando-se mais dos países subdesenvolvidos. A menor distância, levaria sem dúvida a uma melhor distribuição de renda, isto porém, não é meta dos homens que dirigem o destino do mundo.

 

FORMAÇAO DO INDIVÍDUO –

Neste tópico dois pontos são importantes e merecem destaque:

 

1o. – Com a emancipação da mulher ou em função de condições econômicas, a mulher deixou o lar, o acompanhamento direto da educação das crianças. Hoje os casais, por suas atribuições externas ao lar, não têm tempo de dar amor e ausência de amor gera violência.

 

2o. – Aliado a esta falta de amor, hoje a educação tem como base não contrariar para não complexar. Assim, na infância, no lar todos os desejos materiais são atendidos. O mundo, porém, não age assim. Os objetivos somente são atingidos com trabalho e luta. Esta diferença de tratamento gera violência.

 

COMUNICAÇÃO –

“Hoje o mundo é uma aldeia global”.

 

O mundo é cortado pela comunicação. E, assim, a todo momento, invade os nossos lares informações de que o mundo está à beira de explodir. São países em guerra; são raças em lutas insanas. É a institucionalização da violência.

 

A violência somente será reduzida e mesmo eliminada, se todos, sem exceção, agirem com amor, compreensão e justiça.

 

Analisando cada causa em si, podemos dizer que a violência poderia ser contida se fossem adotadas medias como:

 

ECONÔMICA –

 

Um diálogo franco entre os países desenvolvidos e subdesenvolvidos é necessário à subsistência. Ao progresso e ao desenvolvimento todos têm direito. Os esforços terão que ser somados ou multiplicados para que as diferenças sejam minimizadas. O mundo como um todo terá que se desenvolver, a fim de que seja garantido trabalho para todos. Porque com o trabalho pleno o homem não terá tempo nem interesse na violência.

 

FORMAÇÃO DO INDIVÍDUO –

 

O mundo em desenvolvimento. A riqueza melhor distribuída entre as nações e entre os homens, permitirá aos pais terem mais amor, compreensão e justiça na educação dos seus filhos. A eles será mostrado que a vida é uma eterna troca, somente recebe quem dá. O trabalho será sempre a razão maior.

 

A formação do homem, então será concebida de forma que o trabalho será sempre necessário para que se obtenha em troca: sucesso, riqueza, paz, harmonia e realização.

 

COMUNICAÇÃO –

 

O mundo com desenvolvimento para todos. A construção na certeza de um futuro cada vez melhor, fará com que sejamos sempre envolvidos por fatos que demonstrem serem constantes o amor, a compreensão e justiça do homem para com o homem.

 

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários