OAB/SE recorre novamente para manter data de eleição

0

A Ordem dos Advogados do Brasil, seccional de Sergipe (OAB/SE), já interpôs um novo agravo contra decisão do desembargador federal Paulo Lima, que não reconheceu o agravo interposto pelo OAB/SE para que se mantivesse a data da eleição de desembargador no dia 15 de fevereiro.

 

Segundo o desembargador, a Ordem não pagou as custas processuais e, por isso, o processo não poderia seguir. De acordo com Valmir Macedo, presidente em exercício da entidade, a OAB é isenta de pagar essas taxas. “A OAB já se insurgiu, já recorreu ao tribunal”, explica Macedo.

Comentários