Poço Verde avalia ‘lockdown’ em resposta à falta de isolamento social

0
Os serviços de saúde seriam um dos poucos que funcionariam após o ‘lockdown’ (Foto: Ascom/ Poço Verde)

O prefeito do município de Poço Verde, Iggor Oliveira, afirmou na tarde desta segunda-feira, 11, que a administração municipal programa o ‘lockdown’, isto é, o fechamento total da maiora das atividades comerciais além do controle do fluxo de pessoas, para a próxima quinta-feira, 14. Segundo Oliveira, a medida enérgica é uma resposta à falta de comprometimento das pessoas em relação a manutenção do isolamento social na cidade.

Oliveira diz ainda que percebeu que muitos cidadãos não “levaram a sério” algumas medidas já em vigor na cidade (Foto: arquivo/ Portal Infonet)

“O que vai definir a decretação ou não do ‘lockdown’ será o comportamento das pessoas ao longo desta semana. Se até quinta-feira [14/05] o número de pessoas nas ruas e praças não diminuir, iremos optar por essa medida”, afirma o prefeito. Ele relembra que há quase dois meses começou a adotar medidas mais restritivas e que o resultado foi satisfatório. “Depois de 60 dias é que nós registramos os primeiros casos. E é justamente por isso que precisamos estar atentos”, destaca.

Oliveira diz ainda que percebeu que muitos cidadãos não “levaram a sério” algumas medidas já em vigor na cidade. “Nós percebemos que faltou empenho da população em muitos momentos”, destaca. Ainda segundo o prefeito, alguns comerciantes também deram um “jeitinho” de bular as normas. “Tiveram estabelecimentos comerciais que não estavam na lista de serviços essenciais, mas abriram mesmo assim”, lamenta.

Novo decreto 

A partir desse cenário de desobediência, o prefeito baixou um novo decreto nesta segunda, com algumas medidas que terão como objetivo avaliar o comportamento das pessoas. “Nós restringimos o horário do comércio. Dessa maneira, ele irá funcionar das 07h às 17h. Além do mais, fechamos nossas fronteiras, principalmente aquelas que ligam povoados vizinhos”, salienta.

Com esse novo conjunto de medidas, o prefeito espera a compreensão dos cidadãos. “O comportamento da população frente a essas novas medidas será analisado até esta quinta. Caso tudo continue como está, iremos decretar o ‘lockdown’ e ele começará a valer por três dias seguidos: na sexta, sábado e no domingo”, afirma.

por João Paulo Schneider 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais