Reunião discute avanços na pesquisa sobre cultura de alimentos

0

Os avanços da pesquisa nas culturas do arroz, feijão, trigo, milho, abóbora e batata-doce, com o objetivo de obter novas cultivares com maiores teores de ferro e zinco, estão sendo tema da III Reunião Anual de Biofortificação, que acontece em Aracaju desde o último domingo, 31. Esses micronutrientes ajudam a combater a anemia e a hipovitaminose A, carências responsáveis pelos problemas de visão e debilitação do organismo que afetam mais de 2 milhões de pessoas em todo o mundo de acordo com dados da Organização Mundial da Saúde (OMS).

O evento, que será realizado até 5 de junho, contará com lançamentos de variedade de mandioca e uma cartilha sobre cultivo e consumo de batata-doce, além de outras atividades. Os participantes da III Reunião terão oportunidade de contato direto com as culturas que estão no foco das pesquisas. Na terça-feira, 2, haverá o Dia de Campo em Nossa Senhora das Dores.

A biofortificação de alimentos no Brasil envolve 10 unidades da Embrapa, órgão responsável pelo evento. Universidades, centros de pesquisa e extensão rural, prefeituras, associações de produtores e organizações não-governamentais também desenvolvem pesquisas na área.

Fonte: Embrapa

Comentários