São Pedro encerra festejos juninos

0

O ciclo dos festejos juninos de 2020 vai se encerrando hoje com a queima de fogos em homenagem ao São Pedro. As festas do mês de junho se abem com o dia de Santo Antônio, prosseguem com o dia de São João e terminam com o dia de São Pedro. Este ano, porém, os festejos dos três santos foram quebrados devido a crise da pandemia que há 3 meses assola o País. Até a venda de comidas típicas foram prejudicadas pelos problemas causados pela pandemia. O São João teve o feriado antecipado quebrando o encanto das noites juninas. Até a venda do milho, tradicional neste mês de junho, foi fraco nos mercaos da cidade. O sergipano, porém, não deixou passar em branco o dia de São João como certamente vai se lembrar hoje do dia de São Pedro. Faltaram, porém, as quadrilhas que sempre animaram as noites juninas. Tem problema, não, no próximo ano a gente volta a animar os festejos juninos…

A conta gotas

A retomada das atividades comerciais em Aracaju anda muito lenta.O Governador Belivaldo Chagas, a cada semana, libera poucas atividades, sempre tendo por desculpa que é preciso fica prevenido contra o corona-vírus. Muitos outros Estados estãoliberando o comércio, embora em alum caso tenha sempre que voltar atrás. Na verdade, o governo de Sergipe teme colapsar a nossa fraca rede de saúde por isso vai liberando as atividades comerciais a conta gotas.para desespero dos empresários…

Metade do ano já se foi 

Hoje é 29 de junho e amanhã, dia 30, encerra-se o mês dos festejos juninos. Metade do ano, já se foi. Vamos agora viver os últimos seis meses de 2020. Metade do ano já era, portanto.

A Câmara de Vereadores

Quem acompanha as atividades legislativas, na Capital, fica impressionado com a pouca movimentação na Assembleia Legislativa contrapondo-se ao movimento dos vereadores. Na Câmara Municipal de Aracaju há uma movimentação incessante o que mostra um Legislativo vibrante. Mesmo que as sessões sejam remotas – isto é, não presencial – há sempre uma movimentação fora do comum, com os vereadores participando de ótimas discussão em torno dos problemas locais e estaduais. Fica-se agora no aguardo das sessões tradicionais o que dará maiores oportunidades aos vereadores de aparecerem na defesa da coisa pública. Já há quem aposte que no dia 15 de julho próximo, os legislativos serão autorizados a funcionar normalmente. É aguardar para ver…

Pouco movimento 

Os hospitais e clínicas de atendimento tiveram atendimento leve este ano. O Pronto Socorro principal da cidade atendeu pouca gente mesmo nos dias das festas principais como o São João. Só para se ter uma ideia o Pronto Socorro atendeu apenas cinco pessoas, e assim mesmo nada de grave.

O ano letivo 

O Governo do Estado já estuda o que fazer do ano letivo de 2020. Há mais de três meses sem aulas presenciais, retomar as aulas no segundo semestre deve ser objeto de intensos debates, Há quem defenda dentro do governo fazer um segundo semestre intensivo, intenso com aulas direto até o final do ano.

Acidente doméstico 

Nesta segunda-feira completam-se oito dias que o escriba não atualiza este coluna, por culpa de um acidente doméstico que o retirou de circulação por oito dias. Um escorregão no banheiro levou-o a um choque com o boxe da minha casa. Isso aconteceu as 5h10 da manhã e fiquei desacordado por algum tempo. Fui socorrido às oito horas da manhã e levado ao hospital da Unimed onde durante o resto do dia fui medicado. Levei dez pontos na testa e só sai do hospital por volta das onze horas da noite. No resto da semana foi para cuidar dos ferimentos que sobraram. Um estrago considerável. Mas, felizmente escapei, livre, leve e solto. Agora, é torcer para o incidente não mais se repetir….

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários