Sindicalismo, greve e exposição

0

Há uma espécie de neo-sindicalismo que tomou conta dos sindicatos sergipanos. Aliás, talvez não seja tão novo assim para receber essa qualificação: talvez seja apenas uma versão perversa do que se chamava de “sindicalismo de resultados”. A tradução desse tipo de sindicalismo é a seguinte, em termos mais populares: vale-tudo para obter resultados, e os reais interesses dos cidadãos só valem como discurso, mas não devem ser levados em conta na hora de definir as ações sindicais, a não ser para pressionar governos.

 

Veja-se o caso dos médicos da Prefeitura de Aracaju. Esperaram o carnaval passar e marcaram para ontem, 26, uma paralisação de 24 horas e prometem uma outra na próxima semana. Claro, se vários médicos usaram isso como desculpa para faltar ao serviço público após o feriado prolongado, isso não é problema para o sindicato. Azar da população, que o povo é sempre que se lasca mesmo, e vamos todos botar a culpa no prefeito. Agora, a frase dos médicos vestidos com a roupa do movimento é “a saúde merece respeito”. Mas com esse tipo de greve, há algum tipo de respeito?

 

Não apenas por coincidência, na próxima semana acontecerá uma greve dos professores. Aí, claro, a culpa será do governador. Os cidadão, minimamente preocupados com a questão da educação pública, sabem perfeitamente que se o sindicato levasse à Justiça a tese deles sobre a ilegalidade do cumprimento do piso salarial talvez não precisasse nem ter greve. Mas porque o Sintese não age assim? Por que, é claro, sem a greve não há a exposição pública das lideranças políticas que adoram incitar a greve contra governos, mesmo quando curiosamente, fazem parte do tal governo também.

 

Veja que os agente penitenciários estão evoluindo na prática sindical: desta vez, não fizeram greve  nos feriados. A população agradece. É preciso que os sindicatos dos servidores públicos passem a ter consciência que o serviço público prestado ao cidadão não depende só dos governantes de plantão. Eles exigem dedicação e responsabilidade também dos servidores, dos mais humildes aos mais qualificados. E por esse motivo – a responsabilidade cidadão dos servidores – que eles têm a garantia constitucional, assegurada pelo povo brasileiro, da estabilidade no emprego.

 

Concursados da SEED

Os aprovados no concurso da Secretaria de Estado da Educação que tomaram posse no início de dezembro de 2008 ainda não receberam um só centavo. A promessa era que com três meses receberíamos tudo, mas até agora nada. Muitos deixaram seus empregos e estão pegando dinheiros emprestados.

 

PRTB com José Rivaldo

Quem assumiu o controle do PRTB, foi o ex-deputado estadual José Rivaldo Santos. O novo dirigente disse que pretende ampliar o número de diretórios municipais e que deve ser candidato a uma das vagas do Senado Federal.

 

Hoje é dia da “Sopinha” da SMTT

E os moradores do conjunto Sol Nascente pedem para que este espaço não esqueça: hoje, 27, sexta-feira é dia do bar Rei da Sopa, colocar mesas na calçada e fechar a rua, com a complacência da SMTT, diga-se, Antônio Samarone de Santana. Vários moradores já apelaram para tudo que têm direito e nada. As autoridades fecham os olhos para um problema grave, que é o respeito de ir e vir de cada cidadão e o silêncio já que o bar tem som alto até a madrugada. Como Samarone é candidato a deputado estadual, resta os moradores esperarem o próximo ano quando o pedetista for ao conjunto pedir votos. E viva a sopinha…

 

Igreja também descumpre a lei

Até a igreja  católica descumpre a lei. De sexta a domingo no hórário de 18 a 21 horas, aproximadamente a praça é utilizada como estacionamento durante a celebração da  missa, pois as ruas são estreitas e não cabem todos os veículos. Quem mora nas proximidades, quando chega em casa não consigue entrar, tendo que esperar o final da missa para colocar o seu veículo na garagem. O pior de tudo isso é que a praça vive em constante reforma, devido não estar preparada para servir de estacionamento. Caso a SMTT venha, a partir de agora organizar o trânsito na área do Rei da Sopa, não custa nada dar uma passadinha na praça principal do conjunto, onde das 18 as 21 horas de sexta a domingo não existe lei de trânsito para os fieis da Igreja Católica. Sem contar que a mesma igreja tem um salão de festa que incomoda bastante aos moradores da área.

 

Plano de investimentos da Petrobras em Sergipe

Um ambicioso plano de investimentos será mantido envolvendo ações em parceria com o Governo do Estado para promover benefícios sociais e de infra-estrutura, além de capacitação em diversos municípios sergipanos. Essa iniciativa foi discutida nesta quinta-feira, 26, durante uma reunião entre a diretoria da Petrobras e o governador Marcelo Déda no Palácio dos Despachos.Segundo o governador, um dos aspectos mais importantes destacados na reunião é que, apesar do quadro de instabilidade econômica, a Petrobras assegurou que irá manter todos os investimentos previstos para Sergipe até 2013, totalizando recursos da ordem de R$ 3,5 bilhões em investimentos de exploração e produção de petróleo nos municípios sergipanos. “Ouvimos do gerente–Geral, Eugênio Dezen, detalhes do plano de investimentos, e ficamos felizes em saber que a empresa manterá na íntegra o que fora planejado, sem o corte de nenhum dos empreendimentos previstos para Sergipe”, relatou o governador.

 

Licenças Ambientais

O gerente-Geral da empresa, Eugênio Dezen, também informou que alguns dos projetos previstos sofreram atrasos devido a problemas na obtenção dos licenciamentos ambientais. Ainda segundo o governador, este problema será atenuado a partir da abertura de um escritório do Ibama em Sergipe, especializado no licenciamento de obras e investimentos na área de petróleo e gás. “Esta foi uma reivindicação que nós fizemos ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva e que foi deferida”, destacou Déda. Ele explicou que esse escritório atenderá às solicitações das referidas licenças ambientais para ações da Petrobras em todo o norte e nordeste do país. “Isso irá descentralizar o processo e agilizar a concessão de licenças que estão hoje completamente concentradas no Rio de Janeiro”, salientou Déda. (ASN).

 

Elisânio representará SE no Congresso do CBC

O médico Elisânio Cardoso será o representante do Capítulo Sergipano de Cirurgia no Congresso Brasileira da especialidade que acontecerá em junho em São Paulo. O evento é promovido pelo Colégio Brasileiro de Cirurgiões. Elisânio participará como debatedor da mesa redonda “Hérnias”, abordando o tema “Hérnias epigástricas”. A comunicação foi feita ao Informativo Dialogando pelo Mestre do CBC-Sergipe, Marcos Prado Dias.

 

Itabaiana: mínimo em fevereiro

A prefeitura de Itabaiana, região agreste de Sergipe, estará pagando nesta sexta-feira, aos servidores efetivos da administração municipal, o salário do mês de fevereiro, mantendo a regularidade no calendário de pagamento. “Orientei ao secretário de finanças, Roberto Bispo, que priorizasse o pagamento dos salários dos servidores e mais, que a prefeitura cumpra o que determina a lei, por isso estamos pagando aos servidores já com o salário mínimo atualizado, que é de R$ 465,00”. Declarou o prefeito Luciano Bispo.

 

Fortalecimento do comércio

Com esta medida, nenhum servidor do município de Itabaiana receberá abaixo do valor estipulado pelo governo federal. “Este novo valor acaba gerando um impacto muito grande nas finanças do município, não somente no valor que é pago ao servidor, mas também nas despesas decorrentes da folha de pagamento, como o INSS patronal, que é de 22% sobre o salário do trabalhador. Por isso mesmo também orientei aos meus secretários muita cautela na hora de executar os projetos”, concluiu Luciano. O dinheiro injetado na economia da cidade através do pagamento dos salários dos servidores contribui muito com o fortalecimento do comércio local, que ocupa o segundo lugar no Estado, ficando atrás apenas da capital, Aracaju. (Ascom/PMI).

 

Concursados do BB e Caixa

A situação dos concursados do BB e da Caixa voltará a ser discutida no próximo dia 28, às 9 horas da manhã, no auditório do Sindicato dos Bancários. Ainda não venceu o concurso do Banco do Brasil, mas o banco já está anunciando novo concurso para o cargo de escriturário, cuja exigência é de nível médio, com remuneração inicial de R$ 942,90 mais gratificações. A realização está prevista para o segundo semestre de 2009. Além de Sergipe, as vagas ofertadas para Cadastro de Reserva são para os Estados do Mato Grosso, Tocantins, Acre, Alagoas, Amazonas, Amapá, Bahia, Ceará, Goiás, Maranhão, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima, Espírito Santo, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e interior de São Paulo.

 

Campanha “Esporte para todos”

Representantes da Secretaria da Fazenda, o secretário do Esporte e do Lazer, Maurício Pimentel e o presidente da Federação Sergipana de Futebol (FSF), Carivaldo Souza, estiveram reunidos na manhã desta quinta-feira 26, na sede da SEEL, para definirem detalhes da campanha “Esporte para Todos”, especialmente o programa de premiação.Muito embora tenha sido lançada oficialmente no último dia 12, a campanha ainda carecia de ajustes, no que diz respeito à premiação, uma vez que os 85 prêmios da promoção, inclusive os 8 automóveis, ainda estão em fase de aquisição. “Enquanto os fornecedores não entregam os produtos adquiridos, os prêmios não serão entregues no estádio de imediato, como consta no regulamento. A entrega será feita posteriormente”, revela o secretário Mauricio Pimentel.

 

Desvendando a arte dos vinhos

No mês de março, os amantes do vinho tem encontro marcado para mais um curso promovido pelo Armazém Bacco.  O evento vai acontecer no restaurante Salato & Caramelle, nos dias 9 para iniciantes e 10 para iniciados, sempre às 20 horas. Na primeira noite, o enófilo e consultor enogastronômico, William Kerne, vai tratar do tema “técnicas de degustação e a uva Cabernet Sauvignon”. Para os iniciados, a aula abordará os encantos dos vinhos brancos. Cada módulo contará com a apreciação de cinco rótulos harmonizados com pratos especialmente elaborados para o evento.  O investimento é de R$ 100 por dia e as vagas são limitadas. Inscrições nas lojas Enjoy e Mr. Kitsch, no Shopping Jardins, Armazem Bacco e restaurante Salato & Caramelle. Mais informações: (79) 3246-4585 (Bacco) ou 3243-4510 (Salato & Caramelle). Os dez primeiros inscritos ganham uma garrafa de vinho.

 

TURISMO X QUALIDADE

 

Alguns e-mails de leitores mostrando que é preciso melhorar muito o atendimento ao turista em Sergipe. Sem uma visão ampla de todos os segmentos, Sergipe não chegará nunca ao patamar turístico que todos os sergipanos desejam.

 

Ainda o hotel Starfish

E-mail recebido: “O verdadeiro problema do Starfish é a atual equipe de gestão. A maioria do staff vem do Breezer de Sauípe, com uma realidade diferente daqui, com caixa, etc… Se acham acima de todos… Estive por duas vezes passando o final de semana lá e as maiores reclamações são em relação a comida e entretenimento. Exemplo: nos tiragostos à beira da piscina são servidos salsicha, nuggets e similares. Os turistas reclamam, pois nem em casa comem isso, gostariam de comer comidas típicas, caranguejo… E é verdade que muitos disseram que não voltam mais ao Starfish. Um jovem médico de Goiânia, um senhor aposentado de SP, outro do Rio… Não precisa ter muito dinheiro para saber administrar, tem que ser competente, pois palavras e teorias bonitas não serve. Até hoje há débito referente ao Reveillon… Se os investidores não tomarem atitudes urgentes, vão num futuro bem próximo ver o Starfish numa situação pior”.

 

Fazenda Boa Luz

Outro leitor: “Na segunda-feira de carnaval estive com a minha família na Fazenda Boa Luz, e para o meu desgosto e dos diversos turistas que lá estavam, fomos surpreendidos com a notícia de que havia faltado energia e que diversos equipamentos de diversão não estavam funcionando, isso sem falar na comida de péssima qualidade (o meu filho parar no hospital com uma crise de vômito por causa de uma carne que comeu), além das bebidas quentes que eram servidas. A pergunta que fica é a seguinte: como é que um empreendimento daquele porte não tem um gerador para suprir energia em situações emergenciais? A bem da verdade, a direção do hotel fazenda até que tentou amenizar o problema não cobrando o valor de entrada dos visitantes, porém o estrago já estava feito e muita gente, muita gente mesmo, inclusive eu, não pretende retornar lá tão cedo. Fica aqui o registro”.

 

Bar do Alves I

Outro e-mail: “Quero me solidarizar com o leitor Max Alberto, pela suas reclamações sobre o Bar do Alves. Passei por uma experiência nesse bar que foi desagradável. Um belo dia de domingo, eu e minha namorada fomos ao Bar do Alves comer um empanado de Aratu, pois bem, primeiro é a demora para ser atendido, que parece que é marcar de lá, e quando consegue o garçom se comporta como tivesse fazendo um favor. Pedimos o empanado e uma cerveja, que já não veio tão gelada. Depois de 40 minutos, o garçom disse que o pedido não seria possível, que nos escolhêssemos outro prato, isso, já com o cardápio na mão, pelo fato de o equipamento está quebrado ou coisa assim. Na verdade, esses exemplos do Alves podemos estender para vários outros bares, restaurantes, entre outros. Sergipe se realmente deseja entrar na rota do Turismo Nacional, é necessário, é urgente se profissionalizar. Eu vejo com grande preocupação o governo investir tanto em atrair turistas,e não se preocupar com esses detalhes”.

 

Bar do Alves II

Continua o leitor: “Como bem colocou o leitor Max Alberto é necessário a profissionalização dessa gente. Vemos garçom, que é nítido, que não tem qualificação, gerentes sem o menor preparo, cardápios sem diversificação de opções, o tempo todo as mesmas coisas, a gente só muda de lugar mas as opções são as mesmas, os comerciantes sergipanos. Claro que não são todos, é importante que se diga. Parece que só vivem aqui, não sabem como outros estados estão, não conhecem as novas tecnologias, não trocam experiências, não se unem com instituições para se qualificarem. Para quem viaja para outros estados, sente um tremenda diferença: em atendimento, novidades, diversificação de bares e pratos, uso de tecnologia no auxilio das atividades, enfim, pessoas que investem em seus estabelecimentos, não esperam apenas as ações do governo.Mas somos culpados por ainda darmos a essas pessoas crédito, por ainda frequentarmos seus estabelecimentos. Precisamos ser mais exigentes, para vê se essas pessoas acordam. Contudo, não quero o fim do bar do Alves ou qualquer outro, tão pouco a demissão dos profissionais que ali dependem, muito pelo contrário, mas sim, poder ir a um lugar  ter um atendimento e variedade opções que sejam agradáveis…”

 

DO LEITOR

 

Barulho em plena terça de carnaval

Do leitor Alexandre: “Mais uma para a série “coisas inacreditáveis que acontecem quando eu  acho que sou dono do meu nariz e posso fazer o que eu bem entender”: o Colégio do Salvador resolveu trocar as grades de sua cerca. Imagina o  barulho de cortar e furar metal. Tudo bem, tem que ser feito, que seja  feito…Mas adivinha quando foi feito? Às oito horas da manhã do feriado

de terça-feira de carnaval….”

 

Caminhão do DER curtindo o carnaval

Do leitor Marcos Vinicios: “Mais um fato chamou a minha atenção neste carnaval foi o caminhão do DER (Departamento Estadual de Infra- Estruturas Rodoviárias) do poló de Nossa Senhora da Gloria em plena Segunda Feira (23/02) passando pela a cidade de FEIRA NOVA cheio de pessoas em cima do mesmo com roupas de banho provavelmente vindo da ADUTORA DO SÃO FRANCISCO, esse foi o caminhão, imagine os carros de passeios e um alerta se a pessoa ir até Canindé tem mais absurdo de outros órgãos do estado, principalmente Saúde”.

 

Infantilidade X vereador Matos

E-mail de um servidor municipal: “Infantilidade. É o mínimo que se pode dizer da intransigência do vereador Matos. Ou, de um outro ângulo, palhaçada. Certamente, o companheiro foi buscar inspiração num outro “presépio” na Câmara Federal – se não me falha a memória, um babaca baiano (ai que dor, valha-nos Oxalá) . O ilustre edil Matos, se é que é religioso, é do time “Só para constar”. Pergunto a sua excelência e à sua Santidade: a que serve a Deus um fiel, um servo sair por aí com um pedaço de pano na cabeça? Sua excelência quer servir ao Criador? Pois bem, que ele use sua bandana (ou coisa atrasada, meu) nos embalos de sábado, pegando um “jacaré” nas ondas de Atalaia, vendo o por do sol na Praia da Costa. Mas, na Câmara de Vereadores, não, não e não. Já imaginou se aparece outro “exótico” e alega promessa para frequentar a casa vestido de Carmem Miranda? E, além de ir trabalhar – mas, trabalhar mesmo, e não enganar, como é a práxis – o vereador Matos, mensalmente, deve reverter seu salário de legislador e todas as demais verbas em cestas básicas para os pobres. Aí, sim, ele estará servindo ao Pai. O resto, é infantilidade, exotismo…”

 

Contrato, Câmara de Itaporanga e MP

De um servidor municipal de Itaporanga: “Eitá que o Ronaldo Oliveira está aperriado, meu caro Cláudio Nunes, como você fiquei estarrecido com a nota do Vereador/Radialista Ronaldo Oliveira. O Vereador não informa na nota que ele é funcionário da referida emissora,  não informa também que seu salário era pago com o dinheiro que vinha via contrato Milênius Fm/Câmara de vereadores a Câmara pagava até o mês de dezembro de 2008 R$ 1.200,00(Hum mil e duzentos reais por mês),para ele Ronaldo retransmitir  aos Sábados os discursos dos Vereadores aliados do Grupo do então Dep. César Mandarino. Meu Caro Cláudio peça ao Ministério Público que investigue este contrato que não tinha Licitação, peço também que investigue um novo contrato da Prefeitura de Itaporanga com a Milênius Fm, além desses escândalos lembro que o Ronaldo Oliveira é funcionário da prefeitura de Itaporanga e passou os últimos (quatros anos a disposição da Câmara de Itaporanga), e foi o candidato derrotado do prefeito César Mandarino a presidência da Câmara em dezembro último”.

 

Itabaiana: assessor sofre

Do leitor Gilson: “O prefeito de Itabaiana Luciano Bispo compôs sua assessoria de pessoas com as mais variadas habilidades. Uma dessas habilidades parece ser o contorcionismo, prática antes mais afeita às atividades circenses. E como se comprova o contorcionismo? Vejamos: No dia 19/02, a coluna publicou a nota “Déda x Machado”, onde consta que o prefeito Luciano Bispo disse que o “governador Marcelo Déda não sabe administrar Sergipe”. No dia 20/02 a assessoria do prefeito encaminha à coluna uma nota de esclarecimento que é o mais puro exercício de contorcionismo. Publicada  sob o título “Luciano e Marcelo Déda I”, é dito que o prefeito não disse que Déda não sabe administrar e sim que “O governador não tem o hábito de conversar pessoalmente com os prefeitos…”. Perceberam como é fácil fazer confusão entre as duas frases? Notaram que a diferença entre uma frase e outra é um quase nada? Prestem bem atenção e veja se qualquer um não faria essa confusão. Mas, diante da tentativa de esclarecer, vale sentir pena do assessor que torceu, distorceu, fez um parafuso e, nada. É impossível. Mesmo que se misture o contorcionismo a mais uma habilidade, no caso o malabarismo.Assessor sofre!”

 

Ainda sobre o magistério I

Do leitor Messias Gonçalves: “Parabenizo pela demonstração de homem democrata, que vem pautando a carreira profissional, buscando ouvir e dar espaços para o contraditório. Pena que isso não represente para muitos, uma grandeza. Cláudio, fico feliz também em saber que as pessoas mesmo esbravejando, continue a ser leitores seu. Isso demonstra que de algum modo, você e esse espaço, estão com a verdade. Saliento que pontuei ponto a ponto, as colocações de um leitor. Isso em lugar nenhum caracteriza difamação. Quanto a questão de ter ou não ter CC´S e que possa criticar ou não o governo patrocinador, cabe ao caráter de cada um.  O que está em jogo especificamente, é que se trata de um fato objetivo aonde líderes, familiares e amigos comissionados, são conjuntamente responsáveis pelo processo educacional dos alunos da rede pública estadual, únicos prejudicados com essa falta de insensatez. Não adianta negarem a verdade. A lei é taxativa. “Prefeitos e governadores têm todo o ano de 2009, para adequação da nova realidade. Sem esquecer que a obrigação em janeiro de 2009, é com o acréscimo de 2/3 do que recebe o professor da educação básica e o valor de R$ 950,00”. Onde está o desrespeito para com essa classe?”.

 

Ainda sobre o magistério II

Continua Messias: “O grande equívoco, caro Cláudio, é quando se adota simplesmente a convicção ideológica. Esse é o perigo. Cláudio, você conseguiria dizer o que é está num governo, abarrotado de indicações e ao mesmo tempo provocar parte da sociedade, chegando ao cúmulo de dizerem que não há diferença com governos anteriores, razão da ascensão desses mesmos movimentos. Isso é a mais pura incoerência, meus amigos. Se considerarem igual, abandonem o barco, devolvam todos os cargos. Mas, depois não venham a chorar o leite derramado, quando voltarem ao poder, aquelas pessoas que massacravam, congelavam salários e não tinham a menor consideração para com o servidor público. Em respeito ao leitor do seu blog, mesmo eu, não sendo advogado, transcrevo para melhor esclarecer.  II – a partir de 1o de janeiro de 2009, acréscimo de 2/3 (dois terços) da diferença entre o valor referido no art. 2o desta Lei, atualizado na forma do art. 5o desta Lei, e o vencimento inicial da Carreira vigente; III – a integralização do valor de que trata o art. 2o desta Lei, atualizado na forma do art. 5o desta Lei, dar-se-á a partir de 1o de janeiro de 2010, com o acréscimo da diferença remanescente. Colocado isso, vou mais além, repito, mesmo sem ser advogado militante, com convicção ideológica, mas com a verdade dos fatos e somente isso, transcrever, Cláudio, o que a lei diz adiante e querem omitir. No próprio art.3º, II § 2º diz claramente:- “Até 31 de dezembro de” 2009, admitir-se-á que o piso salarial profissional nacional compreenda vantagens  pecuniárias, pagas a qualquer título, nos casos em que a aplicação do disposto neste artigo resulte em valor inferior ao de que trata o art. 2o desta Lei, sendo resguardadas as vantagens daqueles que percebam valores acima do referido nesta Lei. Portanto, Cláudio o piso é o resultado. Ele não começa em R$ 950,00 e mais as outras vantagens pecuniárias. Obrigado pelo espaço Cláudio e espero não tenha lhe difamado ao utilizar o seu nome inúmeras vezes. Obrigado e, que Deus abençoe a todos”.

 

Frase do Dia

“O socialismo não depende de você, nem de mim, nem de ninguém. O socialismo é a marcha inexorável da humanidade que marcha pra frente”. Jorge Amado.

 

 

 

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários