Microcomputadores e telefones fixos diminuem nos lares

0
Celular substitui microcomputadores nos lares dos sergipanos (Foto: Arquivo Portal Infonet)

Os sergipanos estão usando menos telefone fixo e menos microcomputadores em suas residências. Estes equipamentos que já foram bem vendidos em Sergipe e agora estão sendo substituídos por aparelhos de telefone celular, que a cada ano está mais presente nos lares dos sergipanos. Os dados estão compactados em estudos realizados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que integram o módulo Características Gerais dos Domicílios e dos Moradores da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD-C) 2017.

Pela pesquisa divulgada na quinta-feira, 26, a posse de telefones celulares cresceu nos domicílios sergipanos no ano de 2017. Na proporção de domicílios em que pelo menos um morador possui um telefone celular, a presença deste eletroeletrônico nos domicílios em Sergipe aumentou de 89%, em 2016, para 90,1% em 2017. E, em sentido inverso, aparece o telefone fixo cuja presença nos domicílios reduziu de 14,4% em 2016 para 11,3% em 2017.

Este cenário se repete nacionalmente em proporções diferentes de acordo com a região, que também apresenta queda na presença de aparelhos de televisão nos lares. Em Sergipe, a TV estava presente em 97,5% dos domicílios em 2016 e caiu para 96,3% em 2017. A gerente de pesquisa do IBGE, Maria Lúcia Vieira, associa esta realidade à preferência pelos telefones celulares entre os brasileiros.

Caiu também a presença de geladeiras nos lares dos sergipanos. Em 2016, 97,8% dos domicílios possuíam geladeira, mas no ano passado esta proporção caiu para o patamar de 97,2%. Por outro lado, os carros estão mais presentes nos lares sergipanos. No ano de 2016, 28,2% dos domicílios havia pelo menos uma pessoa com carro e no ano passado este percentual subiu para 30% nos domicílios. Em contrapartida, as motocicletas estão em número inferior. Elas apareciam em 25,2% dos lares em 2016 e ficou em 25% no ano passado. Já o número de domicílios com máquina de lavar em Sergipe aumentou de 35,7% em 2016 para 35,9% em 2017.

por Cássia Santana 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais