Campanha de Vacinação contra a Influenza inicia dia 15 de abril 

0
Em Sergipe são esperadas 562.414 pessoas a serem imunizadas e a meta mínima é de 90% (Foto: Valter Sobrinho ascom SES)

A Secretaria de Estado da Saúde (SES), através da Gerência Estadual de Imunização, reuniu na manhã desta terça-feira, 19, coordenadores de Imunização e representantes dos 75 municípios sergipanos para apresentação do plano de ação para a Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza, a primeira de 2019. O encontro aconteceu no auditório da Fundação Estadual de Saúde (Funesa).

A campanha acontecerá no período de 15 de abril a 31 de maio de 2019, tendo o dia 4 como o dia D de mobilização nacional. Em Sergipe são esperadas 562.414 pessoas a serem imunizadas e a meta mínima é de 90% o que corresponde a 506.173. Abaixo dessa meta, basta uma única pessoa não imunizada para o risco de contágio.

O público prioritário é composto por crianças de 6 meses a menores de 6 anos, indivíduos com 60 anos ou mais, gestantes, puérperas, trabalhadores da saúde, professores de escolas públicas e privadas, povos indígenas, adolescentes entre 12 e 21 anos sob medidas socioeducativas, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional, além de pessoas com doenças crônicas e outras condições clínicas especiais.

“De 15 a 19 de abril, serão vacinadas as crianças e as gestantes. Então, nessa semana só vai para a Unidade tomar a vacina esse público. Nessa campanha não vamos trabalhar somente a Influenza, como o país está com cobertura baixa, inclusive Sergipe, vamos aproveitar esse momento para atualizar o cartão de vacinação. A criança que chegar e estiver com alguma vacina de rotina atrasada poderá ser vacinada. Vamos oferecer no momento todas as nossas vacinas”, comentou a gerente de Imunização, Sândala Teles.
Segundo o diretor de Vigilância Epidemiológica do município de Lagarto, Carlos Carvalho da Silva, essa reunião de hoje é muito significativa quanto ao planejamento estratégico visto que é uma campanha de extrema importância, a nível nacional, para combate e prevenção dos vírus da Influenza.
“O município de Lagarto vem se organizando já com foco nos grupos prioritários, desde o momento em que foi enviado o ofício para abertura e elaboração da campanha, então as expectativas são as melhores. A gente sabe da dificuldade e da resistência para alguns grupos, principalmente crianças e idosos, mas de maneira antecipada a gente já vem se organizando e a reunião traz esse caráter de planejamento estratégico e elaboração da campanha, com foco em todos os grupos prioritários, alguns a gente vai trabalhar de maneira intensificada e o gerenciamento é muito importante durante toda a campanha”, disse Carlos.
A coordenadora do Programa de Imunizações e de doenças imunopreveníveis do município de Aracaju, Ilziney Simões da Silva Correia, contou que a partir deste encontro realizará, nos dias 3 e 4 de abril, uma reunião com os profissionais da Atenção Primária para passar todos os cuidados que devem ser adotados.
“É importante que a comunidade tenha ciência de que é uma vacina destinada a um público alvo específico e que a gente precisa estar ofertando justamente para eles porque são os mais vulneráveis aos problemas que podem ocorrer, aos agravamentos que podem ocorrer. Após a campanha, caso ainda tenhamos a vacina elas serão ofertadas para os demais que não foram contemplados como público alvo”, reforçou Ilziney.
Fonte: SES
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais