Setor de serviços em Sergipe cresce 2,2%

0
Setor de serviços em Sergipe cresce 2,2%  (Foto: divulgação/IBGE)

O secretário do Desenvolvimento Econômico e da Ciência e Tecnologia (Sedetec), Saumíneo Nascimento, através da análise dos dados divulgados pela Pesquisa Mensal de Serviços (PMS) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), referente ao mês de setembro de 2014, identificou resultados positivos do setor de serviços sergipano. Os dados apontam que a taxa de variação da receita nominal do setor de serviços em Sergipe, comparando os meses de setembro e agosto de 2014, foi de 2,2%. No acumulado do ano o crescimento apresentado pelo estado foi de 4% e no acumulado dos últimos 12 meses foi de 3,4%.

Com o objetivo de produzir indicadores que permitam o acompanhamento da evolução conjuntural do setor de serviços empresariais não-financeiros, e de seus principais segmentos, abrangendo  um grande conjunto de atividades, a PMS de setembro demonstra, por exemplo, perspectivas de elevação neste último trimestre de 2014, no setor de serviços prestados às famílias em Sergipe.

Segundo Saumíneo, mesmo que o resultado de Sergipe tenha ficado abaixo da média brasileira, que foi de 6,4%, a variação sergipana continua permanecendo positiva, fortalecendo a sustentabilidade do crescimento do setor. “Pode-se concluir que ocorreu em setembro uma desaceleração do crescimento do setor de serviços em Sergipe, tendo este crescido nos últimos dois meses, 6,7%, em julho de 2014 e 6,1%, em agosto do mesmo ano”, explica.

O secretário espera, ainda, um desenvolvimento do setor neste fim de ano. "Acredito em uma maior procura de serviços neste fim de ano, dentro de uma lógica  da área do comportamento do consumidor, em que os indivíduos, grupos e organizações selecionam, compram, usam e dispõem de serviços, ideias ou experiências para satisfazer as suas necessidades e desejos" conclui Saumíneo.

Fonte: Sedetec

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais