TCE identifica 450 servidores com vários vínculos no Estado

0
Ulices Andrade entregará pessoalmente o resultado da primeira etapa da auditoria ao secretário George Trindade (Foto: TCE)

O Tribunal de Contas do Estado (TCE) identificou cerca de 450 servidores ocupando várias funções na administração pública, vínculos considerados irregulares. A relação dos servidores será encaminhada nesta quinta-feira, 10, ao secretário George Trindade, da Administração do Estado. A relação será entregue oficialmente pelo conselheiro Ulices Andrade, presidente da Corte de Contas do Estado de Sergipe.

De acordo com informações da assessoria de imprensa do TCE, esta relação é fruto da auditoria realizada pela equipe técnico daquele tribunal, atendendo pedido formalizado pelo próprio governador Belivaldo Chagas (PSD). Os técnicos do TCE iniciaram o trabalho e identificaram servidores com, pelo menos, três vínculos junto à administração estadual e em prefeituras sergipanas.

A auditoria ainda não foi concluída, segundo a assessoria de imprensa do TCE. Esta é o resultado da primeira etapa dos trabalhos, que têm como objetivo auditar a folha de pagamento. O pedido do governador, aprovado na sessão do pleno do TCE, tem como meta encontrar meios para proporcionar economia financeira, conforme explicou à época o secretário Sales Neto, de Comunicação Social, assim como também visa combater possíveis ilegalidades nos acúmulos de cargos.

A Constituição Federal estabelece alguns critérios para o acúmulo de cargos na administração pública, situação tolerante nas áreas de saúde e educação e vetada em outras áreas.

por Cassia Santana

Comentários