Remédios à base de cannabis: projeto de Mitidieri vale um mandato

0
Dados de uma matéria da UOL.

“O jornalismo é o exercício diário da inteligência e a prática cotidiana do caráter.” Cláudio Abramo.

O leitor sabe que este espaço não é de jogar confetes na classe política, mas quando algum político de Sergipe acerta e não sai nacionalmente com manchetes negativas – como aconteceu muito no ano passado – e sim em manchetes positivas o blog aplaude.

É o caso do Projeto de Lei 399/2015, sobre a liberação da produção de remédios à base de cannabis medicinal, de autoria do deputado sergipano Fábio Mitidieri. O blog parabeniza primeiro porque Mitidieri não ficou em cima do muro, como alguns fazem em matérias polêmicas e que dividem opinião muitas vezes por falta de esclarecimento da parte contrária.

No caso, a regulamentação no Brasil do uso da cannabis medicinal vem ganhando destaque e parte da imprensa vem derrubando conceitos errados como fez o Jornal Nacional na última terça-feira, 17, num ampla matéria que mostrou que a regulamentação já existe em dezenas de países e o uso por pacientes no Brasil, através da Justiça, como uma criança e uma idosa, que melhoram em muito por conta do uso do óleo da cannabis medicinal.

Já está comprovado que a cannabis é eficaz no tratamento de epilepsia, autismo, Alzheimer, Parkinson, dor neuropática e câncer. Como não está regulamentado, o seu uso ainda tem muitos preconceitos e os pacientes são considerados até mesmo “criminosos.” Fábio Mitidieri, com certeza, contou com o apoio do pai, Luiz Mitidieri, um médico humanista e experiente.

Tomara que este projeto tramite rapidamente. Ninguém está defendendo a liberação da maconha, como alguns radicais pregam.

O projeto de Mitidieri defende o direito à vida para milhares de pessoas que precisam usar a cannabis medicinal para viverem com dignidade.

Orlinha da Coroa do Meio: ao invés de cobrar da PMA reforma do local, empresário prefere chamar jornalista de irresponsável O blog volta a explicar a defesa que fez da mudança realizada pela SMTT  na orlinha da Coroa do Meio retirando um retorno que ficava próximo da curva. Ontem, 18, o blog recebeu um comentário arrogante de alguém que se identificou como empresário local. Outro empresário, foi educado, se identificou como Silvio do Pastelão e fez a crítica de maneira construtiva, inclusive enviando uma planta com o projeto para um retorno. Aquele local exige respeito e precisa de uma revitalização há muito tempo. São promessas e mais promessas e nada de concreto.

Revitalização da área Ao invés de chamar o jornalista de irresponsável, ele – que não se identificou – deveria cobrar da Prefeitura uma reforma em toda área que está totalmente abandonada  e com um aspecto deplorável. Dizer que o problema da queda dos clientes é por conta do retorno é esconder a realidade. Todos os bares da orla e de outros locais tiveram queda por conta da crise. Muitos fecharam não só na orla, mas em toda Aracaju.

Campanha para revitalizar a orlinha com o apoio da imprensa O titular deste espaço conhece o local e apoiará uma campanha dos donos dos bares para que a Prefeitura reforme a orlinha. É fácil conseguir um publicitário para preparar a campanha barato.

Emendas Procure os parlamentares federais para colocarem emendas. Cobre a promessa de campanha do atual prefeito, mas não pensem que um simples retorno resolverá o problema. Quem vai para um bar na orlinha não deixará de ir porque tem que fazer o retorno mais à frente. O problema é bem maior, por isso o blog não se furtará em ajudar.

No TRE/SE, situação do prefeito de Ilha das Flores é complicada E na última terça-feira, 17, o TRE/SE suspendeu o julgamento que pode cassar o mandato do prefeito de Ilha das Flores, Cristiano Beltrão, ou melhor Cavalcante (parece que retirou o sobrenome sonoro) porque o presidente do órgão, desembargador José dos Anjos, concedeu vistas às partes para manifestação sobre inconstitucionalidade ou não de dois recursos. Um jurista eleitoral consultado pelo blog analisou a situação como muito difícil para o prefeito.

Machado quer Maria como candidata a prefeita? Após reunião entre Edvaldo Nogueira, José Carlos Machado e a senadora Maria do Carmo, as redes sociais foram abastecidas com a informação de que “Machado quer Maria como prefeita.” Houve quem enxergasse nesse desejo de Machado, um recado de que não tem vaga no DEM para quem estiver desejando disputar a prefeitura de Aracaju pela legenda. O recado parece ter sido para o “Cancão.” Pelo jeito, Foguinho está fechando todas as portas que possam obstacularizar sua reeleição.

Rotativo AJU precisa de mais funcionários É preciso que a SMTT determine a empresa responsável pelo Rotativo AJU, no centro comercial que coloque mais funcionários. Tem muita gente que não usa o aplicativo por celular e, às vezes, vai no centro resolver apenas um problema e passa mais tempo para encontrar um funcionário já que os locais que vendem o tíquete são poucos. Os funcionários só aparecem na hora de multar ou chamar os agentes para guincharem os veículos.

Conta de água cara? Peça a instalação de uma válvula de bloqueador de ar O blog recebeu ontem, 18, a conta de água de um amigo que fez diferença. No mês passado foi de R$ 590,00. Ontem ele recebeu a nova de R$ 310,00 após a colocação de uma válvula de bloqueador de ar. Ou seja, a Deso vem ganhando muito dinheiro pelo ar que passa pelos canos de milhares de residência. Arrepare, Osmário!

Atenção Emsurb; carcaça de fusca com foco de dengue no Bairro Treze de Julho Os moradores da Rua Alvaro Silva, em frente ao número 139, entre as Ruas Celso Oliva e Vereador João Calazans que é um foco de dengue. Moradores já ligaram para a Emsurb e nada.

Grande leilão do TRT Hoje, 19, é o dia do grande leilão do TRT. Mais de 140 lotes de bens variados serão colocados a disposição do público para arremate. O pregão terá início às 8h30, no prédio amarelo do complexo do TRT, no bairro Capucho em Aracaju. O leilão ocorrerá simultaneamente, nas modalidades online e presencial.

Órgão comprou R$ 40 mil de livro sobre partido? E o blog foi informado que um órgão público teria comprado R$ 40 mil em de uma edição de um livro sobre a história de um partido. A denúncia chegou a outro órgão que está disposto a desmoralizar quem prega moralidade.

Prefeito só pensa em cavalos E o blog recebeu fotos de um prefeito em um recente leilão de cavalos fora de Sergipe. Os lances foram fantásticos. Enquanto isso o município está abandonado. Só pedindo música no Fantástico…

São Francisco: nova eleição E o pleno do TRE/SE decidiu por uma nova eleição no município de SÃO Francisco no próximo dia primeiro de dezembro. A eleição suplementar promete em um dos menores municípios de Sergipe.

“Chave de cadeia” E entre alguns gestores sergipanos a piada que corre é que uma mulher é “chave de cadeia”, porque os dois últimos maridos gestores acabaram com sérios problemas na Justiça e o atual está na linha do penalty. Vixe! Só pedindo socorro a Nossa Senhora da Purificação!

Licenças de 119 dias de Evando Franca vêm desgastando a Câmara de Aracaju O vereador Evando Franca, o “Primo” sempre fez política nos bastidores e nunca gostou de aparecer na mídia. Ele faz o chamado trabalho de “formiguinha”. Pois bem, há alguns meses o amigo Evando vem passando por sérios problemas de saúde. E já tirou algumas licenças de 119 dias na Câmara e com isso (faltando apenas um dia) o suplente não assume. Esta semana o vereador Elber Filho levantou o problema de ordem jurídica. Ninguém é contra Evando, mas na atual situação ele precisa descansar.Por isso Elber pediu que ele passe por uma perícia e, se necessário, entre numa licença para o suplente assumir. “Não dá para está casa ficar com um vereador a menos renovando licença de 119 dias”, bradou Elber lembrando que todos não podem errar por omissão.

Itabaiana: prefeito continua dando exemplo. Pagará professores dia 20 Na contramão do que vem ocorrendo na maioria dos municípios, Itabaiana saí na frente ao anunciar a antecipação do pagamento dos professores da rede municipal de ensino para o próximo dia 20. Os pagamentos que desde o início da administração do prefeito Valmir de Francisquinho eram feitos no dia 22, em setembro terão nova data.

Organização financeira “Nós temos um município organizado financeiramente que tem a condição de antecipar os salários do magistério. Além disso, estamos recuperando a regência de classe dos professores e seguindo rigorosamente o piso nacional do magistério estabelecido pelo MEC”, destaca o gestor itabaianense, Valmir de Francisquinho.

Regência A regência de classe é um percentual destinado a todos os professores que estão atuando em sala de aula. Em administrações anteriores, os professores da rede pública de ensino de Itabaiana tiveram a regência retirada. Desde o mês de agosto, ela está reajustada em 5%, uma conquista que garantiu a comemoração da categoria.

Piso O piso nacional do magistério, estabelecido em R$ 2.577,74, é pago e reajustado anualmente pela prefeitura de Itabaiana desde o ano de 2013, primeiro da atual gestão. Valmir também antecipa que em 2020, os professores poderão contar com um novo aumento. “Essa foi uma promessa da nossa primeira campanha e a seguiremos rigorosamente até o ultimo dia do nosso mandato”, finaliza Valmir.

Programa de Apoio ao Profissional do Campo O deputado federal Fábio Reis (MDB/SE), vice-líder do partido, apresentou na terça-feira (17), indicação ao ministro da Economia, Paulo Guedes, para a criação do Programa de Apoio ao Profissional do Campo, por meio do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Linha de crédito A proposta é que haja uma linha de crédito específica para o profissional que atua na área rural, pois de acordo com o deputado, os programas que atendem o setor, como o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor Rural (Pronamp) e linhas diversas de créditos e microcréditos, não alcançam todos os trabalhadores.

Extensão “A expressão homem do campo tem sido historicamente ligada apenas ao pequeno agricultor, inseridos no contexto da agricultura familiar. A minha sugestão ao BNDES é que o Programa de Apoio ao Profissional do Campo seja uma linha de crédito que atenda aos profissionais já estabelecidos, como professores, cabeleireiros, advogados, caminhoneiros, pedreiros. Profissionais que resistiram ao êxodo rural e permaneceram no campo”, disse Fábio Reis. De acordo com o deputado, dos 210 milhões de brasileiros, cerca de 15% vivem no campo. No Nordeste, o percentual é ainda maior.

Trâmite Fábio Reis criticou a extensa burocracia necessária para ter acesso a qualquer tipo de financiamento concedido pelos programas de incentivos. Segundo ele, as exigências solicitadas são um desestímulo à aquisição do benefício. “Para que o Programa funcione, ele deve ser antes de tudo, inovador na simplicidade e desburocratização dos processos. Espero que este novo momento do Brasil e as novas mentes que conduzem a economia do País sejam sensíveis aos anseios e necessidades dos que atuam na zona rural, o que certamente fará uma grande diferença”, concluiu Reis.

Fechamento da Petrobras em SE: Luciano Pimentel reafirma preocupação Desde o primeiro mandato, o deputado estadual Luciano Pimentel tem alertado sobre o possível encerramento das atividades da Petrobras em Sergipe. Ontem, 18, durante debate na Alese sobre o assunto, o parlamentar reafirmou sua preocupação com o tema e ressaltou que o fechamento da sede administrativa da empresa, previsto para 2020, atingirá em cheio a economia sergipana.

Dados “Durante quatro anos eu apresentei, nesta Casa, dados que mostravam uma queda constante nos investimentos da Petrobras em Sergipe. Por vezes eu frisei que se nada fosse feito, iríamos nos deparar com uma situação como essa apresentada hoje. Falta de aviso não foi”, enfatizou.

Política de desinvestimento Usando a metáfora do sapo que se deixa morrer quando é posto em água fria e ela começa a ferver, Luciano Pimentel asseverou que há tempos a empresa sinaliza o fim dos trabalhos em Sergipe. “Nós demonstramos com números essa política de desinvestimento e a diminuição substancial e progressiva da contribuição dos royalties da Petrobras no Estado. Insistimos no assunto por saber que esses números certamente seriam utilizados como justificativa para saída da empresa de Sergipe”, disse o deputado, complementando.

Inviável “A cada ano a produção e o investimento caíam. Estava claro que chegaríamos a um ponto em que a Petrobras iria afirmar ser inviável se manter em Sergipe, devido aos custos operacionais e os baixos índices produtivos. Mas é preciso frisar que tudo isso foi uma coisa extremamente planejada”, salientou. Segundo Luciano Pimentel, além de uma série de exposições acerca da temática, ele participou de reuniões na Petrobras e até protocolou um requerimento convidando o superintendente da empresa em Sergipe para explanar sobre o futuro da companhia no Estado.

Convite “Convidei o superintendente, ele não compareceu. Acompanhado do presidente da Alese, Luciano Bispo, estive por duas ocasiões na Petrobras onde debatemos quais seriam as perspectivas para Sergipe. Nessas duas oportunidades, ouvimos que não havia motivo para preocupação e os investimentos seriam retomados. O que não ocorreu”, pontuou.

Mobiização De acordo com o parlamentar, se não houver uma mobilização para reverter esse quadro, os prejuízos para o Estado serão grandes. “Além de impactar diretamente a vida dos trabalhadores, que precisarão deixar sua rotina e mudar para o Rio Janeiro e Espírito Santo, o fechamento da unidade administrativa será um caos para economia de Sergipe. São mais de dois mil empregos diretos, fora os indiretos, com um nível salarial acima da renda média sergipana e que representava um incremento significativo para o Estado”.

Encontro de escritórios Deu no Valor: O Centro de Estudos das Sociedades de Advogados (Cesa) promove no dia 04 de outubro, em Fortaleza, o III Encontro das Sociedades de Advogados do Norte e Nordeste. Dentre os debates estão temas como compliance nas sociedades de advogados, gestão e inovações tecnológicas, além da LGPD. Mais informações podem ser obtidas em http://bit.ly/EncontroNorteNordeste . O Cesa é uma associação civil sem fins lucrativos, constituída por sociedades de advogados inscritas na Ordem dos Advogados do Brasil. Está presente em todo o país e conta com mais de 1000 sociedades inscritas.

Excelente iniciativa: governo adere as ações do mutirão nacional de plantio de árvores O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade (Sedurbs), e da Superintendência Especial de Recursos Hídricos e Meio Ambiente (SERHMA), aderiu ao Mutirão Nacional de Plantio de Mudas de Árvores, em comemoração ao dia da árvore, que acontece em 14 estados brasileiros. O mutirão para plantio e distribuição de mudas nos municípios sergipanos é realizado entre os dias 16 a 29 de setembro.

15 municípios O projeto inclui a oferta e a entrega de mudas para os 15 municípios sergipanos que aderiram à ação. A ideia principal é plantio de árvores nas praças, ruas, quintais, propriedades rurais, áreas degradadas, às margens de rios. São eles:; Aquidabã, Aracaju, Arauá, Canindé do São Francisco, Capela, Carmópolis, Divina Pastora, Gararu, Itaporanga D’Ajuda, Laranjeiras, Pirambu, Nossa Senhora das Dores, Nossa Senhora do Socorro, Rosário do Catete e Telha, que também aderiram ao projeto Arborizar – SE.

Cinco mil mudas “Nós temos a expectativa que seja plantada por volta de cinco mil mudas só em Sergipe, por esse projeto, juntando ao Arborizar-SE, que visa resgatar o bioma das cidades sergipanas e inseri-lo à paisagem urbana das regiões o que contribui para mudar o quadro atual de arborização dos municípios e preservar nosso meio ambiente”, explica o superintendente de recursos hídricos e meio ambiente, Ailton Rocha.

ESPECIAL/TV SERGIPE – Em respeito aos colegas

TV Sergipe: blog deu um resguardo ao novo comando, mas problemas não foram sanados

Desde o início de 2018 que a TV Sergipe tem novas donas. Depois de alguns problemas iniciais o blog deu uma espécie de resguardo por quase um ano para o novo comando se adaptar. Recebeu criticas até de alguns colegas porque não divulgou reclamações com a esperança que o novo comando iria colocar a casa em ordem e melhorar as condições dos funcionários. Alguns dos vários relatos recebidos;

As coisas na TV Sergipe vão de mal a pior

“O processo de demissões aleatórias voltou a acontecer e nós profissionais estamos sofrendo com ações deliberadas da direção que não tem apresentado resultados. Não bastou demitir um funcionário por que reclamou do ar-condicionado, já aconteceram casos piores de colegas surtarem e desaparecerem ou simplesmente por uma reclamação da carga de trabalho serem mandados para a rua.”

Redução plano de saúde 50%

“Nós funcionários estamos preocupados: a diretoria quer não mais cobrir 50% do plano de saúde. Só quer pagar 50% do plano básico.”

Perda de qualidade

“Até tecnicamente os programas estão perdendo qualidade, pois os trabalhadores do jornalismo, bem como dos outros setores vivem sobre pressão constante mediante ameaças veladas de demissão.”

Sindicatos jornalistas e radialistas omissos

“Os dois sindicatos, radialistas e jornalistas seguem em condição completa de omissão e não nos dão suporte para nada. Vem na emissora, batem papo e vão embora sem nenhuma solução para os nossos problemas. Os equipamentos estão velhos, desgastados ou quebrados mesmo, para sair pra alguma ação somos condicionados a pegar táxis, como uma medida de economia que só fez encarecer os custos. Não temos mais uma viatura para fazer adequadamente nossos trabalhos,”’

Qualidade das produções

“As medidas são tomadas por um diretor que não se preocupa com o operacional, somente com o setor dele mesmo e isso está refletindo na qualidade das produções. “’Até pessoas que deveriam estar afastadas por acidente de trabalho estão sendo forçadas a trabalhar. A bem da verdade, o desempenho da equipe é o melhor possível, pois está longe do padrão de qualidade que teve antes.”

Lei da mordaça

“As medidas só servem para proteger quem está de férias constantemente, já que sua imagem vale mais que o trabalho que não executa e quando está longe não faz falta, os jornais estão sendo feitos de maneira quase igual aos anos 80 e estão virando conversas de salão de beleza. Mas a lei da mordaça está imperando na vênus platinada de Sergipe e ninguém pode falar nada sobre isso.“

Saudades de Albano

“Que saudades de doutor Albano, que jamais deixaria as coisas chegarem ao nível de ter que pedir uma bateria emprestada com os colegas da coirmã para não ficar sem fazer imagem nas ruas. Existem vários problemas operacionais, mas hoje a TV foi trocada pela rádio porque lá se investe, já que o diretor influenciador das decisões só pensa no negócio que dá dinheiro sem muito gasto. Está difícil e muito ruim trabalhar num lugar em que tivemos esperanças de renovação com a mudança de propriedade, mas as coisas somente desandaram. A gente era feliz até 2017 e não sabia.”’

Esclarecimentos e direito de resposta

O blog está aberto para esclarecimentos e o devido direito de resposta da direção da TV Sergipe. Agora para o leitor entender: ontem, 18, após o blog divulgar no twitter a  chamada para a edição de hoje, entre as manchetes a da TV Sergipe, foi informado que um jornalista estava querendo explicar antes mesmo da divulgação e querendo colocar a Infonet no meio. Enquanto isso o blog recebeu várias mensagens de funcionários da TV agradecendo antecipadamente. Os relatos dos colegas falam mais do que tudo.

Sobre a possível mudança do plano de saúde

Ontem o blog foi informado pelo ex-presidente Paulo Souza e atual diretora de comunicação do SINDIJOR, que o sindicato tomou conhecimento da possível mudança no plano de saúde e o novo presidente, Edmilson Brito se reuniu também ontem com o jurídico da TV Sergipe e deixou  claro que não permitirá nenhum desrespeito à Convenção Coletiva de Trabalho dos Jornalistas/Jornalismo. Inclusive na próxima terça haverá uma reunião no SINDIJOR com os funcionários da TV para o devido esclarecimento da possível mudança e medidas a serem tomadas pelo sindicato contra a TV. Portanto, o SINDIJOR foi, é e sempre continuará vigilante em defesa da classe jornalística. Ele lembrou que nas duas gestões dele o SINDIJOR nunca foi omisso aos problemas da TV Sergipe e nenhum veículo de comunicação no estado toda vez que foi acionado, inclusive ganhando ações na justiça, problemas com os ares-condicionados, a identificação dos táxis que transportam as equipes e outras ações.

Obs: a omissão dos dois sindicatos, assim como tudo publicado acima são relatos  dos colegas. 

PELO ZAP DO BLOG CLÁUDIO NUNES – (79) 99890 2018

Aracaju: o nó no trânsito e as saídas Por Antônio Samarone: Em agosto de 2019, no mês 8passado, Aracaju possuía uma frota de 350 mil veículos, para uma população estimadas em 650 mil habitantes. Um veículo para cada duas pessoas, aproximadamente. Se desconsideramos os menores e os idosos acima de 80 anos, sobrará quase um veículo por habitante. Sem contar com a frota da Grande Aracaju, que roda a maior parte do tempo por aqui. O grande nó passou a ser a fluidez. De nada serve o potente e confortável veículo se ele não anda. A velocidade média de 10 Km/hora. O que fazer?” A leitura continua aqui.

Piba 106 anos: Uma igreja Proclamadora A Primeira Igreja Batista de Aracaju (Piba) ao longo dos anos mostrou ser uma igreja proclamadora do Evangelho ao formar diversas igrejas tanto na capital como no interior de Sergipe. A Palavra de Deus recomenda cumprir o “ide” e sem dúvida a Piba vem cumprindo o seu propósito. Celebraremos, no dia 19 de setembro de 2019, 106 anos alicerçada na Palavra de Deus. Para celebrar a data será realizado nesta quinta-feira, 19, às 19h30, em sua Sede, localizada na Rua Lagarto, 646, Centro, um culto com apresentação especial do Coral Vozes de Sião e pregação com o pastor Isaías Andrade Lins da Igreja Batista dos Mares Salvador/BA. A Piba tem sua história permeada por lutas e inúmeras vitórias, através da vida dos seus pioneiros que deixaram um exemplo e um legado de amor a Cristo e compromisso com a obra de Deus. O objetivo da igreja é manter cada vez mais o espírito missionário alcançando novos campos e formando mais igrejas para que a obra do Senhor se cumpra e vidas sejam salvas em Cristo Jesus. Em tempos difíceis onde a fé de muitos esfriou, a Piba continua olhando para Cristo e prosseguindo a sua caminhada cristã de proclamar o Evangelho para toda a criatura.

 

Dia Mundial de limpeza de rios e praias: Aracaju fará parte

Estimativas apontam que até 2050 haverá mais plástico do que peixes nos oceanos. Um dado preocupante que precisa ser discutido todos os dias. Só para se ter uma ideia: muitos dos animais atendidos pela Fundação Mamíferos Aquáticos apresentam problemas por terem interagido com o lixo. Alguns se machucam, outros confundem com comida e acabam ficando doentes e até morrendo.

No próximo sábado (21/09), as equipes do Projeto Viva o Peixe-Boi Marinho – realizado pela Fundação Mamíferos Aquáticos e patrocinado pela Petrobras por meio do Programa Petrobras Socioambiental – estarão reunidas em Aracaju para refletir e discutir o tema com as comunidades locais e promover o International Coastal Cleanup Day, o Dia Mundial de Limpeza de Rios e Praias, evento que acontece em diversas praias do mundo, coordenado pela ONG Ocean Conservancy. Na capital sergipana, a concentração será às 8h, na praia de Aruana, em frente ao Solarium Bar e Restaurante.

Todos podem participar. A orientação é para que os voluntários usem um calçado confortável, boné, roupas leves, passem protetor solar e tragam a sua garrafa de água. Os participantes percorrerão 1 km de praia. O material coletado durante o percurso será pesado e passará por gravimetria. Tudo será anotado. As informações serão encaminhadas para a Ocean Conservance, que compilará o resultado de todos os voluntários do planeta e enviará para o banco de dados mundial da ONU. Ao final do evento, haverá a divulgação dos resultados, um lanche coletivo, atividades recreativas, aula de funcional e apresentações culturais.

O Projeto Viva o Peixe-Boi Marinho – realizado pela Fundação Mamíferos Aquáticos e patrocinado pela Petrobras por meio do Programa Petrobras Socioambiental – é uma estratégia de conservação e pesquisa para evitar a extinção da espécie no Nordeste do Brasil. Atua nas áreas de pesquisa, tecnologia de monitoramento via satélite, manejo, educação ambiental, desenvolvimento comunitário, fomento ao turismo eco pedagógico e políticas públicas. Em Sergipe e na Bahia, monitora diariamente, sensibiliza a população e cuida da conservação do peixe-boi marinho “Astro”, o primeiro da espécie a ser reintroduzido no Brasil. Para acompanhar as ações e atividades do Projeto, acesse: www.vivaopeixeboimarinho.org e @vivaopeixeboimarinho (fanpage e instagram).

 

PELO E-MAIL E FACEBOOK

 

A biografia de José Leite, resenha do livro de Dilson Barreto Por Antônio Samarone

Não se escreve uma biografa em vão. Biografa-se com finalidades precisas: exaltar, criticar, demolir, descobrir, renegar, apologizar, reabilitar, santificar, dessacralizar. O livro do economista Dilson Barreto, sobre a vida de José Rollemberg Leite, procura construir a memória de um personagem da vida pública sergipana. Criar uma narrativa!

Sergipe, do ponto de vista nacional, é um estado desprovidos de grandes nomes na política. Ressalvando-se Olímpio Campos, Fausto Cardoso, Leandro Maciel e o General Maynard, mais um ou dois, a vida pública sergipana foi dominada por líderes discretos, de pouco destaque fora da Província.

O economista Dilson Barreto escreveu uma biografia política, muito próximo de um livro de história. Fui procurar sobre a vida pessoal, a intimidade do biografado, e não encontrei muita coisa. As informações sobre a vida privada, são frias, objetivas, uma espécie de Curriculum vitae ampliado. Passa-se a impressão que ele já nasceu como um homem público. O livro é uma parte da história política do PSD em Sergipe.

Mesmo quando o autor trata das festas de São João, onde o biografado aparece como amante das canjicas e manauês, feitas em fogão a lenha, a narrativa serve apenas para torná-lo mais popular, pelo menos no fundo, bem no fundo. Não se fica sabendo quem era José Leite, na vida privada. Talvez o autor tenha respeitado o recato da aristocracia sergipana.

Uma fato singelo despertou o meu interesse provinciano e bairrista: José Leite se casou em Itabaiana, em 15 de julho de 1939, com D. Maria de Lourdes Silveira Leite, irmã de Zeca Mesquita. Nos em Itabaiana acreditamos, que por isso, tivemos um Ginásio no início da década de 1950. Esse fato mudou a vida de muita gente, inclusive a minha. José Leite levou o ensino secundário para Itabaiana.

A vida privada é contada no que ela se relaciona com a vida pública. Por exemplo:

Uma passagem na página 93 é esclarecedora: “No ano de 1928, agora com 16 anos, José Rollemberg Leite encerra a segunda etapa de sua jornada intelectual, recebendo uma educação alicerçada no rigor da disciplina e elevado nível de conhecimento. Decorrente de sua rígida educação doméstica, sempre se destacou como uma aluno responsável, dedicado aos estudos e cumpridor de seus deveres de estudantes.”

Aqui estão assentados os pressupostos da imagem do homem público José Leite, que o autor quer transmitir para os leitores e para a memória. Essa imagem já é em parte difundida pelo senso comum: de um homem preparado, justo e honesto.

A ideia de glorificar os feitos e realizações dos governantes remonta às primeiras civilizações da Antiguidade.

Mesmo o autor se auto considerando um admirador prévio do biografado, o livro não distorce, e procura fundamentar as interpretações. O livro não entra no pantanal da apologia, gênero tão comum em Sergipe del’ Rey. Seria injusto colocar o livro na categoria das hagiografias.

Por exemplos, alguns fatos polêmicos do primeiro governo José Leite são enfrentados:

O assassinato do militante Anísio Dário, o espancamento do jornalista Fragmon Carlos Borges e os atos de violência contra José Onias, líder udenista de Propriá, no inicio do primeiro Governo José Leite, são atribuídos ao Secretário de Segurança Pública, João de Araújo Monteiro, o temido Monteirinho, e a “mão pesada” do Comandante da Polícia, Djenal Queiroz, que recebiam ordens diretamente do Presidente Eurico Gaspar Dutra.

Na versão do livro, José Rollemberg Leite sai isento desses episódios de violência.

Por outro lado, José Rollemberg era acusado de fazer “vistas grossas” ao comunismo, pela opção política do seu irmão, Márcio Rollemberg Leite, promotor público, simpatizante do credo vermelho, ligado ao PCB.

No mais, a biografia exalta os feitos dos governos José Leite, em especial, a sua honradez na participação na vida pública. O livro ressalta as virtudes do biografado, um técnico que atuou na política, um homem de grandes virtudes morais. O livro também é uma prestação de contas da vida pública de José Leite, numa versão autorizada
.
Como biografia é uma bom livro de história. Sem a pretensão cientificistas, os fatos citados são devidamente referenciados.

Em síntese, o livro vale a pena ser lido. Está bem acima da média das biografias locais, geralmente bajulatórias. É uma pesquisa de folego, que terá grande valia para os interessados na história política de Sergipe. Cada um que faça a sua leitura.

PELO TWITTER

www.twitter.com/Sen_Alessandro Tivemos hoje a felicidade de receber o
@SenadorKajuru como novo membro do @23cidadania Estiveram presentes no ato solene de filiação o presidente do partido, @freire_roberto e a Senadora @elizianegama

 

www.twitter.com/CFcomunicologo Muitos funcionários da obra de recapeamento da Av. Beira Mar estão trabalhando sem máscara. Além do forte calor climático, mais temperatura elevada do piche/asfalto, também inexiste parte do EPI – Equipamento de Proteção Individual. Mais saúde para os trabalhadores.

www.twitter.com/BlogClaudioNun   De um gaiato atento: “Esses dias, vi um aviso no elevador do prédio da minha sogra sobre uma manutenção da Sergas, das 15 às 16 horas. De pronto, pensei: se fosse a prefeitura, seria das 11 às 13 horas. Na hora do almoço, para chamar a atenção!”

www.twitter.com/FilhoJlHj, no SETV 1, o microfone do jornalista se desmontou em enquanto ele fazia uma reportagem ao vivo na rua. O microfone parecia uma sucata.

Siga Blog Cláudio Nunes:

Instragram

 Facebook

 Twitter

Frase do Dia
“Tem gestor que se perdeu quando ficou rico. A soberba apoderou-se de sua alma.” Frase no imaginário de alguns cidadãos em meio a um trânsito caótico.

Comentários