Gabriel Diniz: partes do avião são vendidas a ferro velho

0
Objetos pessoais e destroços do avião (Fotos: Adema)

O motor e o trem de pouso do avião PT-KLO que transportava o cantor Gabriel Diniz e mais dois passageiros foram vendidos a um ferro velho da capital. Segundo informações  repassadas pela Polícia Federal (PF), nesta terça-feira, 25, as peças pertenciam ao Aeroclube de Alagoas. Ainda segundo à PF, as peças vendidas não eram necessárias ao processo de investigação relativo às circunstâncias da queda do avião que vitimou o músico e os pilotos.

“O que foi vendido teve prévia autorização das perícias da Polícia Federal e da Aeronáutica”, informou à PF. O órgão informou ainda que as investigações seguem em andamento. “Grande parte da fuselagem do avião foi encaminhada à um laboratório em São Paulo para o processo de perícia”, destaca.

Entenda o caso

cantor Gabriel Diniz foi uma das três vítimas da queda do avião monomotor que caiu no início da tarde do dia 27 de maio na região do Porto do Mato, Estância. A aeronave, em que o cantor estava, desapareceu da frequência dos rádios e o Grupamento Tático Aéreo de Sergipe foi acionado pelo Espaço Aéreo de Recife no final da manhã do dia do acidente para averiguar o local.

por João Paulo Schneider e Aisla Vasconcelos

Comentários