Energisa compra distribuidoras da Eletrobras em leilão

0
Sede da Energisa (Foto: Energisa)

O Grupo Energisa arrematou as Centrais Elétricas de Rondônia (Ceron) e a Companhia de Eletricidade do Acre (Eletroacre) em leilão realizado pelo Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) nesta quinta-feira (30). A Energisa levou as distribuidoras anteriormente operadas pela Eletrobras ao oferecer um deságio de 21% para a Ceron e 31% para a Eletroacre, o que poderá representar um desconto tarifário de 2% e 3%, respectivamente, para os consumidores dessas distribuidoras.

As duas distribuidoras, hoje em situação deficitária, se juntam às outras nove concessionárias de energia que integram o Grupo Energisa no país, totalizando, agora, 862 cidades atendidas – antes da nova aquisição eram 788 municípios, distribuídos por uma área de 2.032 mil km². Com a aquisição, a quantidade de clientes atendidos pela Energisa, em todas as regiões do Brasil, salta de 6,7 milhões para 7,6 milhões – o que representa uma população de mais de 20 milhões de pessoas.

A aquisição está em linha com a estratégia de crescimento da Energisa e reforça a política de sinergia entre concessões do Grupo, buscando ativos em estados próximos às suas operações. Segundo o presidente do Grupo Energisa, Ricardo Botelho, a distribuidora adquirida passará por uma série de investimentos e mudanças na gestão para recuperar a saúde financeira e operacional, a exemplo do que foi feito com concessionárias adquiridas pelo Grupo nos últimos anos.

“A nossa história mostra que é possível obter equilíbrio econômico-financeiro e qualidade na prestação de serviços, reestruturando as dívidas e despesas e investindo de forma prudente e eficiente para recuperar as empresas. Temos como foco a excelência nos serviços e no relacionamento com clientes. Nossas distribuidoras estão entre as melhores do país em rankings da Aneel e vamos construir mais essa história de sucesso nestas concessões”, afirma.

Botelho afirma que as prioridades serão a retomada da sustentabilidade das concessões, da normalidade dos serviços e a modicidade tarifária. “Assim como fizemos em outras empresas adquiridas pelo Grupo nas últimas décadas – entre elas, as que pertenciam ao Grupo Rede e foram compradas pela Energisa em 2014 – iremos implementar na EletroAcre e Ceron um amplo projeto de transformação tecnológica e gerencial, que se inicia com disponibilização de recursos para os primeiros investimentos e saneamento financeiro. Vamos inaugurar uma fase de perspectivas muito positivas para os colaboradores dessas empresas e para o desenvolvimento dos Estados do Acre e Rondônia.

O Grupo Energisa tem forte experiência na compra e recuperação de distribuidoras deficitárias, que passaram a figurar entre as melhores do país após a nova gestão, tanto do ponto de vista financeiro quanto operacional.

No último Prêmio Abradee, por exemplo, em julho deste ano, o Grupo Energisa foi o mais premiado do setor, com nove premiações, entre elas a de melhor distribuidora do país com menos de 500 mil clientes (Energisa Minas Gerais, Nova Friburgo e Borborema) e melhor distribuidora do Nordeste (Energisa Paraíba). A distribuidora do Mato Grosso, adquirida em 2014, ganhou o prêmio de melhor distribuidora do Norte e Centro-Oeste. A premiação, concedida anualmente pela Associação Brasileira de Distribuidores de Energia Elétrica, reconhece as melhores empresas do setor.

Sobre o Grupo Energisa

Com 113 anos de história, o Grupo Energisa é um dos maiores do Brasil em distribuição de energia elétrica. Uma das primeiras empresas a abrir capital no Brasil, a companhia controla nove distribuidoras em Minas Gerais, Paraíba, Rio de Janeiro, Sergipe, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins, São Paulo e Paraná. Hoje, são aproximadamente 6,7 milhões de clientes – o que representa uma população atendida de cerca de 16 milhões de pessoas – em 788 municípios em todas as regiões do Brasil. Com receita líquida anual de R$ 13,6 bilhões, o grupo gera aproximadamente 16 mil empregos antes desta aquisição.

Com a missão de transformar energia em conforto, desenvolvimento e oportunidades de forma sustentável, responsável e ética, a Energisa atua com um diversificado portfólio que engloba distribuição, geração, serviços para o setor elétrico (Energisa Soluções), serviços especializados de TI e Call Center (Multi Energisa), comercialização de energia (Energisa Comercializadora) e, mais recentemente, transmissão.

Fonte: FSB Comunicação

Comentários