Corinthians 3 x 1 Palmeiras – Corinthians é o time da virada

0

São Paulo, SP, 10 (AFI) – No duelo de estreantes quem se deu melhor foi o argentino Mascherano sobre o paraguaio Gamarra. Tudo por causa da vitória do Corinthians por 3 a 1 sobre o Palmeiras pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O herói do clássico, além de Mascherano, foi o garoto Rosinei que entrou no intervalo e fez dois gols. O outro gol foi marcado por Gustavo Nery. Leonardo Silva abriu o marcador para o Palmeiras.

Com o resultado, o Corinthians pulou para a quinta colocação, somando 19 pontos. O Palmeiras é o 15º colocado, somando 13 pontos. A situação do técnico Paulo Bonamigo se complica e Émerson Leão volta a ser falado para assumir o Timão.

No final do jogo, o lateral Baiano foi protagonista de uma situação patética e foi expulso, arrumando uma grande confusão no jogo. Após as tentativas de agressão, Hugo, do Timão, também foi expulso.

Primeiro tempo igual
O Corinthians começou melhor e logo aos dois minutos Mascherano fez belo lançamento para Jô, que bisonhamente perdeu o gol, mostrando claramente que o Timão precisa de um camisa nove. Dois minutos depois Roger soltou a bomba em cobrança de falta e Marcos fez bela defesa.

Aos 11 minutos, o Palmeiras chegou, com Baiano cruzando, mas Alex Afonso furou na cara do gol. Após os dez primeiros minutos, o Palmeiras melhorou no jogo e chegava mais que o Timão.

O paraguaio Gamara quase fez um golaço aos 26 minutos, completando cruzamento da direita de voleio, mas Fábio Costa fez grande defesa. Dois minutos depois, Jô fez jogada pela direita e cruzou para a finalização de Tevez, mas a bola explodiu em Leonardo Silva. O Palmeiras respondeu logo em seguida, Lúcio cruzou, a zaga do Timão se atrapalhou, a bola resvalou em Marcelo Mattos e tocou no travessão.

O artilheiro do Palmeiras B na Série A-3, Alex Afonso, apareceu somente aos 35 minutos, chutando de fora da área, mas Fábio Costa espalmou para escanteio. Tevez quase abriu o marcador aos 42 chutando da entrada da área.

Gols no começo e Rosinei é o cara
O segundo tempo começou eletrizante, logo com dois gols. O Palmeiras abriu o marcador aos cinco minutos. Na cobrança da falta, a bola é levantada na área, Gamarra desvia e Leonardo Silva cabeceia para o gol. Dois minutos depois, o Timão empatou. Roger bateu a falta na área, a defesa do Verdão falha e Gustavo Nery livre empurrou de bico para o fundo das redes.

O Timão conseguiu a virada aos 16 minutos. Em um contra-ataque do Corinthians, Róger lançou Gustavo Nery na esquerda, que cruza na área para Rosinei completar de primeira para o gol. O mesmo meia que havia entrado no intervalo fez o terceiro do Timão aos 22 minutos. Mascherano roubou a bola no meio de Gamarra, lançou Jô, que cruzou para Rosinei tocar sozinho para o gol.

O Corinthians quase chegou ao quarto gol aos 31 minutos. Fábio Costa lançou, Leonardo Silva falhou, Tevez bateu e Marcos salvou com os pés. Dois minutos depois, foi a vez de Fábio Costa salvar o Corinthians após cobrança de falta de Baiano. Aos 43, Marcos evitou o quarto gol do Timão após cobrança de falta de Hugo. Um minuto depois, Hugo bateu da entrada da área e quase fez.

O lateral Baiano mostrou que não sabe perder e foi expulso após chutar uma bola contra Tevez. Na confusão, o meia Hugo foi expulso.

Próximos jogos
O Corinthians joga no próximo sábado contra o Paraná, fora de casa. O Palmeiras recebe no domingo o Fortaleza no Parque Antártica.

Ficha Técnica

Corinthians 3 x 1 Palmeiras

Local: Estádio Cícero Pompeu de Toledo (Morumbi-SP)
Árbitro: Wilson Luiz Seneme (SP)
Renda: R$ 611.897,00
Público: 39.629 pagantes
Cartões Amarelos: Carlos Alberto, Róger e Mascherano (Corinthians) e Corrêa, Leonardo Silva, Lúcio e Pedrinho (Palmeiras)
Cartões Vermelhos: Hugo (Corinthians) e Baiano (Palmeiras)
Gols: Gustavo Nery 7’/2T ; Rosinei 16’/2T e 22’/2T (Corinthians) e Leonardo Silva 5’/2T (Palmeiras)

Corinthians
Fábio Costa, Édson, Marinho, Betão e Gustavo Nery (Marcus Vinícius); Marcelo Mattos, Mascherano, Carlos Alberto (Rosinei) e Roger (Hugo); Tevez e Jô.
Técnico: Márcio Bittencourt.

Palmeiras
Marcos, Gamarra, Nen e Leonardo Silva; Baiano, Alceu (Cristian), Correa, Pedrinho e Lúcio (Fabiano); Marcinho e Alex Afonso (Warley)
Técnico: Paulo Bonamigo.

 

(Agência Futebol Interior)

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais